+ Responder ao Tópico



  1. Eu tenho somente 10 delas instaladas até agora e também já tive problema, e olha que não tem nem 3 meses que instalei. Aqui ela fica reiniciando sempre que aumenta o tráfego.

    Estou pensando em montar o equipamento do cliente com RB Mikrotik ao inves de usar Airgrid.

    Pesquisando no site da flytec, consegui montar um kit por menos de U$ 100,00. Sai um pouco mais caro que a airgrid mas acredito que vale a pena se levar em consideração a durabilidade, pois Mikrotik geralmente não apresenta tanto defeito de fabricação.

    Vejam os equipamentos que pensei em usar nesse kit:

    1- MIKROTIK- ROUTERBOARD RB 711-5HN-M (PIGTAIL MMCX) - U$ 47,00
    Flytec Computers
    2- ANTENA FLY FG5827G GRID/ 5725-5850/ N FEMALE - U$ 30,00
    Flytec Computers
    3- PIGTAIL AC-MMCX FEMEA 28CM - U$ 5,00
    Flytec Computers
    4 - UBIQUITI FONTE-POE-48V-0,5AMP - U$ 14,00
    Flytec Computers

    Valor = 47 + 30 + 5 + 14 = U$ 96,00 * 1.9(valor do dólar) + 30% (comissão pra trazer) = R$ 237,12 + a caixa hermética que podemos comprar no Brasil mesmo por uns R$20,00. Valor total = R$ 257,00.

    Usando esse kit teríamos ainda como vantagem o fato de que se algum componente der problema não perde todo o equipamento.

    Mas teríamos como desvantagem o fato de ainda não estar homologado e que teríamos um pouco mais de trabalho pra comprar e montar.

    O que acham? Será que vale a pena experimentar?

  2. Eu penso que o mínimo que a ubiquiti poderia fazer é montar uma equipe técnica de reparo aqui no brasil levando em consideração o mercado brasileiro e solucionar o problema do equipamento tomando pra sí uma responsabilidade que é sua. O vendedor vende, se eu comprar uma tv e der defeito eu não levo nem na insinuante, nem nas americanas etc. Eu levo ou mando para uma autorizada que resolve meu problema ou substitui sem custo. Agora eles vem aqui dizer que fizeram um fórum "brasileiro" destinado a discursão deste e de "outros problemas". Eu sou consumidor, eu não sou blogueiro da ubiquiti e nem engenheiro eletrônico pra discutir problemas técnicos etc. Mais respeito com os consumidores.



  3. Galera no ano de 2011 foi 10 Argrid e em 2012 to com duas e o pior e que eu so vendo...
    tipo si a Argrid de problemas depois da garantinha o cliente naum quer saber de comprar outra e perco o Cliente
    e o nome do Provedor fica sujo na pra por causa da Ubiquit
    e um detalhe aqui todas foram bem vedados com silicone . . .
    foi o pior investimento da empresa. . .
    si continuar vou ter que Processa a Ubiquit por danos morais e Propragana inganoza nos todos fomos enganados . . .

  4. Acabei de mandar três nanobridgesM5 para o RMA, todas como mesmo defeito.... desse jeito realmente está difícil trabalhar com esse equipamento...
    Se a mikrotik lançar uma SXT com parábola... vai dar trabalho para a ubiquit recuperar o mercado que está perdendo...



  5. Olá colegas,

    Queria colocar aos colegas algumas considerações pessoais sobre o assunto:

    - Primeiramente gostaria de deixar bem claro, que em nenhuma hipótese quero proteger ou defender a Ubiquiti, inclusive podem conferir em minha assinatura que não tenho nenhuma certificação Ubiquiti, bem pelo contrário, não vendo nenhum tipo de equipamento Ubiquiti, e inclusive, para quem me conhece pessoalmente, já deve ter me ouvido falar: "Não utilizo nenhum equipamento da Ubiquiti para um trabalho profissional, a única aplicação deles para mim em um POP, são as Base Station para atender clientes residenciais, e mesmo assim, as mesmas configuradas em modo bridge, conectadas a uma RB da Mikrotik".
    E ainda assim, longe de mim falar mal dos equipamentos da Ubiquiti, os equipamentos deles foram uma revolução muito grande para os ISP.
    Sempre quando vejo um tópico onde ficam de um lado defendendo os equipamentos da Mikrotik e do outro os da Ubiquiti, eu me lembro de uma conferência em que a Ubiquiti fez em minha cidade, em que o CEO da Ubiquiti apresentou uma solução utilizando Base Station e na base da torre uma RB Mikotik, isso na própria apresentação dele, e ele mesmo afirmou que considerava essa a solução ideal, e particularmente, penso igualzinho a ele, se bem que isso tem mudado um pouco nos últimos meses, principalmente com os lançamentos de produtos da Mikrotik, como a OmniTik e a SXT.
    É realmente engraçado que determinadas noites acordo de um sonho, que um dia espero se realizar, de a Mikrotik comprar a Ubiquiti, ou vice-versa, imaginem só, o poder do RouterOS da Mikrotik, com as antenas da Ubiquiti, tudo junto, em um mesmo equipamento.

