• Executivos de TI e Incapacidade de Trabalhar com BYOD

    A propagação do uso de equipamentos pessoais para acessar dados corporativos não conta com um acompanhamento e com um interesse por parte das equipes de TI das organizações. Isso é o que sugere uma pesquisa feita pela consultoria Ovum, envolvendo 4 mil funcionários em tempo integral, que encontrou um preocupante nível de ignorância relacionado ao uso desses dispositivos. De acordo com o estudo realizado, cerca de 70% dos donos de smartphones utilizam seus aparelhos para acessar dados das empresas.

    Tendo em vista essas condições, a consultoria sustenta que praticamente toda a atividade dos departamentos de TI relacionadas a essas práticas, continua sendo feita inadequadamente, devido a uma certa deficiência nos processos de gerenciamento, citando os riscos de perda de informações e a incapacidade de adoção de medidas preventivas.


    BYOD Tornou-se Bastante Comum na Atualidade

    O que acontece é que quase metade dos entrevistados em departamentos de TI, simplesmente não sabe ou prefere ignorar a existência dos fenômenos de BYOD, disse a pesquisa. A utilização dos próprios aparelhos é muito comum, ao ponto de já ter até jargão, que vem do do inglês Bring Your Own Device. Outros 8,1% dos entrevistados disseram que desencorajam ativamente a prática.




    BYOD virou um verdadeiro fenômeno, cada vez mais presente nas grandes organizações corporativas


    De acordo com Richard Absalom, Analista Sênior da Ovum, apesar de muita especulação, as práticas de BYOD vieram para ficar. Portanto, é preocupante vermos evidências de que uma grande proporção de gestores estejam fazendo vista grossa quando se trata de planejamento adequado para os negócios. Além disso, a pesquisa indica que o desconhecimento é maior em economias maduras, como na Europa, e menor em economias emergentes como Brasil, Índia e África do Sul.


    Privacidade no Uso de Aplicativos Pessoais em Smartphones

    O estudo indica, ainda, que a substituição por equipamentos fornecidos pelas empresas não é uma alternativa viável. “Metade dos empregados alegam que questões de privacidade os impediria de usar aplicativos pessoais nos smartphones corporativos e, por isso, a tendência de utilizar o seu próprio aparelho deve continuar.”

    "A forma das pessoas trabalharem vai ter um efeito profundo sobre como BYOD é gerenciado dentro de uma organização. Como tal, é imperativo que os departamentos de TI possam agir rapidamente para desenvolver e implementar políticas claras sobre BYOD. As práticas de BYOD podem proporcionar uma vantagem considerável em termos de produtividade e eficiência, mas para isso, será importante obter a mistura certa de política, processo, pessoas, tecnologia e gerenciamento", conclui Absalom.


    Saiba Mais:

    [1] Ovum Technology
    http://ovum.com/press_releases/ovum-...oes-unmanaged/

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L