Página 2 de 3 PrimeiroPrimeiro 123 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por Nilton Nakao Ver Post
    Acho que por conta de ter baixo índice de acidentes é que eles não exigem, mas lemos frequentemente torres de transmissão de energia cairem, o que a grosso modo pode significar que dos dos quatro pilares deve ter baixa sustentabilidade no solo. Uma torre de 40 metros auto-portante em sua ponta ele vibra mais que uma torre estaiada.
    Uma pessoa que subiu para manutençao numa autoportante da OI, que tem mais de 40metros nem sei ao certo, disse que lá em cima ela balança, o que é previsto no projeto. O sujeito não pode olhar para o céu, senão tonteia na hora.

    Agora uma dúvida relacionada com um modelo de autoportante que vi, onde ela tem 1,10m de lado de alto a baixo.... A meu ver, como leigo, imagino que deve oscilar muito menos, por outro lado o esforço na base deve ser muito maior. Mas me pareceu uma solução engenhosa.
    O @TreiscBr que calcula estruturas pode confirmar se realmente uma estrutura toda ela com a mesma largura oscila menos.

    A Trump's Tower em Chicago, tem mais de 400 metros e é toda de concreto. Foi calculado uma oscilação de 10cm com ventos de tornados.

  2. 1929.

    Veja, oscilação é uma coisa, e vibração é outra.

    Assim, como já dito pela lei de Hooke, como o metal ele tem elasticidade, vai balançar, mas se estiver com vento parado não, porém se o sujeito sobe e mexe muito pode ser que surja balanço devido ao desbalanceamento da pessoa!!

    Balanceamento é um outro aspecto, que todos os módulos de torres deveriam ser balanceados, como fazem com pneus, mas de forma estática, que é voce prender os extremos centrados, e girar a estrutura e, ver se ela pende para um dos lados, ai se adiciona uma carga, para que a estrutura venha a rodar lento, mas isto em torre não é necessário prever balanceamento, por que ela não vai rodar, então esta propositura não é válida, porém é interessante para se ter ela balanceada, por que já vi módulos todos tortuosos, e em estaiadas, se olha de baixo para cima, vê que ela é torta/sinuosa - quem a construiu não se ateve a alinhar na hora de montar, foi fazendo os módulos com algum gabarito, mas um gabarito meia boca, talvez, ou não usou nada vai montando e soldando.

    Já deste que cita torre com lado de 1,10 mts direto até em cima, é estaiada, a autoportante é cônica, algo ai tá fora de sintonia!!



  3. Tenho comprado torres de fornecedores diferentes e realmente percebo que as bases são fracas com relação a altura.
    Na ocasião questionei o fabricante e ele disse que foi calculado por engenheiro.

    Temos 3 Auto Portantes, 1 de 24M, 1 de 30 Metros ambas de 4 lados e uma de 36m triangular.
    Vamos montar mais, e estas vou querer uma base mais reforçada, com certeza.

    Parabéns ao auto do tópico.

  4. Sr. Luspmais. Para comprovar a veracidade de quem fala alguma coisa, o senhor quem adquiriu de fabricante um produto, pode entrar em contato com ele e exigir a ART da memória de cálculo feita pelo engenheiro, que ele diz que tem, com certeza se ele está blefando é um problema dele, ai vai ter que correr atrás de um engenheiro e consertar o dito pela não dita, até é bom a gente ler sobre estes fatos, quem comete algum tipo de deslize a qualquer tempo tem que enviar os documentos que não foi enviado para o cliente, o direito do consumidor é estabelecido de acordo com aquele livreto dos direitos do consumidor, é fato que ele pode alegar que o tal engenheiro escafedeu, mas isto não é problema do comprador, e sim do fabricante ai ele terá que se virar nos trinques e enviar os documento este da ART da época da sua compra, já que falou que cumpra. Sempre é assim, eles tem a quem jogar a culpa, menos eles, assim que ele lhe apresente a ART do estudo, projeto da torre, quem deve ter no arquivo morto da empresa, ou lhe passar o número da ART, e tu entra no portal do CREA, e com o número obtém a ART original, que foi lavrada pelo engenheiro que ele quem deve conhecer, com certeza.



  5. Uma das torres desta cidade, têm mais de 60 antenas(telefonia rural e internet), mas tem uma outras duas que dv ter quase isso só em link de microondas e UHF, pois na região na~chega a fibra optica. Bom microondas esse que hj é relativamente simples e muitos dos nossos dispositivos móveis operam nessa faixa de frequencia, e era necessário dois compressores para seu perfeito funcionamento, não é topico deste.
    Parece que alguns ja acendeu aquela luzinha de alerta, e precisamos porque alguns estão em áreas urbanas ou de pastagens muitas vezes cedidas pelo proprietário rural. Mas esta se vier a cair o prejuízo é enorme não só em termos financeiros. Construindo uma outra torre, dificilmente terá o mesmo desempenho de enlace, digo isso por experiência própria.






Tópicos Similares

  1. Ponto de acesso em torre de rádio AM
    Por marcelomg no fórum Redes
    Respostas: 9
    Último Post: 08-04-2006, 00:08
  2. Cópia de Servidor Segura!
    Por deb04 no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 5
    Último Post: 08-11-2005, 10:15
  3. Torre de 25 Metros
    Por fabio-ensite no fórum Redes
    Respostas: 11
    Último Post: 29-07-2005, 18:18
  4. Torre de Radio FM
    Por Baron no fórum Redes
    Respostas: 3
    Último Post: 01-01-2005, 18:10
  5. wi-fi torre de babel
    Por lss no fórum Redes
    Respostas: 1
    Último Post: 12-07-2004, 18:48

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L