Página 5 de 5 PrimeiroPrimeiro 12345
+ Responder ao Tópico



  1. #25

    Padrão

    [quote=1929;369029]Trocando idéias é que se pode achar saidas.

    Brow bom dia,
    Na verdade não!
    A claro , vivo , sky e as demais e estão fazendo a mesma coisa que a shturbo ou o inverso.. eles são mais velhos então nos estamos nos espelhando neles.... rsrs
    Justamente a interconexão que é o que importa a anatel e feita pela empresa outorgada, a claro e as demais so colocam a torre, pedem um link de troca com a operadora da região e a interconexão e feita pela dana da torre.. não havendo necessidade de ter uma filial e sim uma central de vendas(claro que esse representante, tem que ter seu alvará tudo certinho, senão a fiscalização vai fechá-lo mais mesmo fechando não vai acontecer nada com a outorgada) Como por ex em Posse, se hj a junta comercial for na central de e multa o representante por alguma irregularidade dele, O serviço da SHTURBO continua operando normalmente sem problemas, apenas vamos parar de vender na região até a central voltar ao normal, porque o autuado não foi nem era problema com SHTURBO e sim com a empresa do representante, assim pode acontece cm um representante da vivo, claro e etc...
    Há sim outra coisa que vcs tem que entender, no caso de posse-go, campo grande-ms, gaúcha do norte-mt por ex, se algum pirata liga na anatel tentando fazer alguma denuncia na anatel, o pirata vai ligar e dizer o que, o a shturbo ta vendendo Internet aqui na minha cidade... a anatel vai falar a shturbo tem outorga pra isso, ai individuo pode quere argumentar mais não o pessoa de Brasília e um morador daqui q vende, a Anatel pergunta, mais em nome de quem, o individuo da shturbo mesmo... mais e o cara daqui, a anatel responde se é a Shturbo não tem irregularidade nenhuma, sabemos que ela vende sem sua região e declara os clientes que tem ai todo trimestre....
    Isso sim é totalmente legal desde que as operadoras paguem o imposto arrecadado com os clientes da região..
    Assim que fazemos.
    E pode ter certeza quem nos mostrou o ex de como fazer há época foram os srs Borges (Engenheiros Chefe da fiscalização na anatel) e o Sr. Maciel (Adv da anatel) e o Sr. Evangelista (Membro do Conselho aprovador de Outorgas)
    Sempre que surgem duvidas entramos em contato com essas 3 feras.

    Esse é o trecho que a anatel publicou, da uma lida:
    5- Não sou autorizado do SCM. Posso prestar serviço de telecomunicações usando a autorização de prestação do SCM de outra empresa?
    Não! A legislação do setor de telecomunicações estabelece que somente empresas com concessão, permissão ou autorização emitida pela Anatel podem explorar serviços de telecomunicações no país. A legislação prevê também que a prestadora do serviço de telecomunicações poderá contratar com terceiros o desenvolvimento de atividades inerentes, acessórias ou complementares ao serviço. Entretanto, a prestadora será integralmente responsável pela exploração e execução do serviço perante o assinante usuário de telecomunicações. o link esta na minha assinatura.

    Justamente no nosso caso quem presta o telecom e a shturbo e não o franqueado, é por isso que vcs estão se equivocando... vcs acho que podem continuar prestando o serviço de telecom... se franqueando vc passaram a ser apenas um serviço complementa a telecom, o bendito cujo SVA, que seria apenas a venda e instalação, o resto é com a outorgada...
    Ha lembre só pra ter uma idéia no caso de uma instalação na região franqueada, quem libera o acesso na rede da shturbo e so a matriz o franqueado não tem acesso a isso. Por que? porque não é o franqueado que presta o Telecom, somos nos....
    Bem espero ter esclarecido um pouco mais... abraços, qualquer coisa tem o telefone do Maciel ADV da anatel na minha assinatura também..
    Última edição por Shturbo Internet; 08-01-2009 às 09:02.

  2. #26

    Padrão

    Eu entendo perfeitamente todas as tuas alegações.
    E parecem ser satisfatórias. Assim como outros formatos que procurei.

    A única coisa que me deixou encucado, é o que a pessoa na Anatel me disse sobre junta comercial, alvará etc.
    Quem presta serviço tem que ter empresa constituida na cidade e não só uma matriz nacional.

    Procura entrar em contato com estas 3 feras que voce citou e tira estas dúvidas para nós, sobre a filial.
    Eu achei muito lógica esta maneira de comprovar quem realmente presta o serviço . Só que me assustei, pois se assim for feito, vai restringir em muito os negócios na área.

    E eu não estou a fim de me incomodar com Policia Federal.
    Acho que para todos nós, precisamos ter 100% de garantia da negociação.
    Mas sei que tem gente que pensa o contrário. Quanto mais mexer com a Anatel, mais fede. Eu já penso o contrário. Quanto mais segurança melhor.



  3. #27

    Padrão

    [quote=1929;369109]Eu entendo perfeitamente todas as tuas alegações.
    E parecem ser satisfatórias. Assim como outros formatos que procurei.

    Claro brow, vc esta 100% certo em procurar a melhor e mais segura opção, entrei em contato por telefone com o Maciel e ele me afirmo que esta tudo correto, mais vou pedir ao departamento juridico para que protocole uma carta solicitando por escrito essas informações, deve demorar ums 30 dias a resposta..