+ Responder ao Tópico



  1. OLÁ PESSOAL

    O CURSO DE ANTENAS QUE VENHO REALIZANDO, ESTÁ NA SUA 15° EDIÇÃO. MUDOU MUITO, PASSOU POR REFORMAS ADMINISTRATIVAS E AGORA É REALIZADO APENAS POR MIM E PELA MINHA EQUIPE. ALEM DISSO, TODOS OS SEUS CONTEÚDOS SOFRERAM UMA RECRIAÇÃO.
    ESTOU ACONVIDANDO A TODOS QUE SE INTERESSEM A REALIZAR O CURSO EM PARCERIA COMIGO, Á ENTRAREM EM CONTATO.
    UM ABRAÇO

    ENG. GILVAN ENRICONI

  2. Citação Postado originalmente por GilvanEnriconi Ver Post
    [...]
    Meu amigo estava em fase com a vida, ele havia conseguido se sintonizar no grande segredo da sua cura. O soluço no meu peito se transformou num suspiro de alívio. Respondi simplesmente.
    -QSL
    Lí num livro que quando a pessoa (ou família) foca o problema ou a doença acaba por ignorar o que realmente importa a solução (ou a pessoa doente) quando o foco se volta para o que importa tudo flui, o fardo torna-se leve quase não notado, o acoplamento é excelente.



  3. O MAL DAS TREVAS

    Normalmente ninguém sabe o que é um sinal de rádio freqüência, ou o que é onda eletromagnética, até mesmo, o porquê do sinal se propagar no ar. Sabem por quê? Porque isso é um fenômeno e fenômeno é aquilo que a gente aceita sem que ninguém questione, foram os gregos antigos que nos legaram esse conceito, esse jeito passivo de conviver com o inexplicável.
    Não sei qual deles que primeiro falou a palavra “phainómenon”, mas de lá para cá todos concordaram que queria dizer “a quilo que parece” daí para frente ficou fácil. Tudo resolvido, basta classificar como fenômeno e aceitarmos como normal o fato de algo maravilhoso acontecer. Nós, anteneiros, estamos cercados de fenômenos físicos, cercados de coisas que parece, uma delas é o sinal numa antena.
    Muitas vezes ouço no telefone alguém me dizendo:
    -Estou a mil metros da antena com visada direta e não consigo receber nenhum sinal, o que pode ser isso? É a antena? Do rádio tenho certeza que está bom, ele é novo. Os cabos funcionam bem em outra instalação e a antena também funciona bem noutro lugar, eu estou ligando para saber a tua opinião do que pode ser, são só mil metros com visada direta e não funciona.
    Fico então com o eco da voz nos meus pensamentos, o que responder? Diagnóstico a distancia é chute, não dizer nada é uma descortesia. Recosto-me na cadeira e meus pensamentos voam.
    Se uma antena A com todas as condições para receber o sinal de uma antena B não recebe, é uma situação igual a alguém dizer: “Eu não vou e não fico”. Pode isso? Isso não é fenômeno, isso é como sentir saudades de alguém que não se conheceu, isso é impossível.
    No entanto não se deve duvidar de nada que seja humano, quem sabe é possível, influenciado por alguém, mesmo que por um breve momento os fenômenos se comportarem fora do esperado? Se isso acontece, nos não chamamos de fenômeno, mas de milagre.
    Acredito que o milagre é o fenômeno que ainda não foi compreendido, mas que um dia será, esses dois confundem a nossa cabeça de pessoas comuns.
    Os crentes precisam do milagre para respeitar a entidade divina. Santo que não faz milagres não tem fieis. Jesus durante uma festa de casamento, fez o milagre de transformar água em vinho, hoje é fácil fazer isso. Certa feita, com apenas cinco pães e cinco peixes, Jesus alimentou uma multidão multiplicando os pães e os peixes, hoje não se faz isso, mas será que no futuro não se fará? Vamos ver.
    A linha do tempo onde estão às realizações humanas não é uma sucessão de transformações de milagres em fenômenos? A física moderna encontrou um meio termo, algo intermediário entre fenômeno e milagre que se chama “singularidade”.
    Singularidade seria como o sinal que saiu daquela antena A e não chegou naquela antena B, é como um corpo que é solto no espaço e não cai, é um imã de um só pólo, é um fenômeno que não obedece às leis físicas, assim como os buracos negros no espaço. Ou então, o que aconteceu no túnel cíclotron.
    O cíclotron foi construído na França, é um tubo comprido que fizeram vácuo dentro. De um lado emitiram uma sub partículas atômica, do outro lado emitiram também outra partícula igual. Quando as duas partículas colidiram no centro do tubo, apareceram quatro partículas dentro do cano. De onde teria saído as outras duas? Multiplicação das partículas?

