• OpenPGP em Navegadores

    A Labs Recurity e seus desenvolvedores, estão trabalhando em uma implementação em JavaScript do OpenPGP. Caracterizado como um protótipo do GPG4Browsers, ele está agora disponível como uma extensão do Google Chrome, e pode ser usado com o serviço de webmail do Google. A extensão já permite aos usuários criptografar e decriptografar e-mails, adicionar e verificar assinaturas e certificados de importação e exportação.

    No entanto, ao contrário GNU Privacy Guard ( GnuPG ), o software não oferece atualmente nenhuma maneira de compressão de dados; os desenvolvedores sugerem que, para criar GPG4Browsers compatíveis com mensagens com GnuPG, os usuários adicionam a opção -compress-algo none para a sua configuração. O código fonte do GPG4Browsers está disponível como um arquivo ZIP ou de um repositório Subversion, licenciado sob a versão 2.1 da GNU Lesser General Public License (LGPL). Aqueles que querem manter o controle de seu desenvolvimento, podem acessar o repositório do Subversion.


    Saiba Mais:

    [1] Recurity Labs http://www.recurity.com/
    [2] GnuPG http://gnupg.org/

    Sobre o Autor: Camilla Lemke


Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L