+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por osmano807 Ver Post
    TODA! A diferença é que em série você aumenta a diferença de potencial (tensão), e em paralelo você divide a corrente (digamos, utiliza um pouco de cada bateria, ao invés de sugar de uma só, durando mais).
    Só uma toupeira ligaria uma bateria na outra, uma vez que a fonte nobreak aceita interligar mais de uma bateria de 12v!

  2. Citação Postado originalmente por slackalex Ver Post
    Amigo eu interessei nesse circuito inversor comprei um no meracdo livre para faser testes mais tenho uma duvidazinha no anuncio fala que a corrente maxima de entrada é de 16 Amperes. Vc acha que se eu colocar um resistor para limitar a corrente entre o positivo da bateria e o da entrada do inversor, irá ficar bom? detalhe a bateria é de 60 Amperes, e se eu ligasse direto. sera se eu ia ter problemas?
    Peraí, inversor é outra coisa, os circuitos que passei link são conversores.

    Bom, o limite é de CONSUMO, você pode ligar uma lampada de 300mA numa bateria de 150Ah, a lampada não irá queimar, ou se for um transformador, um autotrafo de 100VA pode ser ligado num gerador de 100KVA sem problemas.
    Nesses conversores o limite de corrente de entrada ou de saída explica melhor seus limites do que falar em watts. O problema é que, por serem reguláveis, podem ter diferença grande ou pequena entre tensão de entrada ou de saída, isso altera o rendimento e aquecimento. Se pegar um modelo que aceita 5A de corrente de entrada, em 12V serão 60W, se for um step up pra 36V o rendimento será de uns 70%, terá capacidade então de 36V 1,16A ou 42W, já se for um step down passando pra 5V terá rendimento de 95%, dando capacidade de 5V 11,4A ou 57W. Pra evitar que se faça confusão com a capacidade, melhor informar um limite na corrente de entrada, esse limite é derivado dos filamentos e construção do circuito integrado usado, nenhum aceita corrente grande.

    Essa é uma duvida de quem ainda estão apenas aprendendo o basico do basico da eletronica, não sei se é recomendável implantar circuito onde se requer grande disponibilidade tendo esse nível de conhecimento.



  3. Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Peraí, inversor é outra coisa, os circuitos que passei link são conversores.

    Bom, o limite é de CONSUMO, você pode ligar uma lampada de 300mA numa bateria de 150Ah, a lampada não irá queimar, ou se for um transformador, um autotrafo de 100VA pode ser ligado num gerador de 100KVA sem problemas.
    Nesses conversores o limite de corrente de entrada ou de saída explica melhor seus limites do que falar em watts. O problema é que, por serem reguláveis, podem ter diferença grande ou pequena entre tensão de entrada ou de saída, isso altera o rendimento e aquecimento. Se pegar um modelo que aceita 5A de corrente de entrada, em 12V serão 60W, se for um step up pra 36V o rendimento será de uns 70%, terá capacidade então de 36V 1,16A ou 42W, já se for um step down passando pra 5V terá rendimento de 95%, dando capacidade de 5V 11,4A ou 57W. Pra evitar que se faça confusão com a capacidade, melhor informar um limite na corrente de entrada, esse limite é derivado dos filamentos e construção do circuito integrado usado, nenhum aceita corrente grande.

    Essa é uma duvida de quem ainda estão apenas aprendendo o basico do basico da eletronica, não sei se é recomendável implantar circuito onde se requer grande disponibilidade tendo esse nível de conhecimento.
    hehe Obrigado por sua resposta amigo. desculpe-me por ter confundido conversor com inversor, sabemos que por mais que tenhamos estudado a área, pelo fato de não exercer a profissão, nos acaba fugindo alguma coisa da mente por mais simples que seja, eu apenas resolvi ao invés de recorrer para os livros de eletrônica para relembrar, resolvi apenas perguntar um amigo do fórum no caso vc. Bom não estou aki para falar da sua interpretação, mas sim para te agradecer. Vlw

  4. Citação Postado originalmente por Indiferente Ver Post
    Só uma toupeira ligaria uma bateria na outra, uma vez que a fonte nobreak aceita interligar mais de uma bateria de 12v!
    http://www.electronica-pt.com/index..../view/283/222/

    Se puder ler o texto agradeço, explica como funciona a ligação em série e em paralelo de baterias.

    A versão resumida:

    Positivo com positivo e negativo com negativo: soma a capacidade de corrente, mantém a tensão.
    Duas baterias de 12V /7Ah - total 12V /14Ah

    1 Positivo com 1 negativo - medindo nos contatos que sobram, soma a tensão e mantém a corrente.
    Duas baterias de 12V /7Ah - total 24V /7Ah
    Nome:      Ligação Paralela Baterias.jpg
Visitas:     1978
Tamanho:  12,2 KB

    Lembrando que há fontes-nobreak para 24V, em que se ligam 2 baterias de 12V em série.



  5. realmente o ideal é você utilizar uma fonte no-break com duas baterias em série, que nada mais é que uma fonte de 24v com um carregador de bateria que faz o chaveamento para a bateria quando acontece uma queda de energia.

    utilizar um conversor causa muita perda no rendimento.

    eu utilizo a fonte da CCN e é muito boa.






Tópicos Similares

  1. Step down 12 Volts para 5 Volts
    Por sphreak no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 13
    Último Post: 14-04-2017, 19:43
  2. Como mudar a mascara /24 para /32?
    Por rogeriodj no fórum Redes
    Respostas: 59
    Último Post: 30-04-2011, 06:51
  3. Fonte de pc para ligar rb 133+xr2, via Poe
    Por vitalnetwork no fórum Redes
    Respostas: 2
    Último Post: 25-07-2009, 08:07
  4. Respostas: 1
    Último Post: 26-02-2009, 04:20
  5. REGRA PARA O ACK DA RB
    Por webert no fórum Redes
    Respostas: 2
    Último Post: 16-12-2008, 01:00

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L