+ Responder ao Tópico



  1. Então o bullet ja ta a 16dbm e não sei onde ver no mikrotik o sinal pois uso rb750 e o bullet é que esta ligando os clientes(esta como ponte) se eu abaixar mais a potencia o cliente mais distante começa a oscilar o ccq
    e 16dbm já bem baixinho cerca de 40mw

  2. Se todos os rádios tem AGC eu não sei, mas que manter um determinado nível de sinal funciona, isso funciona.
    Como citei antes, num cliente com sinal de recepção extremamente forte, ele não navegou com estabilidade. Decerto não tem o AGC.

    O vídeo que postei mostra o mesmo resultado citado pelo colega mais acima.

    Na dúvida não instalamos mais com sinal forte, acima da média.



  3. Ah foi só um bug bobo do ccq, dei um reboot hoje de manhã no bullet e agora a noite ao cliente conectar o ccq ficou normalmente a 100%.

    Então você acha que não tem problema eu deixar a grade 25dbi no cliente a -28 que funciona normal Jorge!
    Por enquanto não deu nenhum problema com ele CCQ estável entre 96 ~100%.

  4. Vamos as respostas das perguntas do Jorge! Não estou aqui para surpreender apenas para compartilhar meus conhecimentos com vocês.

    1 - Se há um AGC no radinho, esse pode ficar "desligado" ou está sempre ligado ?
    O AGC do rádio é processado por alguns fabricantes de forma Binaria por software assim como o controle de potência. Geralmente esta atrelado a um calculo em relação ao limiar de recepção ao qual os componentes do projeto em questão suporta. Todos os rádios transceptores tem AGC isso é tão certo quanto as ciências exatas da matemática. Se ele pudesse ser desligado com certeza você mudaria de ideia em relação ao que achas Jorge. Por que você notaria na pratica que a navegação tornaria inviável em clientes de sinal diferente, seria gritante o resultado!

    2 - Se há um AGC no radinho, por que isso implicaria em "processamento", uai se é um circuito AGC então não haveria processamento nenhum na parte digital do aparelho ?
    Qualquer trabalho que envolva cálculos baseado em algoritmos seja por programação etc requer parte do Processamento do processador ou pelo DSP em uma dada constante de tempo! Não existe milagres! Nada trabalha sozinho no meio digital!

    3 - Ou então o que você chamou de AGC é na verdade um algoritmo de normalização presente na parte digital do radinho ?
    Sim! Quase que sempre! No inicio tentaram fazer esse controle de ganho de forma analógica somente baseado no sinal da portadora pura, depois começaram os aperfeiçoamentos baseados nas técnicas de modulação. Foi ai que perceberam que seria melhor controlar de forma processada para uma precisão maior.

    (Ou seja o equivalente em método numérico ao que seria um circuito AGC) ?
    O AGC é um circuito que tem por obrigação entregar um sinal estavel e constante para o AD do decoder poder fazer a decodificação do sinal.

    4 - Se é um algoritmo no processador do radinho, esse algoritmo pode "processar mais" ou "processar menos" conforme o sinal presente ou ele vai sempre processar ?
    Ele processa sempre a mesma coisa, o problema é na verdade quando ele não consegue fazer com que o AGC atenue demais saturando a recepção ou quando ele faz o radio escutar demais. Por isso é aconselhável trabalhar com uma relação de sinal de -58dbm a -68dbm. Desta forma temos uma margem de segurança que o AGC sempre fara o seu trabalho de forma correta.

    5 - Mas o papel do AGC (Ou do algoritmo de normalização) não é justamente permitir ouvir clientes com diferenças brucas de nivel de sinal ?
    Sim. Mas ele é burro. Imagine seu concorrente trabalhando no mesmo canal que você com um amplificador de 2 watts. O AGC só consegue processar e controlar o nivel de sinal das estações que estão atreladas ao seu ponto de acesso local e é ai que pode começar os probelmas.