    - Outra coisa é referente ao problema que os colegas tem citado em seus posts, relacionados a AirGrid, que realmente me surpreendeu muito, pois como disse, tenho mais de 200 em minha rede, e nunca tive problemas com elas.
    Sempre procuro entender a origem de um problema, para depois tirar as minhas conclusões, e sempre fico pensando que quando os engenheiros, por exemplo, da Ubiquiti projetam e testam esses equipamentos, se eles consideram as condições climáticas de todas as regiões do mundo, pois eles são vendidos para todo o mundo, e podem ter certeza que o mesmo equipamento funciona de uma maneira nos EUA e de outra aqui no Brasil, por exemplo.
    Querem um exemplo prático, em minha cidade, nesta época do verão temos dia de temperatura chegando na casa de 44 graus, e temperatura média de 38 a 40 graus, é de fritar qualquer equipamento fácil.
    Um exemplo mais prático ainda, presto serviço para algumas empresas de Puerto Iguazu, na Argentina, que fica a 400 KM de Buenos Aires - Capital, os postes da rede elétrica da companhia de energia são quase todos de madeira, alguns são galhos de árvore mesmo, nas regiões mais distantes do centro da cidade, é tanto problema com energia elétrica, que se um cachorro fazer xixi na base de um poste lá em Buenos Aires, fica sem energia lá em Puerto Iguazu.
    Brincadeiras aparte, quero dizer com isso que muito pouco provável que o problema que os colegas estão constatando sejam referentes a parte elétrica, aterramento e etc.
    Partimos então para a parte de umidade dentro das antenas, como citei anteriormente, umidade em minha região é uma coisa muito desconhecida, a mesma coisa que neve para brasileiro, pois numa região muito quente sofremos com o problema de aquecimento, e não umidade.
    Esse ponto é muito interessante, pois imagino o seguinte, como alguns colegas comentaram que isolam o equipamento com silicone, pronto, criaram o seu próprio ecosistema, onde a umidade que se cria dentro do equipamento nunca mais vai sair lá de dentro ehiaheaeiaehaehiahehiahiea, pois está bem isolada
    Vocês já tiveram a oportunidade de ver um relógio de pulso que entra água ??? Ele é todo isolado, mas quando a água entra, nunca mais sai.
    Eu acredito que uma hora ou outra vai entrar água no equipamento, mas como lhes disse, como estou numa região muito quente ela evapora rapidinho, pois eu não faço o uso de nenhum tipo de isolador nos equipamentos, do jeito que vem na caixa nos montamos no clientes e boa.
    Desculpem pelo texto longo, não estou defendendo os equipamentos da Ubiquiti, temos alguns usuários aqui no fórum para isso que tem interesses econômicos para tal, e também não estou afirmando que estou 100% correto, ou que o problema seja realmente esse, estou apresentando apenas um estudo de caso.
    Um grande abraço a todos,






Tópicos Similares

  1. Configuração de duas antenas AirGrid M5 - HP
    Por miltonneto no fórum Redes
    Respostas: 7
    Último Post: 09-11-2015, 13:27
  2. Respostas: 5
    Último Post: 12-11-2013, 19:15
  3. Airgrid M5 Antena descartavel ???
    Por jcmaster85 no fórum Redes
    Respostas: 134
    Último Post: 12-01-2013, 22:07
  4. Respostas: 0
    Último Post: 23-08-2012, 10:36
  5. Respostas: 3
    Último Post: 09-02-2011, 14:14

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L