• Ciclo de Vida do BeakOS - Best Enterprise Administration Kernel Operating System

    BeakOS é uma distribuição GNU / Linux, que foi projetada para funcionar perfeitamente em equipamentos de hardware limitados e também em equipamentos muito robustos, com gráficos de alto desempenho, que oferece três ambientes desktops como o GNOME por padrão, e, adicionalmente, o XFCE e o Fluxbox. BeakOS, ao ser desenvolvido, teve seu foco em ambiente de produção e na forma como gerencia os recursos e aplicações de arquitetura cliente/servidor, que é integrado por seus desenvolvedores. Além disso, houve um esforço para fornecer um sistema de desktop com aplicações mais exigentes que os dos usuários comuns. BeakOS teve seu processo de desenvolvimento orientado pela Infotec (Fundo de Informação e Documentação da Indústria), que faz parte dos centros CONACYT.



    O projeto de distribuição BeakOS GNU / Linux, veio da idéia de criar uma distribuição que otimiza significativamente os recursos de hardware, incluindo apenas os módulos do kernel e aplicativos necessários para um ambiente produtivo, que resultam da experiência de seus desenvolvedores a usar outros GNU / Linux; estes, na sua maioria, têm uma grande quantidade de hardware e incluem aplicações que não são necessárias, o que ocasiona um maior consumo de recursos da CPU.

    No final de 2012, com o lançamento do Infotec como desenvolvedora líder de BeakOS, o projeto foi interrompido por alguns meses para publicar a versão 2 (Kupisi), que foi planejado e suportado nas arquiteturas i386, x86_64 e ARM, e ambiente gráfico com o GNOME 3. Porém, no dia 12 de março de 2013, devido a ausência de uma equipe de desenvolvedores empenhada, aliada a má gestão, falta de apoio e interesse por parte da Infotec, foi decidido pelas autoridades encerrar as atividades do projeto BeakOS.

    Como nota adicional, vale a pena mencionar que o projeto teve uma forte aceitação e transmissão social dentro da comunidade de usuários de software livre no México, e em países como a Venezuela, a Argentina, Espanha e Indonésia, principalmente devido à metodologia de desenvolvimento utilizada para a sua construção. No México, especialmente em algumas universidades, está começando a gerar uma grande preocupação para quem pretende desenvolver e contribuir com o projeto.



    Estatísticas do Projeto




    Saiba Mais:

    [1] BeakOS http://www.beakos.org.mx/swb/es/Beak...ca_de_Nosotros
    [2] BeakOS Wiki http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Global-2013.png

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L