• XymTeX 5.01: Correção de Bugs e Unificação de Documentação

    No dia primeiro de Novembro deste ano de 2013, Shinsaku Fujita, junto ao Shonan Institute of Chemoinformatics and Mathematical Chemistry, em Kanagawa, Japão, lançou a versão 5.01 do XymTeX. O XymTeX (lê-se Kim-Tek, onde ambas as letras ''X'' são na verdade a letra χ do alfabeto grego), é o consagrado pacote de fórmulas e estruturas químicas para uso junto ao programador de textos LaTeX. A versão 5.01 foi lançada após quase três anos sem novidades no seu desenvolvimento. Esta recente atualização vem com um grande número de correções de bugs e uma novidade: a unificação de todos os manuais anteriores em um único documento PDF com 780 páginas.


    Exemplo de reação qu´imica complexa criada com o XymTeX que ilustra a capa do manual unificado da versão 5.01..

    Até a versão 5.00, todos os lançamentos incluíam, além de diversas novidades, um manual adicional em formato PDF, apresentando e ensinando como utilizar todos os novos recursos. E se você desejasse saber usar tudo o que o XymTeX pode lhe oferecer, precisava manter os documentos PDF anteriores armazenados (1.01, 2.00, 3.00, 4.01, 4.02-4.03, 4.04, 4.05A, 4.05-4.06B, 4.05-4.06C e 5.00) e consultar um por um para saber onde o tutorial de determinada função estaria disponível. No início do projeto esse procedimento não era incômodo. Mas atualmente com o lançamento de 10 versões (até a 5.00 lançada em 22 de Novembro de 2010) ficava muito difícil consultar tantos manuais. Mas agora que todos os manuais anteriores foram unificados em um único documento chamado xymtex-manualPS.pdf a vida de quem precisa consultar a documentação do XymTeX ficou muito mais fácil.

    Sobre o XymTeX

    Para quem não sabe, o XymTeX é um pacote de uso livre para lateX que permite ao usuário criar estruturas e reações químicas de forma profissional utilizando apenas instruções específicas de texto. Através dessas instruções simples você informa ao LaTeX para renderizar qualquer molécula ou mesmo reações completas, criando as mais complexas estruturas químicas que você possa imaginar. Vamos a alguns exemplos. Se você deseja criar uma molécula de spirostan básica, a instrução em XymTeX seria:

    \spirostan{}

    A molécula renderizada pelo LaTeX seria:


    Se você deseja criar uma variação do spirostan, por exemplo, a (25R)-5β-spirostan, utilize essa instrução:

    \spirostan{5B==H;{25}A==CH$_{3}$

    A fórmula apresentada será a:


    E a qualidade da apresentação gráfica deixa com inveja a maioria dos programas de desenho de fórmulas estruturais químicas atualmente no mercado. Veja um exemplo de um documento LaTeX completo utilizando o XymTeX para criar a fórmula estrutural de uma molécula de corticoesterona:

    Código:
    \documentclass{letter}
    \usepackage{epic,carom}
    \pagestyle{empty}
    \begin{document}
    \begin{picture}(1000,500)
       \put(0,0){\steroid[d]{3D==O;{{10}}==\lmoiety{H$_{3}$C};{{13}}==\lmoiety{H$_{3}$C};{{11}}==HO}}
       \put(684,606){\sixunitv{}{2D==O;1==OH}{cdef}}
    \end{picture}
    \end{document}
    O resultado final será um documento LaTeX apresentando apenas essa molécula abaixo:


    Se você é da área de química, seja um estudante, professor ou pesquisador, e já utiliza o LaTeX para a criação de seus documentos e artigos científicos para os principais periódicos no mundo, vai gostar de conhecer o XymTeX.

    Saiba Mais:

    - XymTeX: XyMTeX System for Drawing Chemical Structures (em Inglês)

    Sobre o Autor: saryshagan


Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L