+ Responder ao Tópico



  1. Wala, mas uma coisa.. as sxt que tem fonte separada do poe nao queimam. Vo testa

  2. Protetor de surto precisa aterramento sim.

    Toda diferença de potencial com relação ao solo precisa ter um caminho até o solo senão não dissipa.

    O protetor de surto sem aterramento só ajuda quando houver diferença de potencial entre 2 partes, digamos entre 2 fios do cabo ethernet (E isso não é comum).

    Sobre fonte separado do POE, tem RB assim que queima lan igual.
    Alimento minha RB133 de casa via conector P4 a uns anos (2009?) e já queimou 2 lan dela, só sobrou 1. Queimou com alimentação completamente separada.

    Idem pra equipto em torre de telecom, não gosto de POE (O que é que custa passar separado um cabo PP com um conector P4?) então não uso onde for possível, e mesmo com alimentação solar (100% isolado de rede elétrica da rua) já tive RB433AH, NS Loco M2, NS Loco M5 e não lembro se airgrid ou nanobridge queimados (Fora coisa barata tipo Kozumi, Krazer, Airlive, Oiw e Elsys).

    Nas fontes UBNT não tem aterramento, é uma fonte de 2 pinos (Neutro+fase, ou fase+fase), porque o terceiro pino passa RETO da ENTRADA pra SAÍDA, vai direto do pino da tomada pra capa metalica do jack RJ-45, a fonte em sí não tem nem meio contato com o terra (Nem uns capacitores pra desacoplar, nada).

    Enfim, pro problema de alta tensão induzida nos cabos, a solução é centelhador indo de cada via desses cabos até o terra. Essa indução ocorrerá com cabo cat5 ou cat6, com qualquer crimpagem, com poe presente ou não. Em cabo blindado a blindagem vai diminuir a indução, mas a blindagem não é grossa tipo 1mm em alumínio folhado (E cabo coaxial com malha de 90% não isola toda a EMI e RFI externa, não é a fita de aluminio de 0,05mm nos cabos STP que vai fazer melhor, diminuição não é isolamento, é só atenuação).

    Se tiver muito desse problema (Descarga induzindo tensão em cabo), não tem outro jeito senão protetor com aterramento mínimo (Qualquer contato com o terra, pra ESSE caso uma caixa metálica de tomada é 10x melhor que nada).

    Pros outros problemas, tipo ruído de DC atrapalhando ethernet, aí sim separar tudo ajuda.

    Mas pra cliente estamos falando em cabos tipo 8 a 20m, e equipamentos com consumo inferior a 10W, pra isso a corrente passando é baixa mesmo com 12V, esse consumo não "pesaria" tanto na fonte a ponto de ela emitir ripple e EMI aos montes, o VRM dos equiptos não é tão maravilhoso então se a fonte emitir um pouco a mais de ripple a CPE vai travar 5x ao dia, você vai perder o cliente bem antes de esse ruído ser tão grande (Conforme a ESR dos capacitores na fonte cai, por envelhecimento, o ripple e EMI aumenta) a ponto de queimar uma lan.

    Um teste simples pra entender o "poder" de um aterramento simples:
    Compra uma chave de teste dessa:
    http://produto.mercadolivre.com.br/M...2220-vacdc-_JM
    Custa menos de R$ 10 e já ví em centenas de lugares (Loja de mat. elétrico, loja de R$ 1,99, supermercado, loja de equipto de som, eu mesmo vendia isso em "loja de informática").
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         chave-de-teste-12-a-220v-digital-fc-g-0209.jpg
Visualizações:	69
Tamanho: 	231,5 KB
ID:      	61842


    E usa ela tocando em tudo que é objeto metalico por perto, aperta o botão de baixo e toca em objetos DESLIGADOS da terra. Verá tensão.

    E se você tocar nesse objeto com uma chave, e com a outra mão pegar uma agulha e tocar na parede... paf... a tensão SOME da chave. O mísero contato da agulha na parede descarrega essa estática.

    Todo mundo ri daquela piada que o sujeito colocou o aterramento num vaso de flor dentro de casa. Mas... se o vaso tinha um bom contato com o solo, isso é melhor que nada.

    Qual a capacidade de dissipação de um prego numa parede? Provavelmente poucos miliamperes. Mas... qual a corrente que circula quando um cabo induz tensão meio alta em cabo? Olha que coincidência, são poucos miliamperes.

