Página 4 de 20 PrimeiroPrimeiro 123456789 ... ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. O PARADOXO DO NÃO
    Tem gente que está sempre com o NÃO na ponta da língua. Não dá para ver a forma de onda de 2,4GHz com um osciloscópio de 20MHz, não dá para corrigir o VSWR numa onda de 2,4GHz usando a técnica da reflectometria, não dá para eliminar a interferência, não dá para fazer um bom enlace onde a atmosfera é poluída. Não dá, não dá e não dá.
    A maioria das pessoas constrói sua vida profissional a partir do que não pode fazer. A quantidade de NÃO que se despejam sobre eles desde a infância os transformam em tetraplégicos intelectuais. O cérebro deles que deveria ser o reino da inovação, vai estabelecendo limitações para que possa sentir-se aceito no seu meio. Triste.
    Aqui, 99% dos foristas, mantêm uma conversa negativa condicionando seu cérebro a pensar mais no que NÃO quer do que no que deseja.
    É na infância onde somos mais bombardeados pelo NÃO. Nesta fase de pura absorção somos uma esponja aprendendo a perpetuar o NÃO em nossa personalidade.
    Dizem que uma criança recebe cerca de cem mil NÃO, e recebem também um elogio para cada dez NÂO. Pior, para mudar um NÃO por um sim são necessários pelo menos oito elogios. Será que terei de começar a passar a mão nas cabecinhas e dizer que vocês são bonitinhos para poder mudar o NÃO?
    A quantidade de NÃO que vocês foram submetidos, somado á sensibilidade de cada um responde pela auto estima de cada um.
    Assim eu reafirmo que vocês deixaram de pensar naquilo que desejam, mas são capazes de relacionar tudo o que NÃO querem. A palavra NÃO é como uma onda estacionária no cérebro. Querem ver?
    Quando eu digo a palavra Antena, vocês formam imediatamente a figura geométrica do artefato. E se eu disser “Não pense numa antena” seu cérebro desprezará o NÃO e continuará a pensar numa antena registrando só o que veio depois do NÃO, ou seja “pense em uma antena.
    Assim, nestes textos sem graça que eu ploto aqui, sempre se conflitam com o paradoxo do NÃO, ou seja, vocês pensam naquilo que são solicitados a não pensarem. Um exemplo é o caso da onda VSWR que mede por relação a eficiência com que funciona um sistema. Quando eu digo “O provedor de internet NÃO sabe instalar antena” o paradoxo suprime o NÃO e a frase passa a ser assim: O provedor de internet sabe instalar antena.
    Claro, é necessário identificar o que nos faz bem e felizes pois ninguém pode obter satisfação daquilo que NÃO quer.

  2. O artigo o Paradoxo do Não foi uma homenagem á Lair Ribeiro. Recomendo



  3. IDADE ANTIGA
    01-01-2009 (Publicado por Rodrigo Aguiar)Esse cara não sabe o que diz, to achando que ele é louco
    01-01-2009 (Publicado por carlinhotocabrabo)Devia estar bebão pra escrever isso, afinal é fim de ano .... heheheheh
    05/01/2009 (Publucado por rafasysop)Boa, na verdade ele quis dizer que nem os engenheiros sabem de nada tbem! Ele é o pai da Aviação, Pai das parabolas, e o dono da verdade!
    só que isso aqui é um forum de discussão aberta e nao adianta ser pai de nada!
    Viva O conhecimento!

    21/01/2009) (Publicado por Magal) AAAAAAAAAAAA, Isso é que se chama "wireless móvel" do Enriconi.


    02/02/2.009 (publicado por Sérgio Souza)Isso Magal... agora se não bastasse o mago da frequência lançar esses posts enigmáticos, apareceram os alunos/discípulos, dizendo que todo mundo é "cortador de cabo" e eles são os escolhidos que fazem as coisas acontecer.

    17/01/2.009 Rapaz, eu Pedro Martins vou me dedicar a responder seus enigmas, esses que vc poe aqui no forum sem pé nem cabeça. Pra cada um que eu responder vc me paga R$ 1,00 e garanto que ficarei rico./
    05/01/2009 (Publicado por Pedro0278) E ainda aparece alguem pra agradecer um cidadao desses
    Tranca esse tópico.

    06/01/2.009 (Publicado por Magal) Boa Idéia Pedro.
    Tópico sem conteúdo
    ### LOCKED ###

  4. IDADE MÉDIA
    18/01/2009 (Publucado por Sérgio) Opa... vou sim. Mas o treinamento tem que ocorrer... Um colega nosso, aqui mesmo do forum, fez inscrição, comprou passagens (pertinho... aqui de Minas para POA) e faltando 2 dias para o treinamento cancelaram o mesmo. Não conseguiu falar com ninguém na empresa... não teve muito esclarecimento. Enfim, só prejuízo. Até pensou que tratava-se de curso fantasma.
    Antes de mais nada gostaria que enviasse (via MP) o programa do mesmo, assim como currículo dos instrutores.

    20/01/2009 (Publicado pelo Magal) Pedro, pode me colocar nessa lista!!!
    02/02/2.009 ( Publicado pelo Sérgio) Isso Magal...agora se não bastasse o mago da frequência lançar esses posts enigmáticos, apareceram os alunos/discípulos, dizendo que todo mundo é "cortador de cabo" e eles são os escolhidos que fazem as coisas acontecer.



  5. IDADE MODERNA
    01/02/2009 (Publicado por jorodrix) Aqueles que tinham pensado em ir e não o fizeram, perderao a oportunidade e ver e conferir tudo aquilo que o Eng. Gilvan tem afirmado neste forum. De todos os investimentos que fiz na vida, com certeza foi disparado o melhor, além de conhecer uma pessoa que agora tem minha admiração e apreço, vale cada centavo....
    02/02/2.009 (Publicado por Sérgio) Ok, Jodrix e Sr. Gilvan... concordo que venho extrapolando ultimamente, mas da maneira que foi introduzido o assunto neste e em alguns outros posts não consegui me conter...hehehehe.
    06/02/2.009 ( Publicado por 1929) Está aí então o "pulo do gato". Começo a entender agora o que o Gilvan queria dizer.
    Mais importante que o valor obtido no sinal é o valor obtido no ruído.
    Eu já tinha lido sobre isso, mas nunca tinha pensado neste tipo de aplicação. Somos condicionados a sempre buscar mais sinal, o que nem sempre vai ser o melhor na prática. Mas pode acontecer de alguns casos haver tantas estações que simplesmente não se vai conseguir um posicionamento melhor, ou sempre se conseguirá?

    20/02/2009 (Publicado por JHONNE)Nunca o subestimei Gilvan, desde os primeiros posts. Até acredito que a forma como o assunto é introduzido, através dos "poemas", ajudam a polemizar e despertar o interesse de todos, no entanto, muitos de nós não têm disponibilidade de tempo, principalmente quanto precisamos cruzar um país de dimenções continentais. Aí me pergunto, será que você e toda a tecnogia do século 21 acoplados com a minha vontade de aprender não me proporcionariam o prazer de daqui ouvir o som do seu piano.
    18/03/2.009 (Publicado por bjaraujo)Tenho a impressão que este senhor até quer ensinar algo, mas quer fazer isso provando aquela teoria dos parafusos e alicates de corte. "Dois iluminadores numa antena só."

    22/03/2.009( Publicado por jpjust) Pior que esse assunto já chegou a fazer parte das minhas "filosofias pré-sono" (um momento que tenho antes de dormir onde fico pensando nas coisas). Tem dias que demoooora.






Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L