• Campanha de Espionagem Cibernética no Oriente Médio

    Um grupo de pesquisadores da Kaspersky Lab, anunciou os resultados de uma investigação conjunta realizada com a especialista Seculert. A investigação está relacionada a Madi, que trata-se de uma campanha de espionagem virtual ativa, visando vítimas no Oriente Médio. Madi é uma campanha voltada para a infiltração de rede, envolvendo um trojan que é entregue por meio de esquemas de engenharia social bastante cautelosos e com alvos selecionados. A Kaspersky Lab e a Seculert trabalharam juntas para poder acompanhar o servidor de Comando e Controle (C & C) de Madi. Neste trabalho, eles puderam identificar mais de 800 vítimas localizadas no Irã, em Israel e demais países selecionados em todo o mundo, conectados ao C & C ao longo dos últimos oito meses.



    Vítimas da campanha de ciber-espionagem foram encontradas em Israel e em muitos outros países


    Nesse contexto, estatísticas revelaram que as vítimas eram principalmente pessoas de negócios que trabalham com iranianos e israelenses, trabalhos exatamente relacionados a projetos de infra-estruturas críticas, instituições financeiras israelenses, estudantes de engenharia do Oriente Médio, e várias agências governamentais de comunicação no Oriente Médio. Além disso, a verificação do malware identificou uma grande quantidade de documentos religiosos e políticos e algumas imagens que foram abandonadas quando a infecção inicial ocorreu.

    "Enquanto o malware e a sua infra-estrutura forem considerados básicos comparados a com outros projetos semelhantes, os atacantes responsáveis pela Madi terão a capacidade de conduzir uma operação de vigilância relacionada à vítimas de alto perfil das vítimas", disse Nicolas Brulez, Pesquisador Sênior de Malware da Kaspersky Lab.


    Saiba Mais:

    [1] Net Security - Malware News http://www.net-security.org/malware_news.php?id=2190

    Sobre o Autor: Camilla Lemke


Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L