+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por gustavinho69 Ver Post
    Cara se tem um erro que muita gente comete é passar cabo UTP proximo a fios de rede elétrica.

    os fios de rede elétrica causam interferencia nos dados transmitidos nesse cabo.

    A solução para isso é o FTP, que vem com blindagem em fita.
    Não seria STP (Shielded Twisted Pair) = Par Trançado Blindado

    UTP (Unshielded Twisted Pair) = Par Trançado Sem Blindagem

    Que por sinal é bem melhor porem ma$ Caro.

    FTP = File Transfer Protocol = Protocolo de Transferencia de Arquivos (Porta TCP:21)

    eu acho que voce trocou as bolas sem querer, rsrsrsr
    Mas ta ai. Um Abraço companheiro.

  2. Não, o nosso colega estava certo.

    O FTP é uma variante dos cabos blindados. O significado da sigla é Foiled Twisted Pair. Ele também comumente chamado de ScTP. Pode-se dizer que ele é um meio termo entre o UTP e o STP.

    Para mais detalhes de uma olhada nesse post que fiz aqui na Under: Camada Física



  3. Citação Postado originalmente por fenixnet Ver Post
    trabalhei em uma empresa que instalava em comodato tambem e reparei o seguinte:

    Material em comodato se der pau a empresa tem de troca lo por um novo, ja se for do cliente ele tem de comprar outro.
    o material fica em um cliente por um ano a um grande desgaste dele, ai se vc o tirar desse cliente e coloca lo em um cliente novo ele pode ja de começo a dar trabalho então nao seria uma boa pratica, e os cabos vc acaba predendo ao menos os conectores sendo os RGS da vida ja os de rede vc nao vai conseguir ra proveitar mesmo e acaba deixando lá.
    entao eu quando abri a minha eu passei a vender os equipamentos aos clientes e todos aprovaram pois eles estao pagando por algo, entra na cabeça mais facil e outra nao acumulo equipamento usado no chão.
    Pense nisso a frase embaixo do panfleto dizendo ....equipamento do 100% do cliente e instaçlação gratuita(pois o preço ja esta embutido no custo do kit) chama bastante atenção.....

    Fenix, eu acredito que o comodato seja uma solução boa para qualquer empresa, desde que ela tenha um contrato de RMA ou manutenção extendido junto ao fornecedor.

    Isso é uma pratica corrente em diversas operadoras além do leasing.

    O que quero dizer com isto.

    Dependendo da forma como você elabora o seu plano de negócios a compra do equipamento pela empresa torna esse dispositivo um ativo dela. Assim ela incorre na depreciação do dispositivo em seu plano financeiro e contábil (normalmente 20% ao ano - 5 anos de depreciação).

    Se você é uma empresa que tem como atividade "venda de equipamentos" pode-se pensar em fazer da forma como você citou. Embutir no kit de acesso o valor do equipamento, mas isso deve estar explicitado em sua nota fiscal/fatura e além disso tem que recolher o ICMS sobre a venda.

    Então se uma empresa não considera isto e o fisco interpreta como uma venda ela pode vir a ser obrigada a recolher todo os impostos e melar o plano de negócios.

    Eu penso que uma boa prática nesse sentido é cobrar item a item em uma nota fiscal e depois, de forma consensual, praticar descontos sobre os valores do kit e do aparelho em comodato. Assim não incorre nem na questão isonomica do propósito de uma empresa SCM.

    Abraços,

  4. Citação Postado originalmente por fenixnet Ver Post
    trabalhei em uma empresa que instalava em comodato tambem e reparei o seguinte:

    Material em comodato se der pau a empresa tem de troca lo por um novo, ja se for do cliente ele tem de comprar outro.
    o material fica em um cliente por um ano a um grande desgaste dele, ai se vc o tirar desse cliente e coloca lo em um cliente novo ele pode ja de começo a dar trabalho então nao seria uma boa pratica, e os cabos vc acaba predendo ao menos os conectores sendo os RGS da vida ja os de rede vc nao vai conseguir ra proveitar mesmo e acaba deixando lá.
    entao eu quando abri a minha eu passei a vender os equipamentos aos clientes e todos aprovaram pois eles estao pagando por algo, entra na cabeça mais facil e outra nao acumulo equipamento usado no chão.
    Pense nisso a frase embaixo do panfleto dizendo ....equipamento do 100% do cliente e instaçlação gratuita(pois o preço ja esta embutido no custo do kit) chama bastante atenção.....

    Não acho uma boa dar o equipamento ao cliente. Primeiro porque teoricamente você tem o direito de cobrar qualquer manutenção do mesmo, já que não é de responsabilidade da empresa. Segundo que se o equipamento estiver em bom estado na devolução ele ainda pode ser reaproveitado. Avisar antes ao cliente que a manutenção é gratuita e de responsabilidade do provedor dá uma segurança a mais ao cliente. Clientes não querem arriscar ter um equipamento e ter que pagar 50 reais caso a placa dele queime, ou 100 caso caia um raio na antena e foda tudo.



  5. Citação Postado originalmente por Xororo Ver Post
    Não acho uma boa dar o equipamento ao cliente. Primeiro porque teoricamente você tem o direito de cobrar qualquer manutenção do mesmo, já que não é de responsabilidade da empresa. Segundo que se o equipamento estiver em bom estado na devolução ele ainda pode ser reaproveitado. Avisar antes ao cliente que a manutenção é gratuita e de responsabilidade do provedor dá uma segurança a mais ao cliente. Clientes não querem arriscar ter um equipamento e ter que pagar 50 reais caso a placa dele queime, ou 100 caso caia um raio na antena e foda tudo.
    Concordo, bem colocado.

    Abraços,






Tópicos Similares

  1. Respostas: 5
    Último Post: 14-08-2007, 14:51
  2. A URL solicitada não pode ser recuperada
    Por salcam no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 3
    Último Post: 29-05-2006, 09:21
  3. dominio nao pode ser contactado SAMBA X XP
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 6
    Último Post: 02-09-2005, 17:29
  4. Não pode Ser a Micro$oft se apoderando do Linux!!!
    Por garupeiro no fórum UnderLinux
    Respostas: 8
    Último Post: 21-10-2004, 07:25
  5. Squid: "A URL solicitada não pôde ser recuperada"
    Por hsalbano no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 2
    Último Post: 21-01-2004, 09:57

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L