+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Seria bom então um projeto que cite os benefícios sociais da rede, para justificar a intrusão no passeio público, e a não-cobrança de aluguel.
    Pensei nisso. A cidade aqui está nos planos do Cidade Digital, pensei em ceder a infraestrutura para a prefeitura nesse projeto em troca da autorização ou isenção de taxas, mas é difícil esse negócio dar certo aqui.

    Citação Postado originalmente por delegato Ver Post
    É uma alternativa a se pensar em bairros ainda desprovidos de pavimentação, já que nesse caso não gastaria com reparos da rua que foi cavada etc.
    Em rua de bloquete não tem esse problema. O reparo da rua é recolocar a terra, comprimir, jogar areia e colocar os bloquetes de volta.

    Citação Postado originalmente por delegato Ver Post
    A parte complicada é sair com esse cabo do subterrâneo até a casa do cliente pois teria 2 opções: Ou levar aéreo, nesse caso é bem simples porém teria que usar os postes da mesma forma, nesse caso era só deixar os spliters próximos ao poste e subir o cabo.
    A segunda opção levar o cabo pelo chão até a casa do cliente como cano de água é complicado qualquer cliente querer quebrar seu quintal, por tanto as residências brasileiras ainda não estão preparadas para receber uma fibra via subterrâneo.
    Esse é um dos principais problemas nessa ideia de cabeamento subterrâneo. Acho que não é viável mesmo. Mesmo que levasse o cabo pelo chão até o imóvel, ainda seria muito demorado e trabalhoso, o que tornaria as instalações lentas, fazendo outros clientes esperarem mais.

    Citação Postado originalmente por delegato Ver Post
    Estava pensando ontém se não sairia mais barato nos comprarmos os postes, estive pensando em um poste mais barato, mais simples já que não receberá tanto peso, e com altura reduzida, coisa tipo 6mt 5,5mt depois de fixado, poderíamos até nos reunirmos e pedir para alguém fabricar esses benditos postes para nós pequenos provedores uma coisa padronizada já que a tendência do futuro é a fibra, no caso poderíamos por os postes nas ruas nas sessões entre um poste e outro da companhia de energia , ou nas ruas onde a companhia tem postes somente de um lado, poderemos implantar os postes do outro lado. Nesse caso acredito eu que só precisaríamos de uma projeto com art, que a prefeitura liberaria o alvará.

    Vou chamar a solução de postes econômicos para provedores, apenas para cabeamento óptico, utp, coaxial ou telefônico, não teria nada rede elétrica alta e baixa tensão. Lembrando que seria um poste bem mais barato que os convencionais, visto que seriam mais baixos e também com estrutura mais simples, para menos peso já que não serão feitos para suportar grandes transformadores elétricos e dezenas de fios elétricos de cobre. Penso em algo como poste de cerca porém um pouco mais reforçado só que uma altura bem maior na casa dos 6mt depois de fixado.
    Li algum dia que um poste dos comumente usados custa uns R$6 mil, ou seria R$3 mil... Mesmo se esse poste econômico aí saísse por R$1 mil, seria muito caro implantar. Levaria 26 anos para pagar o poste, em comparação a alugar (considerando o preço de R$3,19/mês).

  2. Mas tem calçadas largas o suficiente pra ter "2 redes de postes"?

    A lei organica geralmente estabelece espaços mínimos nas calçadas, tipo entre lixeiros e poste, entre poste e muro, entre lixeiro e muro, TEM QUE sobrar espaço, aqui esse espaço regulamentado é de 80cm. Os postes ficam proximos ao meio-fio, de modo que ocupe a mínima area da calçada e seja "atingido" o mínimo possível por arvores nas calçadas e casas (Pé de manga, abacate, seriguela, chegam facil a 20m de largura!). A cia eletrica sofre com leis organicas que estabelecem calçadas MÍNIMAS tipo 1m ou 1,2m (Aí obvio que todo loteador fará o mínimo, o município devia falar em mínimo PAVIMENTADO de 100 ou 120cm, e mais um minimo não-pavimentado (Pra agua penetrar e desafogar os sistemas de aguas pluviais) de uns 80 a 100cm.

    A diferença de preço entre os tamanhos de postes não é tanta, reduzir 1m não reduz tanto o preço, quem fabrica um só vai e coloca um divisor na mesma forma e faz o poste 1m menor, a forma e mão-de-obra envolvida é a mesma, só reduz um pouco a matéria prima.

