+ Responder ao Tópico



  1. #25

    Padrão

    Citação Postado originalmente por JHONNE Ver Post
    bem a pergunta não foi pra mim, mas,

    ...amigo aí vc precisa marcar as rotas.
    Tentei marcar mas parece que tem alguma coisa errada,pq parece que depois que marco a rota o youtube para de abrir.

  2. #26

    Padrão

    Bom, exatamente como fazer isso eu não tenho agora em mente, mas vou olhar e daqui pro final da tarde posto aqui, se alguém tiver uma idéia mais rapidamente pode postar que só vai ajudar,agora vou dar uma olhada nos manuais que tenho aqui.

    Mas é como eu falei, todo o tráfego do youtube está marcado, o que antes poderia ser uma tarefa difícil tornou-se mais simples por que a marcação é eficiente, ao menos no youtube, mas vou ver aqui, pena que não tenho dois link's para fazer o teste, se alguém que tem quizer disponibilizar para que eu faça os testes...



  3. #27

    Padrão

    Olá!


    Não estou na maquina que posso fazer todos os testes, mas dê uma olhada nesse arquivo que está em anexo, é só seguir a mesma linha de raciocínio, só que você vai usar ao invéz do endereço a ''marcação'', quando você abrir o arquivo você vai entender o que estou dizendo.
    Arquivos Anexos Arquivos Anexos

  4. #28

    Padrão

    Citação Postado originalmente por gulinhaster Ver Post
    Tentei marcar mas parece que tem alguma coisa errada,pq parece que depois que marco a rota o youtube para de abrir.
    Exatamente, vamos analisar então por que isso acontece.

    Você esta recebendo os pacotes para depois fazer as marcas, então eles já estão dentro e não há meio de dizer para eles, saiam e voltem para entrar por outra interface/rota. Logo, o meio a se utilizar é definir as rotas de entrada para cada ip origem do youtube, é importante lembrar que como são tantos servidores do youtube envolvidos a maneira mais fácil de fazer isso é colocando o youtube pela rota default e deixando outros serviços mais importantes em outros links para fins dedicados e para que não haja competição com youtube.

    Marcar as conexões e posteriormente os pacotes desta conexão vindos do youtube é sempre uma boa, primeiro para identificar e depois para diminuir a necessidade de alto processamento para fim de controle de consumo de link, porém a idéia de após feito isso desviar de um link a outro estes pacotes na entrada não me parece muito plausivel, que me corrijam se eu estiver errado.

    Já utilizo minha própria solução e ela inclui limitadores de youtube dentre tantos outros serviços.

    Abraço a todos

    Luciano Rampanelli
    Última edição por m4d3; 01-11-2008 às 18:30.



  5. #29

    Padrão

    parabéns Luciano por sua excelente explicação, tem lógica sim seu pensamento, mas uma coisa me deixou curioso:

    Essas tantas soluções que você tem com relação ao youtube nunca foram compartilhadas aqui não, não é?

  6. #30

    Padrão

    quando faz a marcação de pacotes, está marcando a requisição.

    se a marcação é feita para pacotes que os clientes estão requisitando pode-se definir qual link sairá a requisição, e para cada requisição há uma resposta, que virá pelo mesmo link que foi enviado.

    é a mesma coisa que deixar o youtube usando a rota padrão e direcionar outras para outro link.