+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Você seria um péssimo vendedor, se "começar" nos 60GHz com banda grande, e ótimo alcance, não permite "novidades" nos anos seguintes.

    Mas tem pouco foco em longa distancia, 802.11AC mesmo não tem tanto foco nisso, com tanta portadora a exigência de visada é grande demais, usar essa tecnologia em local sem visada é que polui tudo, porque o zé-oreia não sabe do monte de portadora perdida devido a zona de fresnel comprometida, e tenta remediar o troughput baixo com equipamento de potencia maior, 800mW pra PTP de 1Km. 802.11AD se preocupa menos ainda com longa distancia ou distancia razoavel (20m) com obstaculos, a intenção parece vender um AP por comodo, ou usar essa frequencia pra interligar aparelhos no mesmo comodo (Smartphone e TV, smartphone e geladeira, etc), é uma aposta em hábito futuro de colocar mais inteligencia e conexão nos eletrodomesticos (E na morte lenta dos provedores via radio, em prol dos cabeamentos, tipo FTTH mesmo)
    ------------------------
    O IEEE 802.11ad é feito para funcionar em somente 60 GHz e como o foco do tópico é o uso por provedor a rádio, creio que alcance também seja considerado.
    O problema começa quando a Ubiquiti e outras empresas decidem produzir equipamentos do padrão IEEE 802.11 para uso em MAN, sendo que no próprio IEEE, recomenda e especifica o IEEE 802.11 para uso em LAN e para uso em MAN o IEEE 802.16

  2. UBNT-Chadi - Alguma ideia de valores lá fora e previsão da linha toda estar no mercado?

    Outro ponto: As Antenas/Painéis setoriais são totalmente compatíveis com os novos Rocket AC ou terão de ser substituídas? Poderá ser usado um painel da linha TI com o Rocket AC?



  3. Citação Postado originalmente por vitorfagundes Ver Post
    ------------------------
    O problema começa quando a Ubiquiti e outras empresas decidem produzir equipamentos do padrão IEEE 802.11 para uso em MAN, sendo que no próprio IEEE, recomenda e especifica o IEEE 802.11 para uso em LAN e para uso em MAN o IEEE 802.16
    Aí sim temos uma boa discussão.

    Mas e esse monte de gente reclamando de falta de suporte a 802.16 na maioria dos aparelhos mobile, eles querem o que? Um PTP de 200Mbps com 802.16, e depois vender conexão direta pra mobiles também via 802.16, sem CPE? É o que parece. Não a toa que o grupo do 802.16 se chama "WirelessMan" mas nos descritivos de wimax sempre aparece lan/man, é o que todo padrão no fim das contas tem que fazer, atender ptp e ptmp, longa distancia (>10Km) e em pequena distancia (300m com obstaculos) ter banda grande (>20M), estão cobrando uma versatilidade sem motivos, tem muita opção no mercado (Esse RocketAC é pra ptp de banda razoavel por custo baixo, se precisa mais chains, mais banda e mais alcance, tem radios 10GHz que ficam 10x mais caros, cada produto com seu foco, o RocketAC não tem foco em PtMP porque sabe-se lá se não surgirão usos lan dele com aparelhos lixo tipo celular Multilaser ou notebook Philco, concordo com a estratégia da UBNT de esperar ver como o padrão vai ser usado, 802.11N teve esse delay pra dar tempo de fazer chipsets populares com um pingo de decencia, se lança muito produto de alto nível logo surgem adaptadores chineses sem marca que tem conexão péssima porque foram feitos às pressas, pra aproveitar o hype da moda).

    Só não entendi porque a necessidade de mecher nas antenas rocket dish se no firmware não é permitido canal de 80 ou 160MHz, único motivo pra trocar antena que conheço é largura maior que 40MHz. Ou a intenção é trocar o firmware semana que vem...

  4. Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Aí sim temos uma boa discussão.

