Página 2 de 3 PrimeiroPrimeiro 123 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Como sempre muito objetivo e com grande capacidade de sintetizar, Minelli.

  2. Citação Postado originalmente por minelli Ver Post
    Mas sabe qd sabia pouco ingles fazia assim: -traduzia e via os dois testos juntos assim do inglês pegava os termos técnicos que infelismente o google traduz e do portugues pegava o restante que interessava, claro da trabalho mas garanto funciona.
    Quanto a src e dst teoricamente é:
    src - que se original do servidor
    dst - que ñ se origniga do servidor
    Melhor que isso somente manual do MK.
    Acho que deu pra ter uma ideia.
    Sei que funciona, faço muuuuiiiiito... :-)

    src - source - origem
    dst - destino.

    Dá pra ter uma idéia, o que me confunde é que dependendo do ponto de vista (origem dos dados) esse fluxo pode mudar.



  3. qual seria um exemplo pratico?



  4. Citação Postado originalmente por mollinar Ver Post
    qual seria um exemplo pratico?



    Digamos que você esteja usando um ip 192.168.0.5 e acessando o uol.com.br[200.98.249.120].
    Neste caso, você será o srcnat (do onde veio o acesso) e o uol o dstnat, que será o destino do seu acesso.



  5. sou obrigado a fazer essa regra para funcionar?






Tópicos Similares

  1. Respostas: 4
    Último Post: 23-08-2005, 14:37
  2. O que significa esses numeros no vmstat
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 0
    Último Post: 18-07-2005, 17:15
  3. Antenas? O que significa?
    Por no fórum Redes
    Respostas: 3
    Último Post: 14-04-2005, 15:18
  4. O que significa esse IPTables ???
    Por pssgyn no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 13-02-2004, 01:05
  5. o que significa NIS e LDAP??
    Por Vaza no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 5
    Último Post: 05-10-2003, 00:25

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L