+ Responder ao Tópico



  1. Cara vc falar que o 1929, magal, pedro0278 e outros aqui não tem conhecimento de RF, tu tá brincando né...........

    Citação Postado originalmente por GilvanEnriconi Ver Post
    Coloquei este comentario sobre poluição, com o objetivo de criar uma discução científica, onde ao final reforçaríamos os conceitos com base científica. Infelizmente as participações demonstraram um profundo desconhecimento do assunto proposto. Mas, acredito que ossunto vai evouir com a participação de pessoas com mais conhecimento. E aquilo que hoje parece irrelevante, se revelará como altamente relevante. Exatamento como Galileu afirmou que o mundo era redondo. Com certeza ouviu muitas piadas e risos dos incrédulos. Pessoal me tirem da fogueira - Participem

  2. Citação Postado originalmente por river2 Ver Post
    Cara vc falar que o 1929, magal, pedro0278 e outros aqui não tem conhecimento de RF, tu tá brincando né...........

    Boa, na verdade ele quis dizer que nem os engenheiros sabem de nada tbem!
    ele é o pai da Aviação, Pai das parabolas, e o dono da verdade!
    só que isso aqui é um forum de discussão aberta e nao adianta ser pai de nada!

    Viva O conhecimento!



  3. O ANTENEIRO




    ABORDAGEM


    Todo o ramo de atividade tem seus expoentes máximos, aqueles que se destacam no sucesso sobre os outros no que tange ao sucesso na área econômica e na área do talento. Nas telecomunicações também.
    Vamos analisar nosso grupo de REDES WIRELESS. Em quantos ramos de atividade se dividem e quem são os expoentes. Vamos lá:

    Instaladores de antenas.
    Nenhum é um expoente comercial. Nenhum ficou rico ou é bem sucedido instalando antenas de Wi-Fi.

    Configuradores de rede.
    Nenhum é um expoente comercial. Nenhum ficou rico ou é bem sucedido configurando redes de Wi-Fi.

    Donos de Provedores.
    Alguns, muito poucos, cresceram bastante. Porem o crescimento deles é considerado grande se compararmos eles com os outros colegas não tão bem sucedidos.

    Fornecedores.
    Neste grupo existem expoentes máximos que se destacam economicamente no cenário nacional como empresas milionárias. Fábrica de cabos coaxiais Ex: Pirelli. Fabrica de radinhos Ex: D Link.Fábrica de antenas Ex: Andrews, Raí, Gabriel, HyperLink, e muitas outras.

    VETOR CONHECIMENTO

    Na nossa civilização a direção do conhecimento, assim como um plano, é definido por três pontos: A hipótese, a tese e a Prova. Cabe aos outros promoverem a divulgação. O conhecimento precisa se capilarisar em toda a humanidade, precisa chegar em cada um.
    Com este objetivo, criam-se escolas, bibliotecas, congressos, cursos e Fóruns. Através destes e outros mecanismos a cultura se hegemoniza, ou, parodiando os Romanos, se Heleniza.

    Preço do Conhecimento
    Nenhum conhecimento é transmitido de graça. Este é um câncer instalado na alma da humanidade. O conhecimento é à base do crescimento econômico, da supremacia militar, das galhofíces religiosas, etc... Quem tem conhecimento, o transforma em lucro, é a válvula propulsora da evolução cultural do homem: o lucro.

    Quem ensina o que e porque
    Os fabricantes de radinhos fazem excelentes manuais para ensinar os usuários a configurarem seus equipamentos, porque assim auferem mais lucros.
    Os fabricantes de cabos coaxiais fazem tabelas maravilhosas para ensinar os usuários a utilizar seus produtos, porque assim auferem mais lucros.
    Os fabricantes de antenas fazem catálogos de produtos de altíssima qualidade, ensinando como se produz aquele produto tão bom (opinião do fabricante) porque assim auferem mais lucros.
    Literaturas caras em livrarias ensinam administração, economia, software e ciência. As faculdades ensinam profissões maravilhosas. Tudo por lucro.

    CONTINUA>>>>>>>

  4. >>>>>>

    Quem ensina instalar antenas?

    Ninguém. Isso não dá lucro. Cada um que se vire por conta própria. Nosso grupo de trabalho sofre por não ter onde consultar, com quem se informar, este tipo de conhecimento não é publicado, não faz parte de currículos técnicos. As universidades estão tirando a cadeira Antenas dos seus currículos.
    Minha proposta é ensinar a instalar antenas. Claro que isso me dá lucro.

    Mundo dos Sentidos

    De forma empírica, utilizando duas ferramentas extremamente poderosas - a inteligência e os sentidos, técnicos, imbuídos de uma proposta, se organizam para a instalação de suas antenas.
    Pertencem a um grupo poderoso com capacidade bonita de superar problemas sozinhos, numa perfeita adaptação com o seu habitat. Por isso dominam.
    Sem nenhuma ajuda, sem nenhum suporte racional, um jovem escala uma torre e aparafusa uma antena no topo. Olha para o horizonte de onde sua bússola diz que de lá deve vir o sinal. Depois, com um instrumento modesto, ele mede uma grandeza abstrata chamada dBm e com seus sentidos começa a diagnosticar.
    Sinal fraco quer dizer pouco ganho. Sinal variável quer dizer interferência. Muito ruído, quer dizer poluição. Ele dispõe de algumas alternativas, trocar canal, trocar polaridade, trocar antena e trocar potência do rádio. Com os seus sentidos ele tem que resolver aquele problema e os sentidos lhe parece ser a grande ferramenta, uma vez que o problema é externo e o mundo dos sentidos é a fórmula de interpretar o mundo exterior.
    Em nenhum momento lhe ocorre a possibilidade: de que sem trocar nada ele poderia resolver o problema encontrado. Por que? Por que ele não admite esta possibilidade? Porque esta resposta não habita os sentidos, mas o da razão.