    6 - Outra coisa é que, se for um algoritmo que faz algo parecido com AGC, então há uma etapa ADC no radinho que converte de analógico para digital e então a diferença entre o menor e o maior sinal seria por consequencia da faixa dinâmica que esse ADC suporta, confere ?
    Parabéns. Você mesmo respondeu a sua pergunta! És inteligente e é isso mesmo que acontece!

    7 - Sera que a faixa dinâmica do ADC não é justamente a distância entre menor sinal captável (sensibilidade) e maior sinal captável (saturação) ?
    Em termos. Depois disso tem outras variantes como o atrelado do ACK com relação a distância em função da velocidade da propagação das ondas eletromagnéticas que pode variar de acordo com a distância.

    8 - Em qual datasheet você viu esses valores para saturação do rádio então ?
    Não vi em data-sheet nenhum meu estimado jorge vejo isso a todo instante em livros técnicos de engenharia. Quem conhece a fundo a eletrônica analógica digital sabe muito bem que isso existe em toda parte se tratando de radio-frequência.

    9 - Você tem certeza que no SoC do radinho o mesmo processador que faz o DSP do sinal wireless é o que roda o sistema operacional que roteia os pacotes ? Isso não seria ineficiente ?
    Os dois trabalhão ao mesmo tempo para processar o AGC do rádio. O DSP não consegue trabalhar sem um sistema de gerenciamento. Então podemos dizer que estão atrelados.

    10 - Se são dois nucleos separados no SoC, um responsável pelo sistema operacional e funções de interface e outro responsável pelo DSP, o fato de que o DSP so ter uma atividade (modular/demodular o sinal 802.11 PHY) não significa que pensar em "mais processamento" ou "menos processamento" fica sem sentido ?
    São dois mas um depende do outro para funcionar. Lógico cada um tem o seu papel. Mas sem a logica programável ninguém seria ninguém nessa historia.

    Acredito que os fabricantes usam DSPs capazes de lidar com qualquer calculo necessário não ?
    Sim e não. Vai depender do sinal que ele esta programado para poder processar. Pede pra um DSP lidar com um sinal interferente pra ti ver. Ele arrega. E ai vem os estouros de pings. Então logo sabemos que ele não consegue realizar calculos para corrigir as perdas de pacotes oriundas da interferência. Então o radio acaba baixando seu rate para poder tentar tratar e converter esse sinal e se perde por completo em certas situações elevando a latência até o tão famoso tempo esgotado.

    Faria sentido colocar um DSP que não consegue executar todas as etapas da modulação/demodulação ?
    Acredite meu amigo nada é perfeito! Não existe milagres. Existe melhorias isso sim. Por isso que as técnicas de modulação estão ai, para aprimorar mais e mais
    .
    Se eu economizar aqui, do que adianta?
    Se você manter um certo nivel de sinal para recepção em seus Pontos de acesso evitara problemas oriundos ao AGC. Pois cliente com sinal demais perturba a sensibilidade do rádio fazendo ele diminuir sua capacidade de escutar os mais fracos. E clientes muito fracos pertuba a recepção dos mais fortes por que o DSP faz o radio baixar seu rate para poder atender os mais distantes deixando os clientes com sinal bom a esperar.
    Um cliente com sinal bom faz o radio ratiar a uma frequencia maior de transição de dados enquanto que um cliente ruim faz o radio ratiar a uma frequencia bem menor de transição de dados. Agora imagine um gargalo de rede bem nesse instante de rate baixo. Dai o ping vai as alturas em toda rede até mesmo nos clientes fortes. Por que o radio como disse é burro e ele é obrigado a processar aquele rate naquele exata constante de tempo para todos os clientes.
    Isso significa dizer na pratica que os softwares da UBNT e MIkrotik mente para nós quando diz que 10 clientes estão a navegar a 11mb/11mb de rate por segundo quando um da rede esta na verdade a navegar a 1mb/1mb.
    Vamos usar o padrão 802.11(B) como exemplo.
    Imagine todos os 10 clientes navegando a 11mb e o de 1mb sem navegar, até ai tudo bem. Existe uma transição de 11mb por segundo no rate para todos ao mesmo tempo por segundo. Agora imagine esse cliente de 1mb começando a navegar agora. E imagine um gargalo dentro deste rate. Pronto.. Toda rede é obrigada a navegar dentro desse rate minimo mesmo estando apta a navegar a 11mb. Isso é uma falha? Não. Por que isso faz parte do rate! O problema estão quando acontece o gargalo na rede. E não temos como passar por cima disso. Ai a latência vai as alturas. Para evitar este problema o que faço? Faça uma boa instalação com um perfeito apontamento evitando estar fora da angulação da antena transmissora mantendo sempre um bom sinal e um rate maior possivel.


