+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por Nks Ver Post
    grande rubem...

    cara pela sua experiencia passada, tirei algumas conclusoes, me corrija se estiver errado.
    sim seria 1A e nao 1a como falei... entao na verdade vou multiplicar o consumo em V por A
    no caso cartao seu 3.3V por 0.97 Amperes que da 2.97 esse total eh medido em Watss
    entao volts x amperes = wats. seria essa a conta?
    entao daria 9W + 5 ou 6 da router = 15W +-
    ai com cartao 3+3+3+6= 15V igual vc mensionou.
    ripple: 0.5V 500mv em 12V
    resumindo fonte de 40W na casa dos 16 a 24V, ja estaria de bom tamanho. Mas, acima ficaria pior? tipo 500W igual fonte de PC?
    suas marcas preferidas sao: HP toshiba, dell.
    sobre o ripple:
    como meco isso? o ripple em um multimetro, vc falou acima q nao sao tds multimetros q medem essa
    unidade, porem qual iria ler?
    Rams:
    em relacao as RAMS e consumos, isso quero saber muito, onde vejo o consumo de memoria???
    pois no winbox soh achei consumo do processador, q por ventura eh muito baixo sempre.
    esses 112MB q vc viu, foi consumo geral, com os seus 3 cartoes, com media 25 simultaneo cada neh??
    entendi o fato de ser relativo o consumo MB de acordo com o modelo de router, mais em uma media
    se consome 112MB com 3 cartoes, e a RB433 soh possue 64MB entao pode ate ser isso. preciso
    ver aqui na minha router como esta o consumo!!!!
    Minha 1 ideia de solucao:
    agora no meu caso q na torre 2, eu utilizo 2 RB433, sendo q 1 com 2 engeinus a 16dmb
    e na outra rb433, 3 R52H, sendo 2 com 20dmb e uma default.
    em vez de eu comprar outra RB433ah, nao seria melhor eu colocar + 1rb 433, e balancear os cartoes,
    do tipo, passar 1 R52H nessa router, e na outra 2 R52h e na outra 2 Engenius??
    pois eu vi diferenca quando era RB600 e realmente a infra era melhor.
    entendi como vc trabalha com a sua router, com base desse exemplo seu, o seu ping eh estavel dentro do consumo
    de trafego 2.4ghz???
    vc ja usou outros tipos de fonte e sentiu diferenca??
    agente vai se falando....

    A conta do watts confere (Só não aplique ela a AC porque pra isso teria que levar em conta o fator de potencia, em AC essa conta leva ao VA, não aos watts).

    Não há problema em usar tensão maior nas RB's, inclusive se recomenda isso quando a fonte fica longe da RB, porque quanto maior a tensão menor é a perda nos cabos e conectores. O problema é que a maioria das fontes de tensão mais alta tem muito mais ripple, não é regra. Se comparar fontes naquelas caixas plasticas de uns 10x8x7cm, de digamos 48V 0,5A, fabricadas/importadas no brasil por muitas empresas (Inclusive do ramo de transformadores), com aquelas fontes chinesas em caixas metalicas retangulares, todas furadas, de uns 15x20x4cm, de uns 48V 2A, as diferenças são gigantes. As nacionais, pequenas, tem digamos ripple de 1200mV, eficiencia de 60%, e variação de tensão de até 5%. As chinesas (Bem mais caras) tem ripple de 100mV, rendimento de 85%, variação de tensão de 1%. Se é pra ficar em 48V, eu diria que teria que ser das chinesas de alta capacidade.

    Como disse, as de notebook tem como vantagem serem de estabilidade melhor (Em materia de ripple, spikes, e variação de tensão) comparado as fontes baratas de 24 ou 48V que temos por aí. Não quer dizer que uma fonte de note HP de 19V 3,5A será mais 'limpa' que uma fonte boa de 48V 1A, mas sim que ela será mais 'limpa' que digamos uma Hayama de 48V 1A.

