Página 2 de 2 PrimeiroPrimeiro 12
+ Responder ao Tópico



  1. Galera olha o que eu fiz coloquei MCS3 60mbps, abaixei a potência, coloquei para operar na faixa de canal 40MHz, e mudei a frequência do canal para uma mais alta, resultado abaixo:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         Screenshot_1.png
Visualizações:	77
Tamanho: 	18,0 KB
ID:      	55543
    Eai vocês acham que assim está melhor que antes? O ruído agora esta mínimo variando entre -85 e -90 (-90 é o mínimo) a transmissão CCQ continua estável em 100%, mais o sinal foi para uma média de -63.

  2. Canal de 40MHz tem uns 10dB a menos de sensibilidade, se baixar o canal pra 20MHz o ruído deve subir pra -95 a -99 provavelmente, mas não precisa se preocupar, você só "provou" que o ruído exibido é na verdade o limiar inferior da sensibilidade.

    Não que tenha ruído em -85, é que a sensibilidade do radio em MCS3 com canal de 40MHz é -85, e tudo o que chega com intensidade de -85 é tão ilegível pro radio que ele não consegue identificar e trata como ruído, como lixo.

    O que importa é ter estabilidade, se você precisa mais banda no futuro já sabe que é só subir o MCS que terá.
    (Eu gosto de acompanhar dando um ping -l 64 e ping -l 1450 rumo a algo no outro lado da rede, porque as vezes você até tem CCQ tipo 99% com MCS7, mas o ping -t 192.168.1.1 -l 1450 fica variando entre 40 e 100ms, prefiro então baixar pra MCS3 ou 4 e ter ping -l 1450 fixo em 4mS.
    Não basta ter throughput alto, tem que ter tempo de resposta pequeno, e o tempo de resposta tem que se o mesmo com pouco (-l 64) ou muito (-l 1450) trafego.

    ( -l de large, grande, se referindo ao tamanho do ping, o default é 64B, você pode testar até o limite do MTU, provavelmente 1480 a 1500 nesse WOM5000)



  3. Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Canal de 40MHz tem uns 10dB a menos de sensibilidade, se baixar o canal pra 20MHz o ruído deve subir pra -95 a -99 provavelmente, mas não precisa se preocupar, você só "provou" que o ruído exibido é na verdade o limiar inferior da sensibilidade.

    Não que tenha ruído em -85, é que a sensibilidade do radio em MCS3 com canal de 40MHz é -85, e tudo o que chega com intensidade de -85 é tão ilegível pro radio que ele não consegue identificar e trata como ruído, como lixo.

    O que importa é ter estabilidade, se você precisa mais banda no futuro já sabe que é só subir o MCS que terá.
    (Eu gosto de acompanhar dando um ping -l 64 e ping -l 1450 rumo a algo no outro lado da rede, porque as vezes você até tem CCQ tipo 99% com MCS7, mas o ping -t 192.168.1.1 -l 1450 fica variando entre 40 e 100ms, prefiro então baixar pra MCS3 ou 4 e ter ping -l 1450 fixo em 4mS.
    Não basta ter throughput alto, tem que ter tempo de resposta pequeno, e o tempo de resposta tem que se o mesmo com pouco (-l 64) ou muito (-l 1450) trafego.

    ( -l de large, grande, se referindo ao tamanho do ping, o default é 64B, você pode testar até o limite do MTU, provavelmente 1480 a 1500 nesse WOM5000)
    Rubem aproveitando o tópico gostaria de tirar uma dúvida vc acha vantagem fixar o MCS do Ap em MCS3 por exemplo? do que deixar em defalt?

  4. O problema de deixar automatico (Marcar todos os MCS em MK, ou deixar no default/auto em outros firmwares) é que o equipamento tente a subir pro maior datarate que conseguir.

    Ou melhor, subir pro maior datarate não é o problema, o problema é que datarate alto tem menor sensibilidade e potencia, e exige maior SNR (Porque tem mais bits por chip e mais portadoras), então SE o sinal não é suficiente, ou tem intrusão na zona de fresnel (Que não afeta nível de sinal necessariamente) você tem algumas perdas de pacote ou lerdezas na resposta. Resposta de 100mS é inadmissível, mas as vezes tem.

    Então... se você vende conexão tipo 1Mbps, o "perigo" de usar auto é cair em datarate tipo 65M, cujo efeito colateral é a possibilidade de ter respostas lerdas ou mais perdas de pacotes.
    A maioria dos firmwares espera ter 3 perdas de pacotes consecutivas pra "baixar" 1 datarate (De 65M pra 58M, por exemplo). Se tiver só 1 perda de pacote, ou se tiver resposta variando de 50 a 200mS o datarate não desce.

