+ Responder ao Tópico



  1. Eu já disse isso, vou repetir. Vocês não precisam comprar medidor de onda estacionária ou outro equipamento qualquer. Se vocês tiverem o conhecimento na cabeça. Só com o LepTop vocês fazem um bom acoplamento. É isso que eu ensino no curso. Os instrumentos só servem para demonstrar o que eu tenho dito.
    Gilvan

  2. Citação Postado originalmente por GilvanEnriconi Ver Post
    Eu já disse isso, vou repetir. Vocês não precisam comprar medidor de onda estacionária ou outro equipamento qualquer. Se vocês tiverem o conhecimento na cabeça. Só com o LepTop vocês fazem um bom acoplamento. É isso que eu ensino no curso. Os instrumentos só servem para demonstrar o que eu tenho dito.
    Gilvan

    Bem, dê uma dica pra nós, pobres mortais, que temos que trabalhar de segunda a sexta e não podemos a qualquer tempo cruzar o país para fazer o curso!


    Onde eu posso intervir numa instalação a fim de melhorar o acoplamento: cabo, posição, potência ?
    Última edição por JHONNE; 27-02-2009 às 06:42.



  3. RESPONSÁVEL TÉCNICO
    A Anatel exigiu que os provedores fossem registrados no CREA e o CREA para registrar os provedores, exigiu que os provedores tivessem um responsável técnico. Com muita dor no bolso o pessoal correu atrás deste responsável para fugir das pesadas multas que a Anatel papa. Os Responsáveis Técnicos então, foram contratados.
    Andei pesquisando, o quanto os provedores estão pagando para este profissional. Se for um engenheiro, não é muito, se for um técnico de grau médio, é menos ainda. Daí fui me informar com os provedores que eu conheço, o que o dito cujo faz. A resposta foi unânime: -Quase nada.
    Outra coisa que me confunde é a verborréia nas resoluções da Anatel. Claro que é escrita na mais correta gramática engegados. Não sabem que significa engegados? É uma escrita feita por carinhas que são metade engenheiros e metade advogados. Assim sendo, eu capto só 50%. Prefiro sempre ficar quieto. Tenho medo deles. Por decisão federal ele tem o direito, se assim decidirem, de me jogar na masmorra.
    Porem o caroço do responsável técnico não quer abaixar na minha garganta. Vamos ver:
    Se um paciente morrer por erro médico este médico é punido.
    Se um edifício cai por erro de projeto ou construção e engenheiro civil é punido.
    Se um advogado cometer omissão de provas e o seu cliente for condenado, este advogado é punido.
    Três exemplos chegam, mas em todas as profissões se houver incompetência do responsável técnico, com prejuízo para quem o contratou, o responsável técnico é punido.
    Posto isso, vamos á diante.
    O responsável técnico de um provedor é responsável pelo que? Ele dede ser apenas um fiscal da Anatel e não permitir que equipamentos não homologados sejam usados no provedor?
    Um provedor atende uma comunidade. Já é muito comum provedores ter mil usuários. Os que ainda não tem esta quantia logo terão. Sendo assim, no meu entender, o responsável técnico tem como sua primeira responsabilidade o interesse desta comunidade. Se o responsável técnico for um engenheiro, quando ele se formou fez esse juramento.
    No cumprimento do meu dever de engenheiro,
    não me deixarei levar pelo brilho excessivo da tecnologia,
    esquecendo-me completamente de que trabalho
    para o bem do homem e não da máquina.
    Respeitarei a natureza, evitando projetar ou construir
    equipamentos que destruam o equilíbrio ecológico
    ou que o poluam.
    Colocarei todo meu conhecimento científico a serviço
    do conforto e desenvolvimento da humanidade.
    Assim sendo, estarei em paz comigo e com Deus.
    Se for assim, eu pergunto:
    Se um provedor de internet tem interferência nas suas instalações, quem é o responsável por isso e quem deve ser punido?
    Se um provedor de internet inocentemente faz uma instalação de antenas mal feita quem é o responsável e quem deve ser punido?
    Se um provedor de internet habilitado, possui um concorrente ilegal que prejudica o seu trabalho, quem deve denunciar e exigir desligamento imediato do serviço clandestino? Não tem que ser aquele que será punido legalmente? Não tem que ser o responsável técnico? Mas se a Anatel não tiver tempo para atender uma denúncia feita por um responsável técnico? Ora então não precisa este profissional. Ele representa neste caso, dinheiro posto fora pelo dono do provedor.
    A engenharia cresceu tanto, que universidades pensam em acabar com este curso e embutir suas matérias em outros currículos universitários. Nenhum engenheiro habilitado pelo CREA é “um banda larga” na engenharia, mas qualquer um legalmente serve para ser responsável técnico. E os que são habilitados mas não se especializaram em telecomunicação? Ora estes terão que tirar seus velhos cadernos da gaveta e estudar.
    Já passaram aqui, nos cursos que eu administrei, mais de cem pessoas. Nenhum responsável técnico. Porque? Eles não precisam aprender, pois já sabem? Se não precisam aprender porque não ensinaram para o corpo técnico do provedor? Eles não sabem e não vem porque nada lhe é cobrado? Acho que sim. Mas daí a culpa é do provedor que pega leve com ele.
    Para concluir, defendo a tese que ou o responsável técnico resolve o problema técnico no provedor ou paga por isso. Assim como qualquer responsável técnico.
    Se algum de vocês discordarem de mim, por favor, me corrijam.
    Gilvan

  4. Concordo plenamente Gilvan,


    Hoje, eles são apenas como aqueles antigos adesivos que se colocava no parabrisa do carro para ter o direito de circular? 'Não me lembro mais o nome!!!



  5. Citação Postado originalmente por JHONNE Ver Post
    Concordo plenamente Gilvan,


    Hoje, eles são apenas como aqueles antigos adesivos que se colocava no parabrisa do carro para ter o direito de circular? 'Não me lembro mais o nome!!!
    Parece que era selo pedágio.
    foi uma das grandes empulhadas no povo brasileiroi Um dinheirão arrecadado.
    Hoje acho que se chama CID. 14% sobre cada litro de combustível para manter nossas estradas. Piada!

    Mas isso não é novo. Na década de 60 inventaram o Empréstimo compulsório. Ele incidia que eu me lembre sobre cada transação imobiliária. Nunca mais ninguém viu a cor do dinheiro.
    Depois passou a chamar-se bloqueio da poupança.
    Muda o penteado mas a modelo é a mesma.
    Será que isso vai se repetir com a responsabilidade técnica? Não creio.
    Vai depender muito da relação dono do provedor X engenheiro. Nada que um bom diálogo não resolva.






Tópicos Similares

  1. Superposição II ... a saga continua (Curso GEenge)!!!!
    Por jodrix no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 10
    Último Post: 31-03-2009, 10:38

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L