    O que insisto é que é melhor pagar digamos R$ 50 por uma fonte de 24V 1A, com ripple de 100mV e rendimento alto, do que pagar R$ 40 por fonte de 48V 10A com ripple de 1800mV e rendimento baixo (60%). Mas tem provedor que prefere continuar insistindo em pegar fonte com a maior corrente possivel... há quem reclame que tem fonte de 48V 2A em RB com apenas 1 cartão e 10 clientes que não dá conta, que vai trocar por fonte de 48V 4A, digo que é sofrimento merecido, não levam em contas os ruídos e estabilidades diversas das fontes.

    Fonte de PC depende, as genericas tem ripple tipo 300mV com o baixo consumo das RB's, e fonte mais cara, tipo de 420 ou 500W (reais) tem outro problema que é o rendimento ruim e o surgimento de ripples inesperados quando o consumo é tão pequeno quanto o das RB's.

    Tem aquelas analises de fontes do Gabriel Torres (Clubedohardware), lá dá pra ver a curva de rendimento das fontes, é só ver qual fonte é "testada" com consumo tão baixo como 15W pra ver se teriamos de onde tirar referencia de boas fontes pra RB.
    Até o selo 80plus atesta "alto rendimento" somente acima de 20% da capacidade nominal da fonte, então a fonte mais light, de 250W, só é verificada no modelo 80plus acima de 50W, nunca em 15W. Como nenhum PC tem 15W de consumo, e ninguem se importa com consumo tão baixo em teste, o foco dos fabricantes NÃO é manter qualidade com baixo consumo, mas sim com alto consumo, por isso devido à forma de chaveamento, tipos de componentes, só há qualidade total na alimentação entre uns 25 e 85% da capacidade nominal. Talvez alguma fonte tenha qualidade com algo tipo 5% da capacidade nominal, mas as genericas, ou as gammers, com certeza não tem.

    Em resumo, não adianta escolher a fonte de PC pela potencia, teria que levar em conta ripple. Se nos consumos típicos de PC as informações já são escassas (Me desculpem os gammers e adoradores de maquinas potentes, mas com relação a esses detalhes eles são ignorantes, preferem pagar pra ver se o rendimento fica bom com hardware x ou y), imagine achar a informação de como são os ripples de determinada fonte sob apenas 5 ou 10% das sua potencia nominal (Maxima). O que quase todos fazem é "pagar pra ver", compram e põe pra funcionar, pra então ver se fica bom. É o jeito, pela falta de informação, mas não dá pra tirar experiencia nenhuma disso, já que as diferenças entre lotas existe e é grande (Idem pra Hayama e Ralltek da vida, por isso tem adore elas e tem quem as odeie, se baseiam em 1 ou 2 historicos de uso (Epic fail...).


    Outro problema de usar 12V é que como a corrente exigida é maior, os cabos deviam ser mais grossos, mas os cabos UTP08 (Rede) aguentam algo como 30W em 12V sem problemas (Sem aquecer a ponto de causar problema a longo prazo), mas devido ao modo de chaveamento das RB's o rendimento em 12V é bem menos que com 24 ou 48V. Digamos que a conta seria (Nunca medi, nem ví referencia a isso) algo como:
    Tensão Rendimento
    12V 71%
    18V 76%
    24V 80%
    36V 84%
    48V 87%

    Significaria dizer que em 12V o consumo seria de digamos 21W (21W * 71% = 15W consumidos (RB+cartões), enquanto em 48V o consumo seria de digamos 17W (17W * 87% = 15w). Não é regra mas quando o rendimento é menor, o VRM também é mais sensivel a ripple (Mais sensivel significa que ele repassa o ripple em certa medida).

    Mecho com MB e fontes de PC a muito tempo, com RB mecho a poucos meses, pode ser que esteja enganado quanto ao ripple suportado pelas RB's, mas pelo visto são similares.


