+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por laurence669 Ver Post
    sim é isso ai mesmo ......
    só disse desta meneira por causa sua lista de preços ..
    voce esqueceu de colocar os 6 nanos + o gerenciador,,,
    Gerenciador é na central e não na torre !

  2. Citação Postado originalmente por Aiomar Ver Post
    CARA PERFEITO !
    VC ESTA CERTISSIMO, VOU UTILIZAR NANO2 PARA DISTRIBUIR !!!
    OBRIGADO ! UBNT É 10 !!!
    hehehe
    Que bom ter ajudado!
    Você só precisa ficar atento quanto aos canais utilizados...
    Procure utilizar os canais que não se encontram onde tiver nanostation perto...e quanto não der (pq nao tem tanto canal assim) utilize em forma de cruz...Tipo, o nano que estiver de costas para o outro vc usa os canais perto, sugiro também que se possivel coloque um "marmitex de aluminio" em todos eles nas costas antes de fixar no suporte...
    http://guia.maisplastico.com.br/prod...4a8d468c37.jpg
    O aluminio irá ajudar na isolação da interferência nas costas!



  3. É necessário saber a realidade que tu vivencia ai onde trabalha. Digo isso baseando no fato de que não sabemos a distância máxima que tu pode aplicar para projetar a cobertura, não sabemos a distribuição física dos teus possíveis assinantes (se estão concentrados ou espalhados por todas as direções), não sabemos nem a estimativa de possíveis assinantes que podem vir a assinar o teu serviço.

    Vou citar caso por caso, pra ficar mais clara a minha posição:

    - se tu quer atender assinantes longe (3km pra fora), monta uma estação com antenas de alto ganho (17dbi pra cima)
    - se tu quer atender assinantes perto (até 2km), monta uma estação com antenas de ganho menor (até 14dbi)
    - como com certeza tu não será o único a montar uma rede wireless (ou seja, haverá níveis de interferência, por menor que sejam), trabalha com a ideologia de pequenas células; em cada região que for atender, monta uma célula
    - fazendo isso, diminui a exigência de alcance das antenas, ganhos e potências elevadas e consequentemente, menor será a tua preocupação com ruídos e interferências

    Aqui na empresa eu uso o Bullet 2 como AP/Bridge. É um equipamento muito robusto e confiável. Quem disser que o Bullet 2 não segura vários assinantes simultâneos está apenas especulando, pois afirmo o contrário com a confiabilidade de quem o usa acoplado em uma antena omni (que nem é a das melhores recomendações) com 32 usuários cadastrados e uma média de 22, 24 simultâneos. Ah, e não é com 200k de banda, é 400/500k. Pra quem quiser a prova eu mostro os prints aqui.

    O que acontece MUITO são projetos mal estruturados baseando-se apenas em teorias e especulações. Ruído existe e não deve ser ignorado. Pelo contrário, deve-se evitá-lo, primeiramente na sua própria estrutura, e depois exigindo atitudes na estrutura alheia.

    Minha fórmula é bem simples: qualidade = equipamento bom e bem empregado. Um Bullet 2 tem sensibilidade suficiente para emitir e captar RF, o que dispensa altas potências, ainda mais em ambientes com alto ruído. Um painel setorial Hyperlink irradia maravilhosamente bem, não deixando áreas de sombra na cobertura.

    Dois painéis Hyperlink de 120°, horizontais, acoplados em dois Bullet 2 são suficientes para cobrir sem sombras e atender SOBRANDO 25 usuários em cada setor. Quer mais de 50 assinantes por torre? Bom, então se quer fazer economia... Precisa de mais 25 assinantes? Então põe uma NanoStation 5 na torre. Resolvido o problema.

    Tudo isso custa uma MIXARIA comparado ao resultado fantástico que gera. Sem falar que te trás uma facilidade enorme na hora de fazer um suporte técnico.

    Agora uma questão interessante que eu gostaria que fosse respondida: fala-se em um projeto INICIAL para atender 75 assinantes, mas isso é apenas estrutura; e o LINK para atender com SATISFAÇÃO essa gente toda??? Satisfação que eu digo é 400/500k para cada usuário (pelo menos aqui onde moro é isso que vendo).

    Escalabilidade na estrutura é fundamental, dá pra dizer que é o básico, mas e Link, e gestão, e modelo de negócio para agregar, manter e oferecer suporte para os assinantes? Foi-se o tempo que montar um provedor era só pendurar uma antena no telhado...