    Então pensem "aterramento mínimo" não como uma barra enterrada, com uma cobertura de concreto, e um fio de cobre puro de R$ 3 o metro, indo até a tomada. O "mínimo" pode ser ligar isso no neutro, ou na caixa metálica da tomada (Onde ainda tem essas caixas dos anos 80 e 90), ou no mínimo no mastro da CPE lá fora, e colocar um dos 3 parafusos do mastro sem bucha na parede (Pra ter contato mínimo entre mastro e parede).

    Eu não confio em ligar no neutro AQUI por 2 motivos:
    - O aterramento dos transformadores nem sempre é bom, falha muito.
    - Sempre tem uns pedreiros que se dizem eletricistas que convencem o morador da casa a mudar a tensão da casa toda, aí vai no padrão e desliga o neutro e liga aquele fio numa fase.

    Mas concordo que ligar neutro nesse pino de "aterramento" do equipto (Onde a antena fica isolada do mastro, tipo em CPE's UBNT e MK (Incluindo Airgrid, Nanobridge, Nanobeam e SXT) via de regra é melhor que nada, ao menos tem algum lugar pra descarregar essa diferença de potencial com relação à terra.

    O protetor de surto sem aterramento que devia ajudar um pouco mais (Mas nada perto do que um com aterramento protege) seria assim:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         prot1.jpg
Visualizações:	54
Tamanho: 	39,7 KB
ID:      	61840

    Mas melhor que colocar capacitor seria colocar polyswitch em série.
    E ainda melhor que polyswitch seria colocar uns PTC!
    Só que onde você encontra PTC a venda por menos de R$ 20 cada?

    É inviável fazer esse tipo de protetor que não exige aterramento, porque custa extremamente caro e porque a proteção disso é ruim (Comparado a um típico comum com aterramento, seja com centelhadores ou com diodos e zeners).

    Problemas vindo pela linha de DC vão queimar o VRM. E VRM queimado em CPE é coisa tão rara, pra cada VRM queimado devem ter uns 5000 com lan queimada, então proteção pra DC é irrelevante.



  3. Sobre o fato de usar fonte com POE incluso ou injetor POE, nada muda no fato de ter DC no cabo, e lá na CPE muda menos ainda.

    A única diferença prática é que a EMI da fonte com POE chega nos RJ-45, por isso a UBNT usa jack RJ-45 com capa metálica, blindagem contra EMI da fonte. Mas a EMI dessas fontes não é alta. São 1000x melhores que fontes POE baratas tipo R$ 15 a 20 (Que também criam poucos travamentos extras).

    Se já não tem EMI chegando no RJ-45, tanto faz o fato de esses RJ-45 estarem dentro da mesma caixa da fonte ou num injetor separado. Teria que ter diferença na fonte ou na CPE, só a distância dos RJ-45 pro chaveamento não explica.

    O que tem que ver é: Que PROTEÇÃO o injetor ou os SXT tem?
    O injetor dos gigabit é maior mesmo, tem até led, o próprio método de injeção de power over datalines exige trafo/bobina e capacitor, isso já é uma proteção grande.

    E se usar injetor comum em SXT, como fica a queima?
    SXT 5hnd e lite5 não tem nada fantástico como filtragem na entrada, só o basico, capacitores de desacoplamento e resistores de baixo valor em série (Já que polyswitch e PTC's custam muito caro).

    Se esses componentes bestas salvam os SXT, que tal fazer o mesmo pros UBNT?
    Se SXT com injetor não-gigabit queima menos então algo assim deve ajudar muito:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         prot2.png
Visualizações:	88
Tamanho: 	15,4 KB
ID:      	61841


    Mas se quem sobrevive a tudo é SXT com injetor gigabit, aí o circuito é o de cima, com transformador ou bobina (POE gigabit exige isso de qualquer forma).

    Não ví tantos SXT durando muito pra confiar tanto. Eu tiver um 5hnd pifado em tempestade, não confio tanto assim (Concordo que aguentam mais, mas custam mais, se paga pela proteção igual).

  4. Rubem mas entao vc concorda que o injetor da sxt eh melhor q a fonte da ubnt. Isso podera dimiNuir a queima de portas? Sem aterramento nada adoanta aquele protetor da ubnt certo?



  5. To pensando em usar os poe da tp-LINK e fonte 24v 0.8qh nas airgrid






Tópicos Similares

  1. Respostas: 3
    Último Post: 28-06-2017, 10:58
  2. Respostas: 3
    Último Post: 02-11-2016, 18:38
  3. Respostas: 19
    Último Post: 27-05-2015, 16:14
  4. Queima de Porta LAN de Equipamentos UBNT.
    Por delegato no fórum Redes
    Respostas: 12
    Último Post: 31-10-2014, 12:25
  5. Respostas: 13
    Último Post: 22-03-2012, 13:43

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L