    Quanto ao uso de Ram, pelo Winbox, lá do lado do uso de CPU, se não aparecer a janelinha "Memoria", clica com o botão direito e manda exibir (Não sei se é o padrão exibir ou não, acho que é).

    Não mecho com MK a mais de uns meses, mas pelo visto o desperdício de Ram é grande, no mesmo uso se comparar RB433, RB433AH e RB800, as 3 RB's chegam ao mais de 90% de uso da Ram facil facil (No uso mais simples, como bridge). Nunca achei referencia sobre o consumo efetivo de ram nesse uso pra me basear.

    Os ping's não são estaveis mas é falta de capacidade minha e de quem implantou as RB's aqui (Antes de adquirirmos o provedor), são instaveis na RB433, 433AH, 600, etc, suspeito que o uso em bridge gera isso, é só um dado passar por MK (Mesmo indo de uma lan a outra) que leva alguns mS a mais. Se pingamos numa RB recem resetada, só com bridge criada entre cartão e lan, o ping é uma maravilha, mas se colocamos um download em paralelo, o ping sobe pra $#&%£!! Claro que tem outras regras a fazer, mas quem disse que todo provedor faz todas essas regras corretamente? E quem disse que com todas as regras implementadas corretamente uma RB433 dá conta de até 40 simultaneos? Pelo que ví quem é experiente com MK sõ não recomendam RB433 porque entendem que somente bridge é inseguro hoje ("Precisa segurança em 2 ou 3 camadas!"), e 256 ou 300Kbps não é conexão decente ("Já foi o tempo que esse tipo de provedor tinha futuro!"). Não sei em que mundo eles vivem, mas acho que um pingo de razão eles tem. Eu comprei RB433 pra usar com R52H e setorial 12dB 60º da Aquario, numa situação que provavelmente demorará mais de 2 anos pra chegar a 10 simultaneos por cartão (Intercalando com RB433AH e XR2 e R52H, já que nem todo o entorno da torre teria o mesmo numero de clientes em potencial), mas devido a necessidade de aumentar a segurança e banda, acho que vou deixar as 433 só pra PTP, pra não ter que trocar elas daqui meio ano (Ou fazer mais repetições, no interior tem muita arvore atralhando, só colocar uma omni de 14dB noutro canto que já se tem umas duzias a mais de clientes).

    Sobre o R52 e 433 em ambiente poluído, tenho que deixar pra outro responder, aqui o maximo que consigo é usar o canal 11 (Como disse, cheio de AP's domesticos), e tanto R52, R52H, EMP8602 e XR2 se saem igual (Ou é falta de know-how meu em extrair mais rendimento do XR2).

  2. olha, hj eu vi o uso da minha memoria... e nao esta trabalhando muito barrotado.
    as 433 estao com 47mb de uso com 3 cartoes, e tbm tenho uma 433ah q esta com 102mb e tbm com 3 cartoes, porem os R52H. acho q nao eh problema de memoria, eu acho q ela nao eh robusta pra 3 cartoes!!

    veja bem, eu mecho com wireless desde final de 2006, com os samsung SWL3300. Ja tive PCAP mkt com AG530, e ambos o swl3300 como as ag530, tocavam numa boa 25 usuarios, de acordo q mencionei em cima, na rede 2.4ghz. Depois coloquei uma rb600 com 4 R52H, rodava bem tbm, mais quando troquei a 600 por 2 rb 433, com 3 cada, senti muita diferenca na infra. Ta certo q em 2006 o espectro nao era tao poluido, +- do ano passado ate hj q poluiu de vez!!!

    a sua explicacao da fonte foi muito importante, conto com uma experiencia a mais, porem as fontes q trabalho sao de note, e outra eh de PC, porem boas.

    eu vou fazer um teste, vou arriscar. vou comprar outra RB433, e vou deixar uma com 2 cartoes, e outra com 1 cartao soh. e vou ver se vai ter melhoras, nessa q vai ficar sozinha.

    eu queria uma opniao para nao ter o gasto e trabalho de arriscar nessa ideia!!! mass....

    agora nao sei vai ficar ruim em relacao a poluicao, pois utilizo 5 cartoes, em 5 setoriais, em 2 rb433, vou adicionar mais uma na msm caixa, pois essa caixa hermetica eh muito grande, tinha um pcap dentro dela, bom o problema nao sao 3 rb + sim 5 cartoes proximo, como me encontro agora, as vezes esse pode ser o problema meu, em vez da rb433 nao ser robusta!!!
    Última edição por Nks; 26-07-2010 às 00:19.



