+ Responder ao Tópico



  1. comcordo com tigo alexandre, ja discutimos isso via MSN mesmo hehehe, vamos juntar o que der, enquento der!!!

  2. Cara... nem tanto, nao é tao alarmante como voce esta pintando... a rede GSM foi proposta pra comunicao de VOZ, e depois de um tempo comecou a ser interessante trafegar dados para diversos serviços... se eu me lembro bem.. 3G da para puxar link de 2Mbps, so que a uma certa taxa de confibialidade ai... na hora que a ERB precisar de canais de voz, ela vai tirar dessa velocidade do "GPRS" e logo cortar a sua velocidade... a proposta de rede é manter o QoS em cima de voz e nao em cima de dados.
    O principal foco do 3G na velocidade é para voce fazer videoconferencia e tudo mais... e nao simplesmente para NAVEGAR na internet... navegar na internet vem mais como uma opção... e voce nao quer fazer nada de MAGICA no celular correto? alguem ai jah navegou usando GRPS 2.5G? a conexao é triste.. é 115kbps, e sim é bem melhor que um modem de 33600 de 1993 (circa) nao é verdade? a tecnologia EDGE jah permite 500kbps... mas e aí a confiabilidade é outra.

    Nao vejo essa tecnologia retirando do mercado provedores wireless, dsl e cables.

    Quando voce cita que nao tem provedores wireless em outras cidades.. sejamos francos, nas cidades digamos que "mais desenvolvidas" de outros paises, realmente nao tem ESPACO para provedor wireless... tem muito predio, muita interferencia no sinal e tudo mais, e sem falar que voce paga miserios planos (coisa de 30-50 euros em Portugal) para vir junto com a sua TV a cabo, no mesmo plano, coisa de 2 Mbps de link. Voce acha que da para fazer concorrencia frente a isso no mercado lá? Com a estrutura da cidade? Acho que nao... provedor wireless se da bem aqui por causa das condicoes.... alguem sabe explicar porque cable modem nao vingou forte no Brasil e no USA é sucesso??? poiseh... analise esses pontos



  3. Amigos,

    de tempos em tempos há reviravolta em todos os seguimentos comerciais e empresariais. No mercado de telecomunicações não é diferente. Em parte o colega que abriu o tópico tem razão: nos próximos 5 anos mudanças acontecerão... e muitas! Quem não estiver preparado para elas vai desaparecer. Sem sombra de dúvidas o WiMAX (no futuro) vai desbancar em parte a tecnologia aberta (2.4GHz e 5.8GHz), pois ficarão tão saturadas e com tantas interferências que impossibilitarão o uso comercial das mesmas.

    Imaginem: 2.5 e 2.6GHz (TVs por assinatura), 3.5GHz, 12GHz, 30GHz (WiMAX), Operadoras de Celular (3G), Operadoras de ADSL, TV a Cabo, SCM, além de milhares de provedores no Brasil inteiro. Teremos concorrências ferrenhas e o amadorismo dos pequenos não terá mais vez. Chegou a hora da profissionalização e/ou da união. Os provedores devem se unir e brigar pelo mercado de forma uníssona.

  4. Citação Postado originalmente por MarceloGOIAS Ver Post
    Amigos,

    de tempos em tempos há reviravolta em todos os seguimentos comerciais e empresariais. No mercado de telecomunicações não é diferente. Em parte o colega que abriu o tópico tem razão: nos próximos 5 anos mudanças acontecerão... e muitas! Quem não estiver preparado para elas vai desaparecer. Sem sombra de dúvidas o WiMAX (no futuro) vai desbancar em parte a tecnologia aberta (2.4GHz e 5.8GHz), pois ficarão tão saturadas e com tantas interferências que impossibilitarão o uso comercial das mesmas.

    Imaginem: 2.5 e 2.6GHz (TVs por assinatura), 3.5GHz, 12GHz, 30GHz (WiMAX), Operadoras de Celular (3G), Operadoras de ADSL, TV a Cabo, SCM, além de milhares de provedores no Brasil inteiro. Teremos concorrências ferrenhas e o amadorismo dos pequenos não terá mais vez. Chegou a hora da profissionalização e/ou da união. Os provedores devem se unir e brigar pelo mercado de forma uníssona.
    Concordo plenamente com voce Marcelo, à anos atras quando começei na area de eletronica qualquer oficina fundo de quintal consertava aparelhos eletronicos como tv radio etc... agora com a tecnologia de componentes smd, laser, etc.. como cd dvd plama lcd e as fabricantes de paralehos eletronicos nao fornecendo componentes para o mercado externo (sem ser autorizadas) ficou dificil de se trabalhar sem contar com o preço dos aparelhos que baixou muito, o cliente prefere pagar 15 parcelas de 30 reais, que pagar 80 ou 100 reais em um conserto.
    Em todos segmentos é assim e na wireless nao sera diferente, entao todos tem que se preparar para o futuro seja nesse ramo ou em qualquer outro porque ate parece uma frase louca mais so os fortes sobreviverao
    é esse meu pensamento falow abraços a todos.



  5. Citação Postado originalmente por alexsuarezferreira Ver Post
    acho que vc`s nao estâo enchergando o que esta aconteçendo, e mais que perigoso, sera fatal com o tempo, nao vai ser de um dia para outro, mas acredito que seja mesmo o fim.
    Vc já parou pra pensar que algum dia vc vai fatalmente MORRER?
    Então!!! Tecnologias nascem e morrem com muito mais frequencia!!!
    Mas lembre-se: Nascem e Morrem.
    Pense nisso.






Tópicos Similares

  1. OI me ferrou e agora que fazer?
    Por jmayer no fórum Redes
    Respostas: 30
    Último Post: 02-01-2011, 08:59
  2. Banda Larga Claro por 49,90
    Por 1929 no fórum Redes
    Respostas: 35
    Último Post: 28-05-2008, 21:43
  3. Agora vai......
    Por Futuremax no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 0
    Último Post: 06-12-2002, 08:40
  4. GCC 3 ou 2.90
    Por Celio no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 0
    Último Post: 12-11-2002, 15:24
  5. ainda sobre os logs do radius.. agora usando accounting...
    Por dboom no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 14-09-2002, 22:01

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L