Página 5 de 5 PrimeiroPrimeiro 12345
+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por Jadir Ver Post
    Tudo bem Luciano?

    O problema dos R52 e R52H é com antena OMNI em específico. Eu tenho atualmente uma RB433 com cartão R52 e um painel setorial 5.8 de 11dbi da IDEAL, e já completou aniversário de 3 anos de operações. Tá lá, firme e forte (até eu trocar por Rocket M5 e BaseStation).

    Em compensação, eu já tive em 3 oportunidades o problema da queima do cartões da Mikrotik quando montados em antena omni. Perdi dois em uma torre e mais um nessa mesma torre em que tá o cartão em 5.8. Interessante, ambos ligados na MESMA routerboard, o 2.4 perdeu potência no primeiro ventinho (nem chuva teve) e o 5.8 segue funcionando até hoje.

    Tem um tópico de uns 2 anos se não falha a memória, que o camarada trocou tudo na torre, RB, fonte, aterramento, nobreak, para raio... Até isolou a antena da torre com borracha pra ver se adiantava, mas nada resolveu. Chegou a perder 30 cartões até que trocou para o XR2 e não queimou mais.

    Isso é fato, tá aqui no Under pra qualquer um comprovar. A questão é que o atrito do vento e da chuva no radome de fibra de fidro (ou plástico) da antena omni gera uma carga estática absurdamente grande, e a maior parte dessas antenas omni não funcionam em "curto" como as setoriais. Logo, polariza e despeja tudo dentro do setor de RF do cartão, que se não for projetado pra suportar uma ESD de mais de 10k volts queima mesmo.

    Se não to enganado os equipamentos da Ubiquiti foram todos reprojetados pra suportar ESD de até 15k volts. Porque antes era só armar uma chuva com raios que já podia encomendar equipamento com o fornecedor. Se chegasse debaixo da Nano e gritasse "raio!" ela queimava. Agora são muito resistentes. Eu mesmo só perdi uma peça em 4 anos.
    Me convenceu com esta explicação, posta o link dos 30 cartões queimados na omni pra fechar o tópico com chave de ouro.

    Abraço

  2. Citação Postado originalmente por OSNIR Ver Post
    O que o Jadir falou tem fundamento, mas isso não quer dizer que os cartões da Mikrotik tenham que queimar antes dos da UBNT, até mesmo porque não teremos uma descarga com mais de algumas centenas de volts neste exemplo... os cartões Mikrotik também possuem proteção e quanto a descargas estáticas seram sim eficazes...
    Com certeza, Osnir. Quando eu me refiro aos cartões da Mikrotik não estou afirmando que eles seja ruins, pelo contrário são ótimos cartões. O que eu citei é um defeito constatado. É fato, assim como é fato as Airgrids da Ubiquiti que perdem potência do nada.

    Sobre a aplicações dos cartões da Ubiquiti, tem uma situação que chega a ser engraçada: o XR2/XR5 são tão, mas tão sensíveis que não captam só o que deveriam captar, em termos de sinal/ruído. São cartões com threshold de -96dbm, e isso é muita coisa!

    Pra um equipamento que capta um suspiro de sinal de -96dbm (ou seja, a fonte de emissão pode estar a vários km de distância) é bem simples de entender que muita coisa indesejada acaba interferindo na irradiação (me refiro tanto à RX/TX de RF) dele próprio.

    Por isso que há cenários onde um R52 funciona melhor que um XR2, principalmente cenários onde se precisa distribuir para vários outros pontos (logo, utilizando antenas com ângulo de abertura grande, como painéis setoriais e omnis) e captando emissões de diversas direções.

    Com antenas direcionais limita-se o problema, porque o ângulo de abertura dessas antenas é bem estreito. Quanto maior o ganho da antena menor é essa abertura. Há antenas que chegam a ter 3° de abertura! É um fio de costura, se não souber apontar o sinal não fica bom.

    Enfim... É por isso que esses cartões da Ubiquiti funcionam tão bem em ponto-a-ponto. Abração procê, Osnir!






Tópicos Similares

  1. Respostas: 8
    Último Post: 06-05-2016, 15:52
  2. Respostas: 1
    Último Post: 14-05-2015, 05:54
  3. Respostas: 10
    Último Post: 27-02-2012, 12:54
  4. Respostas: 33
    Último Post: 20-09-2011, 08:27
  5. Respostas: 6
    Último Post: 07-01-2011, 10:35

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L