    Então SE não tem sinal suficiente pra todos os datarates, o negocio é fixar algum datarate mais baixo pra que não tenha variação na qualidade da troca de dados.
    (A variação de sinal sempre existe, variação no que é caracterizado como ruído também, então o snr acaba variando, se ficar no limiar do SNR mínimo necessario pra cada datarate em caso de variação (Que existe) demora alguns pacotes ou SEGUNDOS as vezes pra "baixar" automaticamente o datarate, nesses segundos a qualidade da conexão cai, e... se não precisa 65M, mas sim só 1M de trafego, pra que ter essa variação com perdas de pacotes e momentos de respostas lerdas na rede? Eu prefiro datarate baixo mas ter estabilidade total)

    SE tem sinal suficiente pra todo datarate, não vai notar diferença entre modo auto e MCS fixo.

    Problema é que em ambiente urbano não é facil colocar duzias de clientes em construções diferentes, com distancias diferentes, todos com sinal suficiente. Pra atender mais gente você pode "baixar" os requisitos mínimos de sinal. O mínimo pra MCS7 em 20MHz é digamos -50 (-75 de sensibilidade nesse mcs, mais 25dB de snr), se não dá pra ter todos os clientes com sinal -50, que tal colocar os clientes com no mínimo -65? Vejamos, -65 tirando 20dB de snr mínimo pra MCS4 dá -85, e por acaso em MCS4 a sensibilidade de varios radios em 20MHz é justo -84 a -88, tá mais ou menos dentro do sinal mínimo necessario. Você poderia marcar MCS2 a MCS4 em MK. Problema de outros firmwares é que ou é 1 (UM) MCS ou são TODOS (0 a 7), por isso não só "prefiro" MK como AP, mas não uso outro sistema como AP nem que a vaca torça o rabo. Pra mim essa possibilidade de escolher 2 ou 3 datarates (E não todos) é absolutamente fundamental.



  5. Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Canal de 40MHz tem uns 10dB a menos de sensibilidade, se baixar o canal pra 20MHz o ruído deve subir pra -95 a -99 provavelmente, mas não precisa se preocupar, você só "provou" que o ruído exibido é na verdade o limiar inferior da sensibilidade.

    Não que tenha ruído em -85, é que a sensibilidade do radio em MCS3 com canal de 40MHz é -85, e tudo o que chega com intensidade de -85 é tão ilegível pro radio que ele não consegue identificar e trata como ruído, como lixo.

    O que importa é ter estabilidade, se você precisa mais banda no futuro já sabe que é só subir o MCS que terá.
    (Eu gosto de acompanhar dando um ping -l 64 e ping -l 1450 rumo a algo no outro lado da rede, porque as vezes você até tem CCQ tipo 99% com MCS7, mas o ping -t 192.168.1.1 -l 1450 fica variando entre 40 e 100ms, prefiro então baixar pra MCS3 ou 4 e ter ping -l 1450 fixo em 4mS.
    Não basta ter throughput alto, tem que ter tempo de resposta pequeno, e o tempo de resposta tem que se o mesmo com pouco (-l 64) ou muito (-l 1450) trafego.

    ( -l de large, grande, se referindo ao tamanho do ping, o default é 64B, você pode testar até o limite do MTU, provavelmente 1480 a 1500 nesse WOM5000)
    Exatamente como você comentou, em velocidade MCS3 dei um ping -l 1450 no outro radio ele foi uma média de 4ms de resposta isso com o rádio passando trafego além desse teste de ping:
    http://prntscr.com/5018j9
    Valew galera agora ficou show o sistema aqui, ter alguém para ajudar sempre é legal .






Tópicos Similares

  1. Interferência / Ruído
    Por Carlos_Radlink no fórum Redes
    Respostas: 3
    Último Post: 27-08-2004, 09:18
  2. Ruido (?!) ou outra coisa (?)
    Por nataniel no fórum Redes
    Respostas: 15
    Último Post: 26-08-2004, 20:14
  3. AP2000 - ruidos nos 2 cartoes !
    Por horst no fórum Redes
    Respostas: 4
    Último Post: 29-07-2004, 10:26
  4. SOCORRO ! ruidos, etc...
    Por horst no fórum Redes
    Respostas: 2
    Último Post: 22-07-2004, 19:49
  5. Som com Ruído
    Por Cassus no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 3
    Último Post: 30-09-2003, 14:01

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L