+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Engenharia de Redes de Comunicação - UnB

    Olá pessoal.

    Alguém sabe se há alguma diferença para o CREA ou Anatel entre esse curso (Engenharia de Redes de Comunicação), ofertado pela Universidade de Brasília, e Engenharia de Telecomunicações (disponível em outras universidades)?

    A grade curricular é bem semelhante às de Telecom. que vi, só muda o nome.
    Um CREA que aceita Engenheiro de Telecomunicações como responsável técnico iria aceitar um Engenheiro de Redes de Comunicação? (esse é o grau que recebe quem forma nesse curso, nem é Engenheiro de Telecomunicações: https://condoc.unb.br/matriculaweb/g...s.aspx?cod=892).

    O que dizem?

  2. #2

    Padrão Re: Engenharia de Redes de Comunicação - UnB

    Presencial ou EAD?



  3. #3

    Padrão Re: Engenharia de Redes de Comunicação - UnB

    Citação Postado originalmente por vpnvyrtual Ver Post
    Presencial ou EAD?
    Presencial, duração de 5 anos.

    O nome do curso tem importância para o CREA? Essa graduação aí é idêntica (na grade curricular) à de Engenharia de Telecomunicações das outras universidades, só muda o nome.

  4. #4

    Padrão Re: Engenharia de Redes de Comunicação - UnB

    Creio amigo que não tem nada haver, muda realmente só o nome: Eng. de Telecom, Eng. de Comunicação e Eng. de Teleinformatica, no final das contas o objetivo e o mesmo.



  5. #5

    Padrão Re: Engenharia de Redes de Comunicação - UnB

    Tem que verificar no CREA. Funciona assim, o sistema do CREA tem um cadastro com todas as Faculdades que tem curso de Engenharia e ao realizar o cadastro do curso no sistema do CREA a faculdade informa qual a grade curricular do curso e com base nisso o CREA informa quais serão as atribuições que o aluno formado naquele curso poderá ter, ou seja, que tipo de projeto e serviço poderá assinar.

    Portanto, para ter certeza mesmo somente consultando o CREA.

  6. #6

    Padrão

    Corretíssimo. Antes de optar onde estudar, qual curso fazer, verificar quais as atribuições que lhe serão permitidas, ou seja quais projetos, RT's, poderá assinar. Verificar sempre no CREA do seu estado.

    Citação Postado originalmente por SantiagoMG Ver Post
    Tem que verificar no CREA. Funciona assim, o sistema do CREA tem um cadastro com todas as Faculdades que tem curso de Engenharia e ao realizar o cadastro do curso no sistema do CREA a faculdade informa qual a grade curricular do curso e com base nisso o CREA informa quais serão as atribuições que o aluno formado naquele curso poderá ter, ou seja, que tipo de projeto e serviço poderá assinar.

    Portanto, para ter certeza mesmo somente consultando o CREA.



  7. #7

    Padrão Re: Engenharia de Redes de Comunicação - UnB

    Lembrando que o Crea é ESTADUAL.
    Cada estado tem regras diferentes.

    Sempre me incomodou meu curso tecnologico de redes não ser aceito (E Eng. Eletrico que nem sabe diferenciar rj45 de rj11 é aceito e podem ser responsáveis técnicos em provedor, ou seja, o eng. mais DESpreparado pra função é aceito pelo Crea do meu estado pra função, enquanto quem tem trocentas horas de conteúdo sobre o assunto não é), mas no meu estado vizinho, MS, o tecnólogo em redes tem Crea.

    Nalguns estados Técnico em redes não é aceito no Crea. Mas engenharia... aí acho que todos os 26 aceitarão, o Crea não tem a mínima capacidade de aferir as qualificações de quem trabalha com redes, mas também não consegue isso com quimica e cia mas regulamenta os profissionais dessas areas, é só filiação burocrática, o Crea não atua em absolutamente nada no trabalho dos filiados (Não fiscaliza redes de telecom ou processos quimicos), só é ativo na area de construção pelo visto.

  8. #8

    Padrão

    Mas se vc for Técnico em Telecom pode ser responsável técnico de um provedor. Não poderá assinar RT's de estações e coisas assim. ACho que os CREA's todos já aceitam isto, MAS é bom verificar ANTES de se inscrever em algum curso.


    Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Lembrando que o Crea é ESTADUAL.
    Cada estado tem regras diferentes.

    Sempre me incomodou meu curso tecnologico de redes não ser aceito (E Eng. Eletrico que nem sabe diferenciar rj45 de rj11 é aceito e podem ser responsáveis técnicos em provedor, ou seja, o eng. mais DESpreparado pra função é aceito pelo Crea do meu estado pra função, enquanto quem tem trocentas horas de conteúdo sobre o assunto não é), mas no meu estado vizinho, MS, o tecnólogo em redes tem Crea.

    Nalguns estados Técnico em redes não é aceito no Crea. Mas engenharia... aí acho que todos os 26 aceitarão, o Crea não tem a mínima capacidade de aferir as qualificações de quem trabalha com redes, mas também não consegue isso com quimica e cia mas regulamenta os profissionais dessas areas, é só filiação burocrática, o Crea não atua em absolutamente nada no trabalho dos filiados (Não fiscaliza redes de telecom ou processos quimicos), só é ativo na area de construção pelo visto.



  9. #9

    Padrão Re: Engenharia de Redes de Comunicação - UnB

    Sim sim, falo do TECNÓLOGO nem poder se filiar em varios estados.

    Pra algumas atividades só a filiação já resolve. Nem reclamo de não poder ser RT de provedor, mas sim de nem poder me filiar, e do RT de provedor poder ser quem não tem formação nenhuma específica na area de redes, tipo engenheiros eletricos.