Página 7 de 8 PrimeiroPrimeiro ... 2345678 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Pessoal,

    Dando sequência ao tópico, estou dando entrada na papelada do meu novo provedor, e reafirmo minha intensão de trabalhar com wireless para os clientes finais com POP's para atender clientes em até 2km, sempre respeitando o limite por setorial, apontamento correto, etc, vai dar problema com interferência? sempre vai, porém se fizer tudo certo os problemas podem ser diminuídos (equipamentos de qualidade, cabos de qualidade, acesso fácil à torre, no-breaks, rotinas de manutenção preventiva, etc).

    No caso da fibra ainda é um investimento que demora para ter retorno (equipamentos, projetos, aluguel de postes, manutenção, etc) e imagina o cliente passando a vassoura no cabo de fibra pra limpar atrás do pc (vai cair do mesmo jeito e ele vai dizer que não sabe de nada).

    Cabo de rede é mais acessível porém entrega menos banda e depende muito de energia.

    Quanto a banda, provavelmente 10 megas já não são suficientes ou não serão em alguns anos dependendo da região, porém como alguns colegas disseram no tópico a questão é a qualidade destes 10 megas, e digo mais: somente 10% dos usuários estouram o limite de tráfego que alguns provedores tem, ou seja, aqueles assim como nós que baixam muita coisa, a maioria só navega no facebook, assiste um filme de vez em quando, vê uns vídeos, etc, deixa estes clientes pras grandes teles.

    E por fim, o que faz com que tenha clientes de internet via rádio em centros de cidade onde tem oferta na porta do cliente com até 200 megas de velocidade na fibra, mas ele prefere os 5 mega via rádio, é simples: ATENDIMENTO

    Por isso desde o começo já estou investindo em monitoramento da rede (tentar identificar e corrigir problemas antes que o cliente ligue reclamando), atendimento eficiente por telefone (0800, fixo e móvel) e chat on-line.

    Além disso pretendo desde o inicio ofertar um serviço de assistência técnica remota, para evitar problemas relacionados ao computador do cliente e garantir um adicional na mensalidade.

    Vamos lá, que o Brasil tem muito cliente à ser conquistado e sendo mal atendido pelas grandes teles e provedores via rádio que se acham elite.

  2. Comunicação VoIP Irrestrita – Serviços fornecidos por prestadoras de serviços de telecomunicações através da qual os interlocutores ficam dispensados do uso do computador, recebendo e originando chamadas de/para rede pública de telefonia, por meio de equipamento conectado ao terminal do usuário (ATA - adaptador de telefone analógico).Dependendo da forma utilizada - se através de um telefone IP, um adaptador IP para um telefone convencional ou ainda um computador com programa especial para esse fim, e uma conexão IP de banda larga ou um acesso discado da rede do STFC, para se terminar a chamada dentro ou fora da Internet - será ou não necessária a obtenção de autorização de determinado serviço de telecomunicações perante a Anatel.Nesse sentido, quando a chamada se der tão somente entre usuários na Internet, não será necessária uma autorização de serviço de telecomunicações para exploração da VoIP, por se caracterizar um Serviço de Valor Adicionado, nos termos do art. 61 da LGT:
    “Art. 61. Serviço de valor adicionado é a atividade que acrescenta, a um serviço de telecomunicações que lhe dá suporte e com o qual não se confunde, novas utilidades relacionadas ao acesso, armazenamento, apresentação, movimentação ou recuperação de informações.”
    Dessa forma, a utilização da VoIP através da modalidade computador a computador, apesar de limitar a comunicação dentro da rede IP, sem contato com a rede pública de telefonia, tem a vantagem do prestador não ser obrigado a possuir uma licença de serviço de telecomunicações, o que, para algumas empresas, pode ser visto como um mercado satisfatório para seus investimentos.Por outro lado, caso seja oferecido ao usuário de VoIP a possibilidade de terminar a chamada fora da Internet (e.g. na rede do STFC ou de determinado serviço Móvel), será necessária a obtenção de prévia autorização de serviço de telecomunicações perante a Anatel, que poderá ser de STFC ou de SCM, dependendo do objetivo do negócio pretendido.Importante relembrar que, caso empresa exploradora de VoIP pretenda originar e terminar simultaneamente sua comunicação na rede pública de telefonia, deverá obrigatoriamente possuir uma licença de STFC, por força da vedação contida no artigo 66 do Regulamento do SCM.Atualmente, não há qualquer restrição à utilização da VoIP pelos atuais prestadores do SCM. O que existe são restrições e carências regulatórias impostas a esse serviço (tais como a vedação da função trânsito, a ausência de recursos de numeração e da regulamentação de remuneração de rede), as quais aliadas às pesadas obrigações impostas ao STFC (e.g. Metas de Qualidade), não têm contribuído para o desenvolvimento pleno da VoIP no país, o que torna necessária a intervenção da Anatel, através da edição de regras específicas, para que se tenha uma saída legal adequada.Uma solução cabível seria a eliminação de algumas restrições impostas ao SCM, aliada à edição de regulamentação a qual o serviço é carecedor. Outra solução, para o pleno desenvolvimento da VoIP no país, se daria através da flexibilização de metas impostas ao STFC, bem como das restrições de velocidade impostas ao serviço.