    O grande problema é sempre "unir" pessoas assim, na prática isso é impossível, se todos tivessem rede mesh em casa, com roteadores MIMO em cima de casa, poderiamos ter rede de uns 50-70Mbps por toda a cidade, ligadas num backbone no centro, mas na prática isso nunca vai existir, você teria que fazer uma rede de postes a parte, encostada nos muros e mais baixa que a rede eletrica (Tem redes de 2 a 13KV em area urbana, é aquele rede no alto, que vai até os transformadores, distancia mínima delas é de 2m, sendo que em 1m tem EMI que derruba qualquer rede ethernet e em telefone cria roncos absurdos), ou sempre no lado oposto da rede eletrica existente (Exceto onde talvez tenha rede eletrica nas 2 calçadas), enfim, complicado detalhar isso o suficiente pra que a prefeitura dê licença.

    Cada poste por R$ 600 (Preço aqui, 3000Km de SP, 1000Km de BSB, poste de concreto (Não conico) de 5m), fora mão-de-obra pra instalação, custos de esticadores e cia (Esticador pra manter cabo é uma coisa, pra manter postes é outra), precisaria uns 6 provedores pro custo dessa rede a parte compensar frente a um custo de uns R$ 4 por poste já existente (Cuja manutenção não é contigo).

    (Veja o valor do aluguel em quantidade, quando consultei a cia eletrica daqui (REDE) inicialmente me falaram em quase R$ 7, quando falei em 1000 postes o papo já mudou pra algo tipo R$ 3,50 por poste.
    É caro (R$ 3500.mes), mas tem que ver pelo potencial: Com fibra de R$ 1.metro dá pra vender planos de 100Mbps tranquilo, uma coisa é você não ter como criar rede que se sustente (Com R$ 3500.mes de despesa), mas o potencial do aluguel dos postes é gigante! As TV's a cabo foram morrendo substituída por TV paga via satelite porque o aluguel dos postes mata, uma empresa bem maior (Sky, Net, Claro, Oi, etc) aluga satelite por alguns milhões de reais, mas se alugasse milhões de postes no brasil teria custo ainda maior, sai mais em conta ela comprar empresas menores, matar a rede nos postes, e colocar receptores de satelite. Wifi é bidirecional então complica o uso de RF em longa distancia (Satelite, torre no centro), acho que o meio-termo é micro-setorização, coloca postes conicos de 15m em areas particulares a cada 5 quarteirões, um PTP entre eles ou do centro até eles (Rede estrela, não anel), e atende com banda maior (As vezes com zona de fresnel deficiente) por custo menor, painel solar pra poste desse tem custo, mas... 1 poste de 7m paga um painel.



  3. Aqui na região um poste simples de 9 metros custa na faixa de uns 800,00, se tivesse de 7mt deveria custar uns 600,00, porém são postes resistentes que suportam até transformadores, o que é muito peso em se comparando com caixas herméticas entre outros.

  4. Citação Postado originalmente por delegato Ver Post
    Aqui na região um poste simples de 9 metros custa na faixa de uns 800,00, se tivesse de 7mt deveria custar uns 600,00, porém são postes resistentes que suportam até transformadores, o que é muito peso em se comparando com caixas herméticas entre outros.
    Aqueles postes usados no padrão de entrada de energia não servem para essa sua ideia?
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         10931147_10200161524116707_5321724809725131859_n.jpg
Visualizações:	97
Tamanho: 	77,4 KB
ID:      	56834



  5. Citação Postado originalmente por Arthur Bernardes Ver Post
    O que me desanima de trabalhar com rede cabeada (até mesmo FFTx) é essa grande falta de organização. Eu moro ao lado de São José do Rio Preto - SP e sempre estou lá, olhando para os cabeamentos da Vivo, Algar, Claro e Net fico vendo que coisa horrível.

    FTTx tem lá suas vantagens, mas eu pego como desvantagem a falta de organização.
    Ainda sim é melhor que DSL. Aqui só tem a Oi usando os postes e é uma coisa horrível de se ver. Agora começaram a colocar umas fibras - deve ser link dedicado - que estão servindo até de cordoalha para multicabo (que em alguns lugares podem ser alcançados subindo em um banquinho). Os cabos FE chegam a parecer teias de aranha perto no poste, ou uma rede de dormir entre eles.

    Estou louco para dar certo o provedor que estou planejando e a Oi ser obrigada a reorganizar tudo, conforme as novas regras aprovadas pela Aneel e Anatel, hahahaha.






Tópicos Similares

  1. cabeamento proxy firewall
    Por andymacdonald no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 15-08-2006, 08:25
  2. Cabeamento Alternativo
    Por MarcosJetz no fórum Redes
    Respostas: 10
    Último Post: 15-04-2006, 13:49
  3. cabeamento estruturado
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 26-07-2005, 13:16
  4. cabeamento estruturado
    Por jhonatanw no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 12
    Último Post: 13-07-2005, 21:14
  5. Cabeamento Estruturado
    Por androctonus no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 02-05-2003, 11:29

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L