Página 6 de 9 PrimeiroPrimeiro ... 23456789 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. @mauricio se ele faz burst está fazendo muito mal configurado.

  2. Ser provedor na verdade ninguem falou que era facil, concordo que os clientes ruins devem ser eliminados, e uma coisa tem que ficar clara na hora da venda para não ter aborrecimentos futuros sobre diferenças de planos residenciais e dedicados. No caso do modelo de franquia realmente é lucrativo, coisa que as grandes adotam sem dó nem piedade, mas ao meu ver um burst bem feito como é o caso de muitos aqui resolveria o problema e renderia algumas assinaturas pelo fato de não ter limites.



  3. Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post
    @mauricio se ele faz burst está fazendo muito mal configurado.
    De acordo.

  4. Na verdade, tanto o Burst, quanto a franquia vai irritar os heavy users, por que a partir do momento que o alucinado ver o torrent dele indo ao topo, caindo, voltando, etc, com certeza vai acionar o suporte alegando instabilidade, assim como quando a franquia esgotar, vai acionar também o suporte dizendo que isso não está certo e que nunca foi informado sobre este detalhe.

    Pelos meus estudos, com 10M de banda pretendo fornecer pelo menos 160G de franquia, visto que muitos usam NetFlix, Youtube, jogos online (Play, XBox, etc), e por ai vai.

    Olha que ainda não acho muito 160G, tenho um usuário que tem um plano de 5M em um Nano, e em pouco mais de 2 dias ele conseguiu baixar 94G de conteúdo, sendo que o máximo em 48 horas seria 108G. Ai não dá pra querer, o gráfico dele é mais reto que meu dedicado rsrs.



  5. Pode ser @marcioelias , estamos vivendo em tempos turbulentos com relação ao serviço.
    O que acho engraçado é que se paga uma nota preta por ligações telefônicas que usam praticamente a mesma estrutura de uma internet móvel. E daí as operadoras fazem tudo que é plano mirabolante que o consumidor acaba nem entendendo como funcionam os planos e ninguém reclama.
    Mas quando chega na questão internet daí se enchem de razão.
    Querem ficar com o ponteiro colado lá em cima. Mas não querem assumir o custo de uma conexão dedicada.
    Por sua vez, a Anatel que trouxe para si a questão da qualidade da internet também começa a "viajar" com estas metas que a meu ver são inatingíveis em ambientes compartilhados. Não estou criticando o usuário que quer ter toda a velocidade, mas sim que ele não é informado de como atingir isso. As publicidades das operadoras são muito confusas e a maioria dos usuários nem sabe o que é uma franquia.
    Vi uma pessoa reclamar da internet móvel da Vivo. Disse ela que normalmente no início do mês é boa e depois fica uma M.... Perguntei sobre a franquia e a pessoa me perguntou o que era isso... Daí voce já viu né. Não sabia que ao atingir os ridículos 200MB de tráfego a velocidade caia para 128kbps.
    Quando expliquei isso, ela me disse, "mas como, minha internet é de 200mega." A pessoa achava que tinha 200mega de velocidade... pobre coitado...
    A verdade é que a publicidade maciça das operadoras ofusca qual explicação mais técnica que um provedor queira dar aos seus clientes. Você explica para ele ao contratar, mas a publicidade na TV engana a mente do consumidor. E a tragédia não demora.

    Tá muito bagunçado em todos os níveis, clientes, operadoras, Anatel, Procom etc etc.
    E como sempre baseado no Código de Defesa do Consumidor, o ônus da prova cabe ao fornecedor do serviço. Daí vai lá e explica, explica e nem o Procom aceita, pois é muito mais fácil 'politicamente' contentar o consumidor e não em praticar uma justiça.

    O único caminho que resta aos provedores é ter bons links, estáveis com capacidade acima do que se espera. Felizmente os preços de link tem caído na maioria das regiões. E os provedores que se estruturam melhor e se puderem chegar a um PTT daí pode mudar o rumo das coisas.
    E mesmo que tenha link sobrando, como o ambiente é compartilhado nem sempre o usuário vai estar 100% no limite do plano. Será que um dia o pessoal vai entender isso?
    Aqueles usuários que ficam baixando só conteúdos imensos, eu nem sei como eles conseguem assistir a tudo. Como citado antes um cara que baixa dezenas de Giga por dia não assiste tudo. E ainda se repete dia após dia.
    O que ele faz com este conteúdo? Pirataria de vídeo? Ou está compartilhando a conexão? Muito estranho isso. é melhor que ele se vá.

    Para o usuário normal o burst pode ser de ajuda. Mas não dá para fazer um ponto de corte do burst lá em baixo. Precisa ser realístico, pois ao fazer o download como no caso do autor do tópico fica evidente o fracasso...






Tópicos Similares

  1. Criação de pequeno provedor - me ajudem !!
    Por arthurdean no fórum Mikrotik
    Respostas: 1
    Último Post: 26-08-2016, 06:30
  2. Respostas: 33
    Último Post: 07-04-2009, 21:42
  3. Respostas: 8
    Último Post: 12-10-2006, 22:50
  4. Respostas: 8
    Último Post: 05-10-2006, 21:27
  5. pelo amor de Deus me ajudem ( provedor parado )
    Por adelsonbbg no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 7
    Último Post: 04-07-2006, 11:39

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L