Página 6 de 11 PrimeiroPrimeiro ... 2345678910 ... ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico

  1. Roberto, escrevemos ao mesmo tempo. Bom saber que as nossas ideias são parecidas.

    Acho que o lance dos splitters de fibra é o mesmo dos taps coaxiais: quando mais divisores colocar na linha, maior a perda e consequentemente o ganho da rede.

    Eu considerei a proposta do HPNA da Cianet pelo fato da homologação na Anatel. Querendo ou não se formos utilizar infra-estrutura das concessionárias eles irão cobrar isso. Na fibra só se utilizarmos uma solução Overtek ou Parks. Ai levanta o custo lá pra cima. Mas eu considero a fibra melhor sim, não digo nada ao contrário. Só acho mais caro e mais complicado tecnicamente que o cabo coaxial.

  2. Concordo quando diz que o projeto da fibra é mais caro, mas uma rede em fibra não vai desvalorizar, o cálculo médio para uma rede em fibra bem feito e bem projetado é para 20 anos de utilização, não vai sair algo tão cedo no mercado para substituir a fibra.

    Quanto a perda sim é verdade, a perda existe, olhe só o relato de um usuário em outro tópico o Nilsonditz:


    Bom dia a Todos. Vamos lá - Orçamento de Potência

    Op = Orçamento de Potência
    Ptx = potência de saída (OLT)
    Srx = Sensibilidade óptica (Onu ou Olt)

    Op = Ptx - Srx

    Ou seja, para que o enlace funcione adequadamente o valor de Op deve ser maior (Perdas do enlace + Margem de segurança)


    - Perda no cabo ótico 0,5 db/km
    - Perda por emenda 0,05 db
    - Perda por conectorização 0,3 db
    - Perda por spliter
    1:2 = 3,7 db
    1:4 = 7,3 db
    1:8 = 10,5 db
    1:16 = 13,7 db
    1:32 = 17,1 db
    1:64 = 20,5 db

    Ptx OLt = + 3db (Varia conforme fabricante)
    Srx ONU = - 29 db

    Ou seja se sairmos com uma fibra e colocarmos um spliter 1:64 já temos uma perda de 20,5db


    Vale a fórmula

    A = atenuação

    Aenlace = Acabo + Aconector + Aemendas + Asplitters

    Procede a informação se o nivel de potencia ficar abaixo do valor de sensibilidade da ONU a mesma não irá subir . Por isso devemos deixar uma margem de segurança.

    Aqui o link para o tópico dele:

    https://under-linux.org/showthread.php?t=173147


    No projeto e com esses cálculos poderemos facilmente calcular a rede ótica.



  3. Estamos usando e satisfeitos com a solução da Fitnetworks, já tem tudo pronto, é extremamente estável e financeiramente muito mais viável.

    Acho desnecessário reinventar a roda (mesmo que aperfeiçoá-la seja sempre conveniente). Existem soluções de ONU com suporte a 8 portas UTP (já com PoE Reverso) e ainda Switches (gerenciáveis com suporte a VLAN) que utilizam o mesmo sistema de PoE reverso e podem extender ainda mais a rede optica caso uma ONU não seja o bastante (recomendam até 3 níveis de cascateamento de switches, mais por precaução, estamos usando somente um quando extremamente necessário).

    Enfim, entre em contato com o pessoal, reserve alguns equipamentos para testes (somente reservando a saída de material deles é muito grande) e vc verá que estou certo.

  4. Olá Márcio, bom dia!

    Não é questão de reinventar a roda, estamos em um debate técnico vendo o que é melhor para cada um, sua solução é a melhor do planeta ? Não existe nada melhor ou mais viável atualmente ?,

    Acho que deveria ter exposto o produto que usa de outra forma, mas tudo bem, entendi sua mensagem e houve comunicação. Vou dar uma olhada no site da empresa.

  5. Citação Postado originalmente por Jadir Ver Post
    Roberto, escrevemos ao mesmo tempo. Bom saber que as nossas ideias são parecidas.

    Acho que o lance dos splitters de fibra é o mesmo dos taps coaxiais: quando mais divisores colocar na linha, maior a perda e consequentemente o ganho da rede.

    Eu considerei a proposta do HPNA da Cianet pelo fato da homologação na Anatel. Querendo ou não se formos utilizar infra-estrutura das concessionárias eles irão cobrar isso. Na fibra só se utilizarmos uma solução Overtek ou Parks. Ai levanta o custo lá pra cima. Mas eu considero a fibra melhor sim, não digo nada ao contrário. Só acho mais caro e mais complicado tecnicamente que o cabo coaxial.
    Bom dia Jadir!!

    Verifiquei a empresa que o rapaz citou a Fitnetworks, e me parece que o equipamento que eles desenvolveram para ONU é exatamente o que estávamos debatendo, então solicitei um orçamento da (pacpon/ONU) + OLT, vamos ver o custo benefício.

    Me parece que alguns não entenderam a finalidade do tópico, que é debater e encontrar soluções para que possamos iniciar, ou ao menos ter um norte com relação a implantação da fibra. Não visualizo um mar de almirante para o proprietário de provedor que não começar a caminhar nessa direção.






Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L