• Oracle: Alavancagem de Resultados com Venda de Software

    A Oracle Corporation, que além de ser a gigante provedora dos bancos de dados se destaca por um portfólio de soluções tecnológicas de alta confiabilidade e eficácia, vem apresentando resultados que superaram bastante as estimativas do mercado. Isso ocorreu após as vendas de novos softwares, que se aproximaram das melhores previsões da empresa, em compensação a uma queda em receita referente a hardware. Dessa forma, a fornecedora californiana de software subiu 2,6% na bolsa de Nova York após essas notícias bastante positivas, contrastando com o índice de vendas há três meses. Nesse período, seu lucro no segundo trimestre ficou abaixo das previsões feitas pelos analistas, o que se referia a uma década.


    Expectativas da Oracle e Considerações de Analistas

    A companhia registrou lucro, excluindo ítens não recorrentes, de 0,62 dólar por ação no terceiro trimestre encerrado no dia 29 de fevereiro deste ano, ficando além da previsão média de 0,56 dólar. Essas estatísticas estão de acordo com analistas ouvidos pelo serviço Thomson Reuters I/B/E/S. Além disso, as vendas de software apresentaram um progresso de 7% (em comparação a um ano antes) para 2,4 bilhões de dólares. Com esse resultado, houve uma notável aproximação relacionada às melhores expectativas criadas pela Oracle.



    Vendas de Software Trazem Ótimos Resultados para a Oracle


    Sendo a terceira maior fabricante de software do mundo, depois da Microsoft e da IBM, a Oracle Corporation havia previsto que novas vendas de software subiriam entre 0 e 10 por cento um ano antes, referente a última vez em que divulgara seus resultados. Essa divulgação ocorreu no dia 20 de dezembro de 2011. Neste cenário, os investidores estão acompanhando de perto as vendas de novos programas de computador, porque eles costumam gerar altas margens e contratos de longo prazo, além de serem um importante termômetro dos lucros futuros da empresa.

    Segundo considerações de Kim Forrest, analista do Fort Pitt Capital Group, para que não haja nenhuma dúvida, o crescimento de 7% confirmado no terceiro trimestre é mais baixo do que o que foi registrado nos períodos anteriores. Ele acha que isso não é um bom sinal para os lucros que virão. Para o analista do Citigroup, Walter Pritchard, o setor de software mostrou plena recuperação, passando a ser o instrumento forte da Oracle.


    Saiba Mais:

    [1] Reuters Technology http://www.reuters.com/article/2012/...82J14X20120320


Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L