+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por admskill Ver Post
    Eh isso que eu vou fazer em alguns locais aki ... vou fazer uma pesquisa de clientes e no foco que tiver mais eu coloco a antena 5.8 e o resto vai por cabo !
    Bom Trabalho em um provedor de internet que trabalha com redes cabeadas.

    em alguns casos usamos routerboards ou canopys e distribuimos no cabo com alimentação independente, via cabo pp de elétrica.


    mas ja eu em um servidor pirata que montei para uns amigos fizemos da seguinte forma

    ap e antenas zirok de 2.4 bem fixas sem balançar e distribuimos no cabo, não poupamos qualidade nos cabos de rede, usamos furukawa na espinha, ou seja nas ruas principais, e nos clientes usamos, cabos um pouco inferiores, mas nada de muititork ou algo assim. alimentamos os switchs com cabo fe da telemar, mas ligado em um lugar próprio, nada de postes, pois há variação na rede e sempre queimará os switchs, não deixe de usar nobreaks, tanto no servidor mikrotik, quanto na rede elétrica, não mude a topologia de rede, obedeça os 100mts, no meu caso eu coloco até menos que isso, nesse caso melhor errar pra menos, pois quanto vc pingar a rede no últimos switch vai parecer que vc está do lado do teu servidor e não use switch merda como gts encore, eu uso pacific e nenhum outro na rede, mas vc pode usar o dlink, são ótimos. e em casa de clientes se enxergarem na rede, isso vc bloqueia com o mikrotik. evite usar rj45 merda, senão, vc vai trabalhar 2 vezes e nunca diga que é velox ou rádio, diga banda larga com servidor próprio. os clientes não são nossos amigos, espere só quando a internet cair pra vc se eles são amigos.
    Espero ter ajudado.
    Última edição por claudiolegal2000; 28-01-2009 às 00:15.

  2. Gente,

    Esse post está extremamente concorrido. Já vi muita coisa nessa vida, mas depois de ler essas mensagens postadas fiquei balançado com tudo.

    Juro que a partir de agora vou pensar de forma diferente.

    Sem querer falar mal de "a" ou "b", mas essas empresas que fazem esse tipo de rede aérea com alimentação remota são regularizadas?

    Lembro de alguns projetos que fizemos na época "jurássica" de telecom dos famigerados "mux analógicos", nós usávamos um dos pares do cabo para alimentar remotamente os equipamentos instalados nos postes, mas a tensão era 96 VDC, ou seja, os +48 VDC x 2.

    Dava problema de segurança pra cacete. Os desavisados dos técnicos, no bom sentido, as vezes para medir uma linha davam um curto nos pares e de vez em quando acertavam os pares que alimentavam o mux e toma-lhe problema (fagulhas ou faiscas).

    Eu acho muito arriscado, apesar de saber que funciona, esse negócio de tele-alimentar os equipamentos.

    Uma perguntinha. Se é tão factível assim vocês tem conhecimento de empresas de equipamentos de telecom que façam dispositivos com esse funcionamento?

    Só perguntei porque um ADSL e uma rede aérea de pares bem projetada é muitíssimo mais eficiente do que tudo que eu pude ler nesse tópico além de que ao longo do tempo isso acaba ficando bem mais barato e fácil de manutencionar do que isto.

    Agora se as empresas pensam em lucros rápidos, com certeza o que já li por aqui é mais adequado.

    Bom gente, isto é só a minha humilde opinião, sem querer ofender ou denegrir o projeto de ninguem aqui do forum ok.


    Abraços,



  3. Citação Postado originalmente por wagnerb Ver Post
    Gente,
    Lembro de alguns projetos que fizemos na época "jurássica" de telecom dos famigerados "mux analógicos", nós usávamos um dos pares do cabo para alimentar remotamente os equipamentos instalados nos postes, mas a tensão era 96 VDC, ou seja, os +48 VDC x 2.

    Só perguntei porque um ADSL e uma rede aérea de pares bem projetada é muitíssimo mais eficiente do que tudo que eu pude ler nesse tópico além de que ao longo do tempo isso acaba ficando bem mais barato e fácil de manutencionar do que isto.
    Agora se as empresas pensam em lucros rápidos, com certeza o que já li por aqui é mais adequado.
    Nunca achei essa de alimentar remotamente, pelo menos a longas distancias, uma boa. Voltagens mais altas são arriscadas. Já alimentação direta do poste (via convênio com a elétrica) é usada em alguns lugares com sucesso.

    O conjunto de adsl para pequenos provedores acho inviável pelo custo, normalmente não se tem verba para esse tipo de investimento.

  4. Citação Postado originalmente por lfaria Ver Post
    Nunca achei essa de alimentar remotamente, pelo menos a longas distancias, uma boa. Voltagens mais altas são arriscadas. Já alimentação direta do poste (via convênio com a elétrica) é usada em alguns lugares com sucesso.

    O conjunto de adsl para pequenos provedores acho inviável pelo custo, normalmente não se tem verba para esse tipo de investimento.
    lfaria, tenho meus receios técnicos com relação a tele-alimentação, mas quem sou eu pra falar algo, rs.

    Já do poste, tenho conhecimento e acho muito mais viável, mas eu creio que o custo mensal disto seja alto comparando com a topologia de rede metálica sem alimentação remota.

    Não sei se fugiria ao tópico, mas alguem daqui tem noção de quanto custa a instalação do km de um cabo de 200 pares aéreo, espinado, com o custo do cabo em si embutido?

    Abraços,



  5. Quem usa rede cabeada já recebeu visita da Anatel, e como foi? Quais exigencias? Eles também vão nõs clientes?






Tópicos Similares

  1. Ativando e Desativando Serviços
    Por Morfeu no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 5
    Último Post: 12-11-2002, 11:15
  2. Criando serviços
    Por MiddleEarth no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 4
    Último Post: 30-10-2002, 20:57
  3. desativar servico
    Por calthc no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 2
    Último Post: 28-10-2002, 08:53
  4. Parando serviço de rede sozinho...
    Por ediguedes no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 7
    Último Post: 26-07-2002, 20:03
  5. Servidor para servicos ...
    Por MarcelScan no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 09-04-2002, 22:39

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L