    Mundo da razão.
    Eta lugarzinho complicado. Lá deve estar armazenado dentro desta grande pasta chamada cultura, os arquivos do conhecimento científico, das leis, das regras, das normas, dos princípios da ciência e muito mais. Lá é um lugar onde tudo deve se reduzir para a resposta certa, a lógica.


    INTERPRETAÇÃO
    Não disse que este técnico que ainda a pouco estava em cima da torre não seja racional. Claro que não. Ninguém é só empírico ou só racional. Até porque a fronteira entre esses dois mundos do homem não é uma linha, mas uma larga faixa onde passamos a maior parte da nossa vida. Somos as duas coisas, racionais e empíricos.
    Um exemplo é a configuração de rede wireless. Este conceito nos induz a pensar que precisamos reduzir o problema para a resposta. Mas, para sermos reducionistas, temos que também ser racionalistas. E aquele rapaz que a pouco usava só os sentidos para instalar a antena, agora usa só a razão. Que coisa linda. Como Napoleão dizia: A máquina mais poderosa é o homem.

    REALIDADE
    Realidade é tudo aquilo que está fora de nós. Entre a realidade e nós, existe a íris, este pequeno nervo nos nossos olhos que captam a realidade e apresentam para a razão e os sentidos analisarem. Desta forma, existe em cada um de nós uma subjetividade pessoal que interpreta a realidade do seu jeito. Vou dar um exemplo. Um raio de luz, que vem pela nossa atmosfera e encontra a superfície da água, muda de direção quando penetra na água. Para cada característica da água haverá uma direção diferente para o raio de luz.
    Porem uma coisa é certa, a luz muda de direção em função das diversidades das águas, tanto quanto o homem enxerga diferente a realidade. A realidade tende a nos enganar. Os fenômenos externos nos parecem ser coisa que se explicam com as emoções e os fenômenos internos, coisas que se explicam com a razão. Assim como o sinal na antena e a configuração do radinho.

    PARADÍGMA
    A realidade nos manipula, norteando nossa interpretação muitas vezes com a ferramenta errada. Exemplo:
    Durante quase todo a existência do homem pareceu correto a afirmação de que a terra estava parada. Se o sol aparece de um lado e desaparece do outro, nossos sentidos nos levavam a compreender que o sol girava e nós estávamos parados. Os sentidos eram uma ferramenta pequena para explicar o fenômeno do sol, não era com ela com os sentidos que deveríamos procurar a resposta, era com a razão.
    Durante quase toda a existência do homem pareceu correto a afirmação que na natureza cai mais rápido o corpo mais pesado. Esta afirmação está emocionalmente certa e racionalmente errada.
    Mil outros exemplos existem em que se observa que as respostas que satisfazem os sentidos não satisfazem a razão e vice-versa.
    Quem de vocês, quando está num porto, ao lado de um grande navio, vendo aquela enorme massa de ferro boiando não se sente emocionalmente traído?



    SUSCETIBILIIDADE

    Empírismo, é a forma de buscar o conhecimento usando as emoções. Existem grandes e pequenos empíricos, aos quais também me filhio.
    Como já disse, em nós todos, existem essas duas porções, empirismo e racionalismo, mas curiosamente não gostamos de ser contrariados nas nossas opiniões empíricas. Todo mundo admite com facilidade que errou na solução de uma equação matemática, mas todos ficam aborrecidos se você diz que ele não tem bom gosto. Criticas no campo racional são bem aceitas, criticas no campo emocional são perigosas.
    Querem fazer um teste prático? Responda sinceramente: Você prefere ser acusado de não saber configurar o Linux ou de não saber instalar uma antena? Vou deixar a resposta para cada um.

    EPÍLOGO
    É preciso pagar pelo conhecimento racional. O conhecimento empírico é gratuito.
    Nossa sensação perceptiva do universo é a principal ferramenta, porem precisa ser afiada com a razão.
    Um dia quando pelo uso desta ferramenta afiada, todos os problemas forem dilacerados, o homem governará o mundo com os sentidos. Será quando finalmente dominaremos o nosso habitat. Então, somente então o conhecimento será transmitido de uns para os outros de graça.

    Feliz 2.009

    GilvanEnriconi



  5. ummmmm






Tópicos Similares

  1. Poluição RF
    Por Bronius no fórum Redes
    Respostas: 13
    Último Post: 20-06-2012, 13:09
  2. Poluição Total, Como lidar?
    Por rogeriosims no fórum Redes
    Respostas: 12
    Último Post: 18-02-2008, 07:15
  3. ENLACE 5km COM POLUIÇÃO
    Por guimaranhao no fórum Redes
    Respostas: 4
    Último Post: 08-12-2007, 19:49
  4. Briga por canais de concorrentes (poluição)
    Por robsonfarias no fórum Redes
    Respostas: 14
    Último Post: 22-03-2007, 13:56
  5. poluicao ... solucao?
    Por d2suicidal no fórum Redes
    Respostas: 6
    Último Post: 10-08-2006, 13:17

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L