    11 - Qual a relação entre TDMA (acesso ao meio) e modulação ?
    Total. Na internet acharas muitos artigos a respeito, pesquise.
    O Air-max nada mais é que o velho é bom TDMA abandonado pelas operadoras de celular. Claro tem algumas modificações aqui ou ali. Mas é continua sendo TDMA.

    12 - Qual a relação entre modulação e latência ?
    Total. Veja que a modulação é uma técnica que implica em poder capacitar algo a ser transmitido. Se essa técnica se degrada ao longo da propagação no espaço livre, logo tambem a latência se degrada. Tudo isso pela deficiência do sinal.

    Agora você diz que não acredita em lençol eletromagnético Jorge.
    Ora não acreditar nisso é como ignorar as angulações das antenas setoriais meu caro Jorge na vertical e horizontal.
    O que uma antena setorial faz na verdade é criar um ducto de transmissão para comunicação definido pela angulação da mesma!
    Portanto reveja seus conceitos.

    No mais espero ter sido objetivo em resposta as suas inúmeras perguntas!
    Um Abraço e obrigado pela leitura.
    Não respondi antes por que trabalho e me sobra pouco tempo para me dedicar aqui no fórum. Mas sempre tento me fazer presente para discutir assuntos interessantes como esse!



  5. Jorge seja mais humilde. Respeito você e sua opinião que alias concordo em parte. Isso é um fórum aberto para todos. me desculpe mas vocês esta sendo ignorante ao meu ver. Já fiz parte desse fórum e desisti dele a tempos atras justamente por causa desse tipo de atitude meu amigo. Não estou aqui para aparecer! E você esta a criticar minha experiência profissional adquirida e esta denegrindo minha imagem perante os outros usuarios com seus conceitos. Depois sou eu o que devo provar tudo que digo com artigos técnicos? Não preciso meu amigo. Não preciso provar para você nada! Esta em você acreditar ou ignorar! Fique a vontade! Agora seja mais humilde! E se você acha meus escritos engraçados é por que ainda não aprendeu a interpretar texto e esta a enxergar somente o seu lado de todo poderoso.
    Mais uma vez digo que respeito sua opinião, mas divergimos pelo fato de sermos pessoas diferentes e educação diferente experiências de vida diferentes. Portanto respeite minha opinião.
    Se alguém mais com conhecimento aqui quiser divergir do que escrevi que fique a vontade para o faze-lo, pois ai verei que quem precisa rever os conceitos sou eu e não você.






Tópicos Similares

  1. Versão 6.35.4 desconectando clientes ativos
    Por eduardoalmeida no fórum Redes
    Respostas: 26
    Último Post: 30-07-2016, 14:04
  2. clientes gritando " internet""
    Por lglanhouse no fórum Redes
    Respostas: 9
    Último Post: 02-10-2012, 13:07
  3. 35 Mbps Adsl, Quantos clientes?
    Por BrasileiroNet no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 20
    Último Post: 02-07-2012, 19:10
  4. Respostas: 7
    Último Post: 30-06-2012, 22:29
  5. Respostas: 2
    Último Post: 19-09-2009, 15:41

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L