  3. Citação Postado originalmente por kaarl Ver Post
    Perfeito, eu já iria fazer esta distinção da licenças para ajudar ao melhor entendimento do interessados.
    CORRETO

    Nos termos do art. 13 do Regulamento, a expedição de autorização do SeAC está condicionada à não detenção de outorgas para os serviços de TVC, MMDS, DTH e TVA pela Interessada ou por suas controladas, controladoras ou coligadas.

  4. Eu tenho uma conexão via radio de 10mbps . E não dou os parabéns pro servidor tem horas que e um lixo . Eu queria mesmo e uma conexão mais estável que atenda a meus requisitos nao importa como eu sou atendido o importante e ter uma conexão estável não importa se e de grande empresas ou não. Mas como morro em vila tenho q me contentar com o q tenho acredito q provedores a rádio tem como entregar conexão estavel e so investir . Se vc está satisfeito com um produto vc continua com ele ou so continua com ele purque não tem outra opção. Então as empresas deveriam investir em qualidade não em demanda .



  5. Ontem instalei uma conexão de 5M de Dow e 768k de up em uma granja bem perto do estadio ARENA PERNAMBUCO, onde estão as ditas torres de 4G prometidas para a copa e nunca sairam do papel, este cliente já estava querendo vender a granja dele, porque os filhos queriam voltar para o centro engarrafado de recife onde tinham GVT de 50mbps, depois de eu ter instalado ele ficou tão agradecido que me convidou a passar um final de semana lá com ele.
    E agora que a copa passou aqui muitas obras estão paralisadas, inacabadas, 4G nem em sonho, etc... então eu enxergo que alguns colegas falaram acima, sempre vai haver espaço para os pequenos, para os que prestam o serviço decente. Nesse lugar sei que nunca vai chegar uma fibra e muito menos 4G e olhe que fica a 1km do novo estadio.
    O come-come de dinheiro em nosso país, os desvios de verbas, e a maracutaia é tão grande que as coisas não andam como deveriam, semana passada soube de uma noticia que a DILMA "emprestou" ao GOVERNO DE CUBA R$ 160 Milhões de Reais, através do BNDES para construir aeroportos lá, eu pergunto a vocês, esse dinheiro retorna? Tenho lá minhas dúvidas, hoje construí minha nova torre a 40 dias, (vejam as fotos no meu álbum) com recursos 90% próprios porque os bancos tem medo de emprestar aos pequenos, um gerente da caixa disse na minha cara que meu ramo é de alto grau de inadimplência e não poderia emprestar, etc... passaria a noite aqui falando a vocês coisas que os senhores já sabem. De uma coisa eu tenho certeza, onde estou estabelecido estou fazendo a diferença! e você?
    O PROVEDOR DO FUTURO não é MULTCOMBO, é um serviço bom de qualidade, seja na fibra, no cabo ou via rádio.






Tópicos Similares

  1. Futuro dos pequenos provedores via rádio no Brasil?
    Por GilsonBarbosa no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 35
    Último Post: 10-06-2017, 08:40
  2. IPTV será o futuro para os provedores via rádio?
    Por GilsonBarbosa no fórum Redes
    Respostas: 14
    Último Post: 21-05-2012, 13:07
  3. Respostas: 30
    Último Post: 06-07-2005, 07:05
  4. Montando um provedor via radio
    Por ddduken no fórum Redes
    Respostas: 10
    Último Post: 16-05-2005, 12:00
  5. Provedor via rádio
    Por pensador-ce no fórum Redes
    Respostas: 9
    Último Post: 07-11-2002, 00:34

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L