+ Responder ao Tópico



  1. essa malha seria varias barras de cobre enterradas todas ligadas?

    no caso seria uma para-raio para o aterramento da torre e equipamentos e outra para o para-raio com fio descendo isolado da torre? sem que as duas malhas facassem separadas?

  2. 2 aterramentos separados é meio complicado de fazer se não tiver espaço no solo, porque por "malha" chamamos o agrupamento de varias astes, e se elas estiverem proximas deixam de serem isoladas, e viram uma única malha, ao invez de 2 (O que é um problema menor do que GND de aparelhos e torres unidos). Como os tipos de solo e variações diversas são muitas, não dá pra dizer quantas astes usas, mas são muitas, aqui o solo é mais seco, arenoso, e pra não ser necessario tratamento com gel e cia, o jeito é colocar 12 a 15 astes de 2,4m pro terrometro apontar algo satisfatório pra torre de 30m. Pra ter uma idéia...


    Só agora que acordei que o títula é "torre sem para-raio", que na verdade quer dizer: Torre sem captador de franklin. As construções que tem um cabo de aço circundando tudo, tem isso pra proteção de raios, e é tão eficiente quanto captador de franklin no alto. Só que: Essa malha envolvendo tudo fica realmente em volta de tudo (Predio, torre, telhado), então pra torre teria que ter isso na beirada das antenas, o que não seria facil, diria quase impossivel devido a fragilidade dos refletores de fibra e tal. Teria que fazer um quadro metalico pra ficar ao redor, o que sairia beeem mais caro que 3 ou 4 captores de franklin apontados pros lados, se não houver como colocar um em cima (Lembrando o angulo de proteção de uns 40-60º do captor, ou seja, se as antenas ficarem a digamos 50cm pra forra da torre, a area toda seria de uns 1,3-1,4m, então o captor teria que ficar uns 2,5m acima dessas antenas, se é pra ficar na faixa de proteção de 90%...

    Um jeito "caseiro" de comparar resistividade e condutividade do solo seria aquele sistema de mandar som por astes no solo (2 astes, 2,4m a digamos 3m uma da outra, uma no gnd e outra no polo de um amplificador duns 20W RMS, manda som pra outra instalação similar até uns 100m de distancia, saindo dos estaios e indo pra um pre-amp de alta impedancia), mas teria que ter um local de referencia, um local pra 'calibrar' a medido, um local onde saiba quantas astes de que tamanho e distanciamento apontaram valor x ou y no terrometro, e isso é quase impossivel, mais facil emprestar terrometro de alguem.


    Outa vantagem de ter a torre como condutor entre captor e solo é poder fazer um circulo de astes ao redor dela e colocar cabos mais finos entre a torre e cada aste. Se o cabo vier isolador desde o alto, deve ser de 30mm se não me engano, e debaixo da terra continuar com 30mm, mas se sai da torre e segue apenas digamos 3m até a aste, pode ter só 20mm.


    Só não recomendo colocar captores perto dos estatios, já pensou um raio torrando um estáio? (Eles tem potencial pra isso) Raio vem em tempestade com vento, aí tá lá a maior ventania, e um estáio arrebentado, o jeito é correr pra longe ;-)




    ==================
    edit:
    O que falo da distancia do captor pra baixo é mais ou menos isso:
    http://www.canarana.info/cm/torre.gif
    (Paint sux, eu sei...)
    A "area protegida" fica abaixo, então usar a torre como captor, mas colocar antena sobre a torre, o captor será a antena... e antena setorial de 20dB de R$ 1200 acertada em cheio por um raio não fica inteira/utilizavel não!
    Última edição por rubem; 10-08-2010 às 21:20.



  3. Rubens, a torre que vi sem o captor e cabo de cobre de descida é exatamente o que está no primeiro desenho.
    As antenas estão abaixo do topo da torre. E na base tem uma malha grossa fixada na ferragem da torre e entra chão adentro até as hastes.
    Mas a dúvida é: como fixar os componentes na torre sem ter contato com ela, já que ela é o prarrraios?
    Qualquer suporte precisaria de um bom isolamento para evitar contato elétrico. Que material usar para esta fixação? Deu vontade de subir nesta torre e ver de perto, mas fiquei receoso que alguém visse e pensasse em vandalismo ou roubo e isso poderia me enrolar. hehehehe!!!!

    Uma solução assim eliminaria uma das grandes preocupações que é o roubo do cabo de cobre que desce do captor. Vale uma boa grana.

  4. Proxima torre vou usar as panelinhas biquad de 12dB, como uso mastro de 3/4 vou procurar algumas buchas de amortecedor ( Tipo isso: http://www.ipab.com.br/fotos/02858.jpg ), colocar uma fita de lata ao redor (Pra ficar tipo abraçadeira com parafuso) e então prender as setoriais normalmente nessa fita metalica (Cuja função é distribuir melhor o aperto do ferro fino (5/16) do U das antenas.

