+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por FernandodeDeus Ver Post
    aqui trabalho assim: DHCP + hotspot + Vlan com mascara 30 (cada cliente em uma rede diferente para não compartilhar arquivo) + Segurança WPS-PSK com TKIP e não tenho problemas nem de processamento.

    Fiz testes com PPPoe em wireless não vi vantagem, o sinal fica pior no cliente, se a visada não for perfeita da perda de pacotes , sem contar que , ainda não entendi porque, no cliente da uma mensagem de conexão nula ou limitada sendo que tem internet.
    Na verdade pppoe não tem haver com sinal se o sinal diminuir foi sua rede wireless que esta com algum problema, ppp como hotspot são auteticadores de usuário.
    E referente ao conexão nula o ppp não precisa de ip ele é um tunel é so fazer feito o amigo explicou acima desabilitar o protocolo tcp/ip o qual evita aparecer essa mensagen e também impedi o netbios do windows e varios outros.

  2. O amigo Alcimar tem plena razao quando diz que o pppoe ou hotspot não diz respeito a força do sinal no cliente. No entando, ja ouvi relato de alguns companheiros de que ao tentar autenticar um cliente com pppoe, mesmo com um sinal indicando "BOM" não conseguiram obter o ip do servidor para fechar a conexao. Diante deste fato mudaram para hotspot e o problema foi resolvido. Isso faz sentido? sera que o PPPOE é mais susceptivel a interferencia que que o HOTSPOT?. Uso pppoe, ja nao mudei para hotspot pra não mexer nas configurações do servidor, mas agora depois desses elogios dos amigos acima fiquei pensando se vale a pena migrar para HOTSPOT. Abraços virtual a todos.



  3. Pessoal,


    trabalho a 4 anos com hotspot e já pensei em mudar para pppoe, mas sinceramente o que me preocupa é simplismente o fato da comunicação em pppoe não acontecer a nível de protocolo tcp/ip, afinal sabemos que tcp/ip revolucionou a comunicação e tornou possível grandes redes pelas suas características peculiares, uma delas é a forma em que são tratados os pacotes quanto a perda e o reenvio. Imagino que os maiores problemas com o pppoe estão realmente relacionados com essa comunicação a "nivel de camada 2" como dizem. Uma analogia que sempre faço com o pppoe é comparando-o ao WDS, é altamente perceptível como o sistema de rotas funciona melhor em uma rede que o uso de WDS, justamente pelo fato da comunicação ocorrer ao nível de protocolo tcp/ip.

    A maior falha do hotspot é com relação a segurança, apesar de ele ter várias alternativas para constrager o acesso não autorizado, o fato de ser hotspot já é uma dica a quem quer querbrar essa segurança.

    O que pode ser implementado como forma de constrager o acesso não autorizado no hotspot:

    1-Criar perfil com 01 usuário por mac;
    2-Limitar o número de conexões simultãneas a 1 por cliente;
    3-Colocar no cliente um ip fora da sua faixa de rede e em faixas diferentes nos clientes;
    4-Cadastrar o mac do usuário
    5-Usar o ip-binding para específicar qual o ip configurado no cliente deverá responder ao seu sistema;

    Bem, com tudo isso, o invasor poderá simplesmente clonar o mac e o ip e se o cliente estiver logado no seu sistema ele navega sem a necessidade nem de se autenticar, no entanto tanto a conexão dele quanto a do seu cliente ficam horríveis, e para mim isso não chega a ser um problema, que também pode ser resolvido com o uso de wap2;

    O que realmente representa um problema em minha forma de pensar, referente a segurança do sistema hotspot é que o invasor normalmente sabe a senha, o ip e o mac a ser clonado, de forma que ele aproveita os momentos que o usuário não está online para fazer uso da internet;

    Usar um banco de dados radius para autenticar os usuários se mostra bastante eficaz, principalente quando se tem uma espécie de central do assinante, porque faz com o que o usuário tenha mais cuidado com a sua senha, uma vez que de posse dela poderá também consultar seu extrato financeiro com o provedor e alterar seus dados pessoais.
    Última edição por JHONNE; 19-03-2009 às 02:57.

  4. Citação Postado originalmente por Mirandapb Ver Post
    O amigo Alcimar tem plena razao quando diz que o pppoe ou hotspot não diz respeito a força do sinal no cliente. No entando, ja ouvi relato de alguns companheiros de que ao tentar autenticar um cliente com pppoe, mesmo com um sinal indicando "BOM" não conseguiram obter o ip do servidor para fechar a conexao. Diante deste fato mudaram para hotspot e o problema foi resolvido. Isso faz sentido? sera que o PPPOE é mais susceptivel a interferencia que que o HOTSPOT?. Uso pppoe, ja nao mudei para hotspot pra não mexer nas configurações do servidor, mas agora depois desses elogios dos amigos acima fiquei pensando se vale a pena migrar para HOTSPOT. Abraços virtual a todos.
    Miranda o ppp ele não precisa de ip para fechar conexão é um tunelamento que ele faz entre o servidor e o cliente. o que acontece no ppp é o change mss que em algumas redes você tera que ajustar o valor para que funcione redondamente bem.



  5. Citação Postado originalmente por alcimarbezerra Ver Post
    Miranda o ppp ele não precisa de ip para fechar conexão é um tunelamento que ele faz entre o servidor e o cliente. o que acontece no ppp é o change mss que em algumas redes você tera que ajustar o valor para que funcione redondamente bem.
    Amigo,

    o que seria esse MSS? como encontro o ponto de equilibrio dele?

    Abraço






Tópicos Similares

  1. PPPoE-HOTSPOT
    Por alancp no fórum Redes
    Respostas: 6
    Último Post: 09-05-2008, 12:49
  2. lentidao servidor pppoe /hotspot
    Por gfox007 no fórum Redes
    Respostas: 5
    Último Post: 06-01-2008, 23:51
  3. Help servidor pppoe / hotspot
    Por gfox007 no fórum Redes
    Respostas: 2
    Último Post: 06-01-2008, 09:45
  4. PPPoE, HotSpot ou IP Virtual
    Por aka2005 no fórum Redes
    Respostas: 6
    Último Post: 03-10-2007, 07:25
  5. Pppoe+Hotspot
    Por terencerocha no fórum Redes
    Respostas: 4
    Último Post: 09-06-2007, 20:41

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L