    Continua...

  4. Continuação...

    Ora com uma tecnologia mais avançada, um dia também poderemos multiplicar os pães. Coisa de tempo.
    Vocês sabem que eu não resisto a uma boa história, por isso vou contar uma que aconteceu com um antepassado. O coitado estava na sua cidade dentro de num castelo á noite com os amigos, tomando um vinho na frente da lareira que iluminava o salão do castelo com as labaredas do fogo crepitante. A lenha úmida que gerava o fogo era de nó de pinho e produzia uma fumaça que enevoava o ambiente. Lá fora uma tempestade se armava e se aproximava. O vento seco assobiava quando açoitava as torres do castelo e corriam pelas pedras dos muros do outro lado do fosso. Um felino procurava abrigo enquanto o vento lambia seus pelos pretos de gato sinistro. Este atrito, carregava eletrostaticamente o felino como se este fosse um capacitor. Nosso ancestral gabava-se para os amigos das batalhas que a família havia travado e vencido, fazendo isso, apontava uma a uma das armaduras que em circulo decoravam o grande salão. Uma dessas armaduras pertencera ao sanguinário Mal das Trevas. Este cavaleiro recebera este alcunha por ter o habito de atacar seus inimigos à noite. O Mal das Trevas quando atacava os condados vizinhos, além dos inimigos, matava crianças e velhos, não tinha nenhuma piedade. Dizem que quando foi capturado teve como castigo, nunca mais sair de dentro da armadura. Rebitaram as articulações do ferro e deixaram o Mal das trevas lá dentro até a morte. Alguns dizem que dentro da armadura que ali estava ainda esta os restos mortais do ancestral maldito.
    Este assunto estava no auge quando o gato preto passou pela armadura do Mal das Trevas. Para uma armadura ficar em pé, usava-se uma estaca cravada no chão para sustentá-la, desta forma, a armadura ficava aterrada. O gato preto ao passar por ela, descarregou a energia estática que estava armazenada nos seus pelos contra a amadura do Mal das Trevas. Uma chispa elétrica pulou do gato para o Mal, um enorme miado encheu de susto os ouvidos de todos dentro do salão. Todas as cabeças viraram para onde vinha o som e para acentuar a desgraça, um raio cai lá fora com um enorme trovão, bem naquele exato momento. Um gato preto soltando fogo contra a armadura de ferro criava uma coroa luminosa provocada pela fumaça que cobria o gato e a massa de ferro. Não havia dúvidas, o Mal das Trevas estava sendo ressuscitado pelo demo.
    O ancestral medieval e seus amigos fazem o sinal da cruz, pois não havia duvidas que o Mal das Trevas estivesse vivo dentro da armadura. Ajoelharam-se e pediram a Deus por proteção através de um milagre. Foram atendidos na súplica. O vento forte desviou a tempestade para outro lugar distante, o gato preto sumiu por uma janela aberta e o Mal das Trevas não saiu da armadura.
    No outro dia sob a luz do sol, todos comentam, foi um milagre que nos salvou, Deus nos atendeu. Se não fosse por um milagre o diabo teria ressuscitado o Mal das Trevas e nos arrastado para as profundezas do fogo do inferno.
    Não acho que Deus não atende uma suplica só acho que em alguns casos podemos confundir milagre com fenômeno. Assim como podemos supor que se uma antena A com todas as condições de funcionamento não se comunica com uma antena B a culpa só pode ser do Mal das Trevas, jamais seria milagre, fenômeno ou singularidade.



  5. ta falando de aterramento? ( o tal mal das trevas )






Tópicos Similares

  1. Cópia física de HD em larga escala
    Por laralc no fórum Sistemas Operacionais
    Respostas: 2
    Último Post: 08-05-2006, 14:32
  2. Link dedicado para pessoa FISICA!?!
    Por daniel_tux no fórum Redes
    Respostas: 10
    Último Post: 29-11-2005, 21:11
  3. logica x fisica
    Por alesandro no fórum Sistemas Operacionais
    Respostas: 11
    Último Post: 24-02-2005, 14:03
  4. Tela Azul com estações Windows ME
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 5
    Último Post: 27-08-2003, 11:23
  5. Memoria Fisica..
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 13
    Último Post: 11-02-2003, 22:26

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L