• O HipHop e a Estratégia de Mercado do Facebook

    Recentemente o Facebook, a maior rede social do planeta, anunciou o lançamento de seu projeto HipHop, que visa a conversão de scripts de páginas Web em PHP, transformando-os em executáveis na linguagem C++. Tudo em nome da performance, e da redução de custos de uma forma global para a própria empresa. O projeto foi criado a mais de dois anos, já prevendo o sucesso que seriam as redes sociais na Internet, e também visando o seu crescimento contínuo, com maior otimização e redução considerável de custos. Afinal, a meta do Facebook sempre foi a de se estabelecer e se manter como segmento líder no mercado de redes sociais.


    Tenha a idéia.

    Querer ser líder de mercado em seu setor - em sua área de atuação - é o sonho de "todas" as empresas existentes no mundo. Porém, querer e poder, são duas coisas completamente diferentes. Transformar uma idéia em um produto (e/ou serviço) de forma viável, já é um desafio à parte. Tornar esse produto (e/ou serviço) líder de mercado, é uma segunda etapa, e um desafio maior ainda. E tudo precisa de uma ordem certa para acontecer. Nada vem ao acaso, e sim, com muito esforço, investimento certo, e uma equipe competente. E quem vence sempre a disputa, não é quem está a mais tempo no mercado, mas sim, quem inova, e de forma constante.


    E o Facebook inovou de uma maneira que nenhum outro concorrente poderia esperar. De todas as táticas e estratégias que qualquer empresa séria avalia, reavalia e implementa de forma constante, o Facebook foi além. Esta companhia, sendo atualmente a maior rede social do mundo, com nada menos que 400 milhões de usuários registrados, para se destacar ainda mais e manter o crescente número de integrantes em sua rede, precisou atacar um problema que ainda não era problema para ninguém (pelo menos não para as suas concorrentes). Com o projeto HipHop, eles conseguiram reescrever todas as instruções PHP de seu servidor, em código executável C++, gerando com isso uma redução de consumo de CPU na faixa de 50%!


    Destaque-se no seu nicho de mercado

    Atualmente, esta rede social alcança a invejosa marca de mais de 400 bilhões de page-views de suas páginas em PHP por mês. Já prevendo um cenário bastante pessimista em performance de acesso e uso de sua rede, eles lançaram o projeto HipHop a exatos dois anos. Pensem bem: a empresa não estava apenas querendo inovar, para criar conflitos com outros projetos, como o PHP ou mesmo o Zend. Muito pelo contrário! Pelo atual tamanho de seu produto (e serviço) foi preciso para essa companhia pensar também nos custos de logística e financeiros como um todo. E com essa atual implementação, muito se reduz (ou melhor, se contém) em gastos com infra-estrutura, equipamentos, e funcionários extras. Ou pelo menos, podemos dizer que eles vão poder continuar a crescer no mesmo ritmo, não precisando por um bom tempo, gastar o equivalente financeiro que seria necessário investir, se nada fosse feito a esse respeito.

    Mesmo o PHP sendo um projeto forte, robusto, estável, e líder de mercado como "a linguagem de script para Web", o Facebook não pensou duas vezes em meter a mão a massa e criar seu próprio interpretador/tradutor de código PHP. O que muitos (senão a maioria) veriam como leviandade, a maior rede social do mundo ignorou os possíveis atentados verbais contra seus idéias, e foi lá e fez. Ela pensou e atacou o problema em um nível que nenhuma outra empresa no mundo teria feito igual. E esse problema estava abaixo do nível mais baixo de atenção de qualquer outra empresa. Para ser mais exato, esse problema estava na área virtual de conflito, num campo minado digital que nenhuma outra empresa poderia se aventurar passando-se por desapercebido.


    Invista sempre em seus produtos e serviços.

    Vamos fazer as contas: para uma rede social dominante, com mais de 400 milhões de usuários, e com mais de 400 bilhões de page-views mensais, conseguir 50% de redução de uso de CPU em 90% de suas páginas Web, não é para quelquer um. Isso significa uma redução monstruosa em relação a custos, infra-estrutura, equipamentos, e principalmente, funcionários. Isso não quer dizer que a empresa vai demitir centenas de funcionários pelo mundo, ou outras loucuras a mais, que muitas empresas chamam erroneamente de investimento. Com toda essa ação bem-sucedida, o Facebook poderá continuar a crescer com segurança, podendo investir mais e mais em sua companhia, seus produtos, e seus fucnionários. Tudo isso com uma ampla margemd e folga conseguida as custas da redução de consumo de CPU. Afinal, eles são uma rede social, onde o serviço principal deles, é baseado em servidores espalhados por todo o mundo.

    Quando se chega a esse nível - a essa projeção no mercado - é preciso se pensar em níveis mais básicos (e para alguns, mais obscuros) de desenvolvimento. E eles alcançaram a resposta. Essa redução de processamento permitirá que a empresa possa continuar a ser a líder entre as atuais redes sociais, com uma ampla margem de folga, financeriamente falando. E você acha que uma empresa dessas irá estagnar por ter conseguido uma vantagem dessa magnitude? Nunca! Aposto alguns bits com todos vocês como ela já está pensando além, em outros pontos a atacar, para cada vez mais otimizar seus serviços, e a reduzir seus investimentos financeiros em suas expansões. Tudo isso para se manter no topo de forma mais eficiente possível.


    Seja um vencedor

    Estar no topo é a terceira etapa na vida de qualquer empresa. Depois de lançar seu(s) produto(s) e serviço(s), e conseguir ser líder de mercado com ele(s), agora vem a parte mais difícil: manter-se lá em cima. Estar no topo é ser o alvo natural e primário de todas as as outras empresas do setor. É só você lá em cima, com todos lhe atacando por baixo (de forma honesta ou desonesta) para conseguir seu espaço. E uma inovação deste nível não passará desapercebida em suas concorrentes. Muitas vão começar a ampliar seus gastos, seus investimentos, em todas as áreas possíveis (e impossíveis) para não ficarem cada vez mais para trás.


    Notícias relacionadas:

    - Facebook Apresenta o HipHop
    - HipHop for PHP: Move Fast


Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L