    Se não achar bucha tão grande vou fazer de pneu, só não sei se a grande quantidade de metal moido nos pneus seria um perigo ou não, mas pelo que vejo (E já usamos) sistemas de cerca eletrica (Não residencial, falo de aparelhos de 20 joules (Residencial tem 0,1 a 0,5J)), só há problema quando a borracha é muito fina, e por muito fina entenda-se menos de 0,5cm pra cercas de 10J, e menos de 1cm pra cerca de 20J, então em tese uns 2cm protegem de um belo raio, que apesar de tensão alta não tem tempo suficiente pra perfurar a borracha (Coisa que os eletrificadores conseguem porque disparam ums 3000 vezes por hora, agua mole em pedra dura...). Só não seria bom deixar o metal a antena com "vista" para o metal da torre, teria que ter uma rebarba tal qual a bucha da foto acima (Ou pintar aquela parte da torre com tinta epoxi ou poliuretano (PU, de chassi (Longarina) de veiculos de carga mais velhos). Se levar pelo lado da proteção a faiscamento, teria que colocar a antena com isoladores de mica, os usados em linhas de anta tensão, setoriais pesadas são um problema mas se for de 14dB acho que os isoladores mais em conta aguentam (O vento, chacoalha até que uma folga de 0,5mm se transforma num trincado no isolador)

    Ou, como pretendo usar só biquad no futuro , vou isolar o biquad e o gnd do cabo dentro da antena, mas isso iria contra a homologação da antena pois modificaria ela...
    É possível fazer o corpo da antena todo em plastico, as offset da Zirok tem muito plastico e aguenta sol e chuva sem rachar, a ponta fica isolada, só restaria fazer a conta pra saber se isolar um mastro no alto da torre e puxar um cabo de 35mm dele não sai mais barato que isolar 3 a 6 antenas pesadas.

    Ou como alguem já disse, põe tudo aterrado junto, e põe o dinheiro desses isoladores e captor num CDB, quando algum raio cair e queimar uns cartões você resgata o fundo e comprar cartões novos (Provavelmente vai dar pra comprar só cartões postais...).



  5. Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Proxima torre vou usar as panelinhas biquad de 12dB, como uso mastro de 3/4 vou procurar algumas buchas de amortecedor ( Tipo isso: http://www.ipab.com.br/fotos/02858.jpg ), colocar uma fita de lata ao redor (Pra ficar tipo abraçadeira com parafuso) e então prender as setoriais normalmente nessa fita metalica (Cuja função é distribuir melhor o aperto do ferro fino (5/16) do U das antenas.

    Se não achar bucha tão grande vou fazer de pneu, só não sei se a grande quantidade de metal moido nos pneus seria um perigo ou não, mas pelo que vejo (E já usamos) sistemas de cerca eletrica (Não residencial, falo de aparelhos de 20 joules (Residencial tem 0,1 a 0,5J)), só há problema quando a borracha é muito fina, e por muito fina entenda-se menos de 0,5cm pra cercas de 10J, e menos de 1cm pra cerca de 20J, então em tese uns 2cm protegem de um belo raio, que apesar de tensão alta não tem tempo suficiente pra perfurar a borracha (Coisa que os eletrificadores conseguem porque disparam ums 3000 vezes por hora, agua mole em pedra dura...). Só não seria bom deixar o metal a antena com "vista" para o metal da torre, teria que ter uma rebarba tal qual a bucha da foto acima (Ou pintar aquela parte da torre com tinta epoxi ou poliuretano (PU, de chassi (Longarina) de veiculos de carga mais velhos). Se levar pelo lado da proteção a faiscamento, teria que colocar a antena com isoladores de mica, os usados em linhas de anta tensão, setoriais pesadas são um problema mas se for de 14dB acho que os isoladores mais em conta aguentam (O vento, chacoalha até que uma folga de 0,5mm se transforma num trincado no isolador)

    Ou, como pretendo usar só biquad no futuro , vou isolar o biquad e o gnd do cabo dentro da antena, mas isso iria contra a homologação da antena pois modificaria ela...
    É possível fazer o corpo da antena todo em plastico, as offset da Zirok tem muito plastico e aguenta sol e chuva sem rachar, a ponta fica isolada, só restaria fazer a conta pra saber se isolar um mastro no alto da torre e puxar um cabo de 35mm dele não sai mais barato que isolar 3 a 6 antenas pesadas.

    Ou como alguem já disse, põe tudo aterrado junto, e põe o dinheiro desses isoladores e captor num CDB, quando algum raio cair e queimar uns cartões você resgata o fundo e comprar cartões novos (Provavelmente vai dar pra comprar só cartões postais...).
    Esta idéia da bucha é muito boa.
    As antenas setoriais da TSM são extremamente leves e não devem causar problemas de oscilação.
    Hoje, conversando com um amigo que tem rádio AM a muitos anos, eu perguntei para ele sobre torres serem o próprio pararraios. Ele me disse que não há problema. Funciona tranquilo.
    Agora, juntando esta sua idéia da bucha já dá para fazer um raciocínio prático do sistema de fixação.
    Uma coisa que ele me disse: nunca fixe o cabo de descida por fora da torre. Como a torre estará aterrada, ela funcionará como uma gaiola de Faraday. Então, coloca tudo, que puder por dentro da torre. Caixa hermética e a descida do cabo de rede. Assim, indução no cabo ou cartões não serão sentidas. Só fica a antena de fora da gaiola.
    Mas se fizer uma estrutura simples de ferro redondo 1/4 que fique por fora da antena e fixada na torre, a própria antena ficaria dentro da gaiola de faraday. No entanto esta estrutura não pode ser muito fechada ou muito aberta, para não coincidir com os multiplos de comprimento de onda da frequência, para não bloquear o sinal da antena.
    Alguém já pensou nisso ou concorda com esta idéia dele?






Tópicos Similares

  1. Respostas: 5
    Último Post: 25-06-2014, 19:41
  2. Torre sem ART
    Por Claudineibj no fórum Redes
    Respostas: 2
    Último Post: 08-01-2014, 13:57
  3. Montar Torre Sem Usar Rb, Tem Geito?
    Por JeanS@tnet no fórum Redes
    Respostas: 3
    Último Post: 19-02-2013, 08:33
  4. Paineis solares para torre sem energia
    Por adbthomaz no fórum Redes
    Respostas: 8
    Último Post: 16-01-2013, 12:16
  5. Respostas: 2
    Último Post: 31-03-2009, 10:56

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L