    No mais, assino em baixo o que o PauloMassa disse, e te PROVO como funciona SIM esse modelo de aplicação.
    Última edição por Jadir; 06-03-2011 às 16:52.

  4. Citação Postado originalmente por Jadir Ver Post
    É necessário saber a realidade que tu vivencia ai onde trabalha. Digo isso baseando no fato de que não sabemos a distância máxima que tu pode aplicar para projetar a cobertura, não sabemos a distribuição física dos teus possíveis assinantes (se estão concentrados ou espalhados por todas as direções), não sabemos nem a estimativa de possíveis assinantes que podem vir a assinar o teu serviço.

    Vou citar caso por caso, pra ficar mais clara a minha posição:

    - se tu quer atender assinantes longe (3km pra fora), monta uma estação com antenas de alto ganho (17dbi pra cima)
    - se tu quer atender assinantes perto (até 2km), monta uma estação com antenas de ganho menor (até 14dbi)
    - como com certeza tu não será o único a montar uma rede wireless (ou seja, haverá níveis de interferência, por menor que sejam), trabalha com a ideologia de pequenas células; em cada região que for atender, monta uma célula
    - fazendo isso, diminui a exigência de alcance das antenas, ganhos e potências elevadas e consequentemente, menor será a tua preocupação com ruídos e interferências

    Aqui na empresa eu uso o Bullet 2 como AP/Bridge. É um equipamento muito robusto e confiável. Quem disser que o Bullet 2 não segura vários assinantes simultâneos está apenas especulando, pois afirmo o contrário com a confiabilidade de quem o usa acoplado em uma antena omni (que nem é a das melhores recomendações) com 32 usuários cadastrados e uma média de 22, 24 simultâneos. Ah, e não é com 200k de banda, é 400/500k. Pra quem quiser a prova eu mostro os prints aqui.

    O que acontece MUITO são projetos mal estruturados baseando-se apenas em teorias e especulações. Ruído existe e não deve ser ignorado. Pelo contrário, deve-se evitá-lo, primeiramente na sua própria estrutura, e depois exigindo atitudes na estrutura alheia.

    Minha fórmula é bem simples: qualidade = equipamento bom e bem empregado. Um Bullet 2 tem sensibilidade suficiente para emitir e captar RF, o que dispensa altas potências, ainda mais em ambientes com alto ruído. Um painel setorial Hyperlink irradia maravilhosamente bem, não deixando áreas de sombra na cobertura.

    Dois painéis Hyperlink de 120°, horizontais, acoplados em dois Bullet 2 são suficientes para cobrir sem sombras e atender SOBRANDO 25 usuários em cada setor. Quer mais de 50 assinantes por torre? Bom, então se quer fazer economia... Precisa de mais 25 assinantes? Então põe uma NanoStation 5 na torre. Resolvido o problema.

    Tudo isso custa uma MIXARIA comparado ao resultado fantástico que gera. Sem falar que te trás uma facilidade enorme na hora de fazer um suporte técnico.

    Agora uma questão interessante que eu gostaria que fosse respondida: fala-se em um projeto INICIAL para atender 75 assinantes, mas isso é apenas estrutura; e o LINK para atender com SATISFAÇÃO essa gente toda??? Satisfação que eu digo é 400/500k para cada usuário (pelo menos aqui onde moro é isso que vendo).

    Escalabilidade na estrutura é fundamental, dá pra dizer que é o básico, mas e Link, e gestão, e modelo de negócio para agregar, manter e oferecer suporte para os assinantes? Foi-se o tempo que montar um provedor era só pendurar uma antena no telhado...

    No mais, assino em baixo o que o PauloMassa disse, e te PROVO como funciona SIM esse modelo de aplicação.
    Falou tudo!



  5. Citação Postado originalmente por PauloMassa Ver Post
    Falou tudo!
    Vdd !






Tópicos Similares

  1. Respostas: 12
    Último Post: 06-07-2009, 15:31
  2. nome ao invés de ip
    Por Ed_Teixeira no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 0
    Último Post: 04-03-2009, 17:22
  3. Como fazer alinhamento de painel setorial?
    Por Gosulator no fórum Redes
    Respostas: 8
    Último Post: 26-03-2008, 21:17
  4. Meu teclado acentua o "c" ao invés de fazer o &qu
    Por Zeramoz no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 2
    Último Post: 23-09-2004, 12:03
  5. kde ao inves de windowmaker.
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 2
    Último Post: 30-08-2003, 22:40

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L