Página 2 de 4 PrimeiroPrimeiro 1234 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. #7

    Padrão

    Muito obrigado amigos pelas respostas, e para o bom andamento do forum, peço aos moderadores que por gentileza, movam este tópico para: redes>wireless>legislação, valeu pelo toque 1929.
    Desculpem pela falha, é que eu fico mais aqui na area do mikrotik e postei errado.
    Todos vocês estão de parabéns.
    Obrigado.

  2. #8

    Padrão

    e por essas e por outras que não trabalho com kits em comomodato,o cliente paga pelo kit, dai cobro uma taxa de instalação, se o cliente mudar leva o kit com ele.... acho bem melhor assim



  3. #9

    Padrão

    Com certeza deve se cobrar uma taxa de instalação, pois assim você não fica com o capital totalmente engessado no kit cliente, o que recomendo sempre é: ter um contrato assinado pelo cliente, o contrato de prestação de servicos e um aditivo onde consta o comodato ficando ainda o cliente como fiel depositario do equipamento, assim qualquer problema que houver, você pode aciona-lo na justiça e cobrar o equipamento.

    Abraço

  4. #10

    Padrão

    Citação Postado originalmente por m4d3 Ver Post
    Cobre uma taxa de ativação para diminuir seu custo com o novo equipamento, mantenha o cadastro do cliente o mais completo possível, inclua no seu contrato uma clausula que no caso de atraso de mensalidade maior que 30 dias o cliente autoriza emissão de fatura do equipamento por meio de boleto registrado, se ele sumir vc e emite o boleto e manda entregar, se não o encontrar ou não pagar vai a cartório, pra tirar ele vai se incomodar, assim vc conseguirá diminuir o número de equipamentos 'desaparecidos' e baixar um tanto seu custo inicial com novos clientes. E outra coisa, coloca no contrato o dobro do valor que normalmente venderia o equipamento, assim ele nunca vai querer ter que ir a cartório e pagar o dobro do que vale.
    Golpista tem em todo lugar então temos de nos unir para combater este tipo de 'cliente'.

    Abraço, espero que seja útil.
    aqui eu faco de duas formas:
    o cliente compra o kit... eu faco a instalacao...
    geralmente nao cobro a instalacao.

    cliente compra parte do kit, ao outra parte eu por min... kit fica em comodato
    se ele for embora ou coisa parecida, principalmente sem ter cancelado o contrato (e para cancelar teria que devolver a antena), eu simplesmente gero um boleto no valor e mando para cortorio.

    no contrato sempre tem que ter descrito tudo
    o kit cliente so eh do cliente qdo termina de pagar ele, se cancelar antes do tempo, nao importa qto pagou.. kit tem que ser devolvido.
    kit em comodotado, adiciono o valor nos boletos por um periodo maior... para dar tempo de pagar o kit...



  5. #11

    Padrão

    Citação Postado originalmente por gustavinho69 Ver Post
    Bom o aqui cobramos a taxa de adesao de 199 e os equipamentos ficam em comodato.....o que vier acontecer com o equipamento em relação a isso o cliente ja pagou e fica por isso mesmo.
    Eu tb faço assim, não me preocupo muito com isso pq o valor ja foi pago, se ele devolver certinho ja lucrei o equipamento se não pelo menos ficou no 0x0, ja aconteceu comigo umas 4 vezes só.

  6. #12

    Padrão Kit Comodato.

    Em nosso provedor, deixamos o KIT em comodato, porém é gerado um contrato sabendo que o cliente é resposável pelos equipamentos, e além de assumir um compromisso de quando cancelar o sinal á devolve-lo em ordem como o adquiriu.
    É gerado um boleto com registro a protesto no valor de 300,00 se o cliente cancelar o sinal e não devolver o equipamento em 30 dias.