Página 2 de 3 PrimeiroPrimeiro 123 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. kkkkkkkkk
    Ilheus- BA é a China Brasileira....

    Hoje tem tenta trabalhar certinho, fica frustrado, se sente otário.
    Alem de perder mercado para " Muambeiros" neguinho sem estudo montando " Distribuidora".


    Haaa o Sr, esqueceu de mencionar a OIW, que não quero puxar a sardinha pro lado de ninguém, mas sou a Mais a WDC que a OIW.

  2. Emfim...

    Comprei uma antena em uma loja brasileira, que me emitiu nota fiscal e pagou seus impostos.

    Como usuário, entendo então que eu esteja agindo dentro da regra e da lei.



  3. Vamos aos fatos:

    - o produto obrigatoriamente tem que ter procedência.
    - mesmo que você compre no mercado livre, a empresa que revende o produto tem que ter a nota de entrada de compra da empresa que homologou.

    Tivemos uma antena Omni da Aquario lacrada,comprada na loja Antena & Cia, pois a nota fiscal da Antena era deles, a Anatel pediu um documento que comprovasse que a Antena era da kidasem Antenas pois a homologação era deles.

    Pedimos então que a Antena & Cia nos enviasse a nota fiscal de entrada ou uma declaração, sobre a procedencia da Antena. A Loja Antena e Cia mandou baseado na nota fiscal que me deram na data da compra uma nota fiscal da compra de um lote de 30 antenas omni da kidasem Antenas.

    Problema resolvido.

    só que toda esta tramitação, levou 6 meses.

    Então colegas, se seus equipamentos tiver procedência, você pode sim imprimir e colar o selo neles que estão no site da anatel.
    Espero acabar de vez com esta dúvida.

  4. Citação Postado originalmente por pinhais Ver Post
    Vamos aos fatos:

    - o produto obrigatoriamente tem que ter procedência.
    - mesmo que você compre no mercado livre, a empresa que revende o produto tem que ter a nota de entrada de compra da empresa que homologou.

    Tivemos uma antena Omni da Aquario lacrada,comprada na loja Antena & Cia, pois a nota fiscal da Antena era deles, a Anatel pediu um documento que comprovasse que a Antena era da kidasem Antenas pois a homologação era deles.

    Pedimos então que a Antena & Cia nos enviasse a nota fiscal de entrada ou uma declaração, sobre a procedencia da Antena. A Loja Antena e Cia mandou baseado na nota fiscal que me deram na data da compra uma nota fiscal da compra de um lote de 30 antenas omni da kidasem Antenas.

    Problema resolvido.

    só que toda esta tramitação, levou 6 meses.

    Então colegas, se seus equipamentos tiver procedência, você pode sim imprimir e colar o selo neles que estão no site da anatel.
    Espero acabar de vez com esta dúvida.
    Sim, esta certo, porém ESSA REGRA SÓ VALE PARA EQUIPAMENTO DE FABRICANTE NACIONAL E HOMOLOGADO DIRETO POR ELE, se for equipamento importado essa regra não vale nada, pois, você pode importar e vender sem problema algum e usar, essa é a regra da Anatel, eu me senti lesado muito tempo, até descobrir que os otários somos nós mesmos que ficamos imaginando ou querendo defender alguém nisso.

    Porque será que nunca a Anatel publicou a portaria final resolvendo esse assunto? Alguem lá deve ou ter uma distribuidora, ou então não quer responder a problemas "políticos", hehehe...

    E depois, o Lulinha vendeu joguinhos de celular e ficou dono da OI? Oitário somos nós, kkkkk



  5. Usuário final imprimindo selo Anatel!? Isso não tem fundamento. Resolução Anatel 242 Anexo III item I - e (pg 24/25):
    "III – A afixação da etiqueta de identificação no produto deve ser providenciada previamente à sua disponibilização ao mercado e é ..."
    Com isto entendo que quando comprar um equipamento ele deve, obrigatoriamente, possuir o selo da Anatel. No site da Anatel dentro dos anexos de uma homologação constam fotos para que você possa conferir se o que você comprou é realmente o modelo homologado, mas nenhuma matriz de etiqueta.

    "Art. 32. A homologação dos produtos objeto de certificado de conformidade não poderá ser utilizada por terceiros nas situações em que:
    I - o produto seja produzido em planta fabril diversa daquela objeto de análise, nas hipóteses de Certificado de Conformidade com avaliação do Sistema da Qualidade; ou
    II - o produto seja distribuído no Brasil por fornecedor diverso daquele que tenha requerido a homologação e este fato prejudique a responsabilidade prevista no art. 29, inciso V deste Regulamento."

    Conforme o item I: Se você comprou um equipamento que deveria ser fabricado no Brasil e recebeu um equipamento chinês ... acho que a homologação não vale nada.

    Conforme o item II: Se você comprou um equipamento homologado, mas não do requerente da homologação ... acho que seu equipamento é irregular.

    Parece estranho, mas é o que está escrito. Se o fiscal da Anatel entende de outra forma ... tudo bem, mas aí depende de cada fiscal e de um bom relacionamento com o fiscal, com a vizinhança ...






Tópicos Similares

  1. Configuração Nanostation M5
    Por ElizeuHenry no fórum Redes
    Respostas: 11
    Último Post: 21-08-2011, 14:22
  2. Respostas: 31
    Último Post: 04-08-2011, 22:33
  3. Nanostation M5 X NS5
    Por dorau no fórum Redes
    Respostas: 5
    Último Post: 23-02-2010, 09:17
  4. Respostas: 0
    Último Post: 22-04-2009, 09:13
  5. Respostas: 5
    Último Post: 07-08-2007, 19:25

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L