    Mas e esse monte de gente reclamando de falta de suporte a 802.16 na maioria dos aparelhos mobile, eles querem o que? Um PTP de 200Mbps com 802.16, e depois vender conexão direta pra mobiles também via 802.16, sem CPE? É o que parece. Não a toa que o grupo do 802.16 se chama "WirelessMan" mas nos descritivos de wimax sempre aparece lan/man, é o que todo padrão no fim das contas tem que fazer, atender ptp e ptmp, longa distancia (>10Km) e em pequena distancia (300m com obstaculos) ter banda grande (>20M), estão cobrando uma versatilidade sem motivos, tem muita opção no mercado (Esse RocketAC é pra ptp de banda razoavel por custo baixo, se precisa mais chains, mais banda e mais alcance, tem radios 10GHz que ficam 10x mais caros, cada produto com seu foco, o RocketAC não tem foco em PtMP porque sabe-se lá se não surgirão usos lan dele com aparelhos lixo tipo celular Multilaser ou notebook Philco, concordo com a estratégia da UBNT de esperar ver como o padrão vai ser usado, 802.11N teve esse delay pra dar tempo de fazer chipsets populares com um pingo de decencia, se lança muito produto de alto nível logo surgem adaptadores chineses sem marca que tem conexão péssima porque foram feitos às pressas, pra aproveitar o hype da moda).

    Só não entendi porque a necessidade de mecher nas antenas rocket dish se no firmware não é permitido canal de 80 ou 160MHz, único motivo pra trocar antena que conheço é largura maior que 40MHz. Ou a intenção é trocar o firmware semana que vem...
    -------------------
    Em outro tópico comentei sobre as 2 atualizações do WiMAX que são: 802.16m; 802.16n a primeira para conexão até 1 Gigabit e a segunda até 10 Gigabit ambas com alcance teórica de 80 km. Em questão a conexão com dispositivos móveis, todo equipamento que possui chip de comunicação da Qualcomm a partir deste ano será compatível com LTE/WiMAX ambos compatíveis com 3G.
    Te faço uma pergunta, você venderia uma tecnologia em um país onde não há provedores interessados? Isso que acontece com o WiMAX. Segundo o WiMAX Fórum atualmente o WiMAX possui em torno de 400 milhões de dispositivos conectados.



  5. Citação Postado originalmente por vitorfagundes Ver Post
    -------------------
    Em outro tópico comentei sobre as 2 atualizações do WiMAX que são: 802.16m; 802.16n a primeira para conexão até 1 Gigabit e a segunda até 10 Gigabit ambas com alcance teórica de 80 km. Em questão a conexão com dispositivos móveis, todo equipamento que possui chip de comunicação da Qualcomm a partir deste ano será compatível com LTE/WiMAX ambos compatíveis com 3G.
    Te faço uma pergunta, você venderia uma tecnologia em um país onde não há provedores interessados? Isso que acontece com o WiMAX. Segundo o WiMAX Fórum atualmente o WiMAX possui em torno de 400 milhões de dispositivos conectados.
    Meu brother Wimax eu entendo um pouco e já visitei uma empresa nos Estados Unidos que utilizao WIMAX 802.16e mas la em 2.5ghz o nome da empresa la é a bridgemaxx do estado de Indiana os caras hj la sao monstros la ta tudo wimax radio alvarion 802.16e em 2.5ghz largura de canal 5mhz ai pega ate em baixo d'agua ne ...
    O problema do Brasil é a nossa abeçoada ANATEL que nao mexe uma palha para disponibilizar faixa de frequencia como por exemplo a 3.5ghz que temos radios wimax alvarion pra isso e tenho a acesso de compra desses radios e equipamentos de cliente em geral . Minha empresa é licenciada Anatel dês de 2011 já fiz de tudo pra poder ver o que da pra fazer juntamente a Anatel para poder trabalhar em 3.5ghz com equipamentos wimax aqui no Brasil, e nada, liga pra Brasilia eles pedem para formalizar o pedido e projeto vc manda o projeto com CREA e tudo mais ta e nao vem resposta nenhuma, a ultima me informaram que parece que a 3.5ghz vai ser leiloada mas nao sai nada e essa é a unica faixa de frequencia que da para poder trabalhar no Brasil por a 2.5ghz ja foi leiloada para teles de celular por bilhoes.

    Ate existe uma nova resolucao especifica para a 3.5ghz e ate nos informa la que podemos pedir homologacao de radio pedido de projeto para trabalhar em 3.5ghz mas quando vc faz o pedido nada acontece .

    Da uma olhada nesse video teste em 3.5ghz com radios wimax 802.16e alvarion ...

    Ai esta a RESOLUCAO ANATEL PARA FAIXA DE RADIOFREQUENCIA 3.5GHZ DE 2010 LEIA O CAPITULO 6 E ART.:18 Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         Resolucao 537 3.5Ghz.pdf
Visualizações:	23
Tamanho: 	113,0 KB
ID:      	52936






Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L