  3. Cliente "derrubando" o desempenho não tem mesmo? (Em full o tempo todo) Acho mais provavel ter interferencia externa do que interna (Do cartão ao lado). Em bancada não vemos nada disso, e nunca ví alguem renomado falando nisso.
    (Até tem a discussão sobre caixas plasticas ou metalicas, mas quando se tem uma antena externa, cuja intenção é dar ganho aos debeis sinais, é muito, mas MUITO improvavel que o sinal "indesejado" chegue diretamente ao cartão e NÃO atravez da antena (Que é quem capta os sinais). Pra etapa amplificadora do cartão captar um sinal 'indesejado' e amplificar junto com o sinal do cartão, teria que ser de um beeela potencia e bem proximo, teria basicamente que ter um cartão de 1000mW com uma yagi de 30dB apontada pro cartão pra isso ocorrer, só o cartão não tem potencia irradiante pra muita coisa, sozinhoa os componentes já não fazem muito, e quando colocamos aquelas chapinhas metalicas nos cartões (Somente na area de RF, no caso dos AP's, USB, PCI) diminui ainda mais, claro que ainda passa muito sinal, mas não a ponto de atrapalhar tanto)

    Nesse lado da interferencia, se tem essa preocupação, dá pra testar uns valores diferentes no 'noise treeshold', algo como -80, por exemplo, mas não tem referencia na web sobre que cartões (Ou se todos) entendem isso.
    (Aqui só faz efeito se subo muito o valor, tipo -60, mas aí muitos clientes ficam caindo e voltando (Provavelmente porque o sinal fica no limiar, e AP comum (Que não tem fonte de baixo ripple ;-) ), PCI e USB variam o seu sinal... mas pelo menos com -60 os pings melhoram. Uma hora testo melhor se com -80, por exemplo, não melhoram na media, porque no olhometro aparentemente não)

    E eu ainda acho que antenas de alto ganho, e cartões de potencia e sensibilidades altas, atrapalham mais do que ajudam, de qualquer forma quando o sinal é fraco (Cliente sem visada) a qualidade e estabilidade da conexão é desanimadora, 5 ou 6dB a mais na antena e 300 ou 400mW a mais na antena nem 10dB a menos na sensibilidade não irão resolver essa conexão sem que hajam efeitos colaterais piores do que perder 1 cliente sem visada. Sem falar que a poluição no expectro 802.11b/g nas cidades é culpa disso.

    (A sensibilidade do R52_ pode não ser numericamente alta, mas use o snoofer pra ver o numero sem fim de SSID's detectados... aqui no interior, em currutela de 9K habitantes, pega praticamente todos os AP's da cidade, uns 300, o noise treshold elimina um pouco disso.






Tópicos Similares

  1. Respostas: 13
    Último Post: 06-01-2015, 20:02
  2. Respostas: 6
    Último Post: 04-10-2011, 18:40
  3. Quantos clientes com link de 2Mb??
    Por lipeiori no fórum Redes
    Respostas: 13
    Último Post: 05-05-2008, 09:23
  4. Quantos Clientes posso ter com link de 4MB?
    Por airtonveiga no fórum Redes
    Respostas: 13
    Último Post: 14-06-2007, 22:29
  5. AP Linux com placa de wireless sem usar cartoes
    Por digowebnet no fórum Redes
    Respostas: 5
    Último Post: 11-04-2007, 07:18

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L