+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Frequências 2.4 e 5.8

    Boa noite a todos companheiros.
    Sou novo no fórum, quero crescer aqui com vocês, compartilhar conhecimento, aprender e passar experiências tb.

    De início lanço a seguinte dúvida,

    POR QUE QUE MUITAS PESSOAS USAM A FREQUÊNCIA 2.4 e 5.8. Sendo que nem todos aparelhos funcionam a frequência 5.8, estive lendo no tópicos a várias pessoas aqui que montaram servidores de internet tem as duas frequências. Alguém poderia me explicar?

  2. #2

    Padrão Re: Frequências 2.4 e 5.8

    2,4GHz tem frequencia usavel de 2401 a 2483MHz, são 82MHz disponíveis pra usar. São 13 canais de 20MHz cada, mas os canais se sobrepõe levemente, na prática tem só 3 canais sem sobreposição.
    Mas tem a vantagem de ser uma frequencia baixa o suficiente pra penetrar em paredes e objetos de densidade baixa.

    5GHz tem frequencia disponível praticamente de 5170 a 5835MHz, tem umas faixas no meio que não podem ser usadas mas ao todo a faixa disponível pra uso é de 480MHz de largura, são 25 canais de 20MHz, e os 25 canais não tem sobreposição.
    Em compensação a faixa dos 5GHz penetra menos nos obstaculos, pra uso indoor o alcance é menor.

    Quando fala "nem todos os aparelhos funcionam em 5,8GHz", você provavelmente está falando de equipamentos de uso indoor tipo smartphones, notebooks, adaptadores USB, e tablets. Mas não se provê internet diretamente da torre até o notebook do cliente, wifi é pra isso. Você coloca em cima do cliente uma CPE ou antena da frequencia usada na torre, se a torre usa 5GHz você coloca no cliente uma CPE 5GHz e tá tudo resolvido.

    Se a torre usar wimax de 3,5GHz você coloca no cliente uma CPE wimax de 3,5GHz, não faz conexão direta com dispositivo mobile do cliente, quem faz isso é operadora de telefonia, wifi não nasceu pra dispositívos móveis, nasceu pra dispositívos nômades (Que mudam de lugar, mas não que ficam se movimentando o tempo todo).

    Como na prática só tem 3 canais de 20MHz em 2,4GHz a POLUIÇÃO do espectro nessa faixa está enorme, não apenas por provedores, os roteadores domesticos atravessam muitas paredes e o roteador 2,4GHz do seu vizinho pode atrapalhar o seu. A uns 10 anos só existia equipamento wifi por preço acessível pra 2,4GHz, então provedores mais antigos ou que vendem planos menores ainda usam 2,4GHz, mas devido ao excesso de poluição (Excesso!) os provedores que querem vender planos maiores (Usando canais mais largos que 20MHz, ou com estabilidade maior) começaram a usar a faixa dos 5GHz nos últimos anos (Provavelmente desde 2008).

    Nem toda cidade tem tanta poluição na faixa dos 2,4GHz. Area de densidade maior tende a ter mais provedores e mais roteadores de mesa nas casas, nesses ambientes a poluição nessa faixa está grande.
    Nalgumas cidades maiores cheias de provedores via rádio até a faixa dos 5GHz já tem alguns canais cheios de SSID's aparecendo, então não dá pra dizer que SEMPRE o provedor 2,4GHz será ruim e o de 5GHz será bom, mas vai mais ou menos nessa lógica, provedor que usa 5GHz está focado mais em qualidade de conexão do que em baixo custo (Equipamento 2,4GHz tem preço menos em muitos casos).

    Como muita gente já tem antenas 2,4GHz, e querem planos baratos (Pode ser 500Kbps), você pode implementar uma rede 2,4GHz pra esses clientes, e pra novos clientes ou pra quem quer planos maiores tipo 2 a 10Mbps usando equipamentos de 5GHz.

    Na prática dá pra dizer que o problema é: 2,4GHz tem somente 3 canais isolados de 20MHz, e 5GHz tem 25 canais isolados de 20MHz. Mas 2,4GHz penetra mais em obstaculos (Não que um provedor deva instalar cliente sem visada).

    Tem outros detalhes derivados da baixa frequencia que dão vantagem pra 2,4GHz, mas o grande problema é a falta de canais limpos, e eles estão poluídos porque a frequencia vai mais longe com a mesma potencia e porque tem muito usuario e muito provedor burro usando equipamento de alta potencia pra tentar atravessar arvores ou paredes com potencia alta, esse a meu ver é o principal motivo da poluição: Usar alta potencia onde a lógica seria NÃO usar wifi já que tem obstaculos.



  3. #3

    Padrão Re: Frequências 2.4 e 5.8

    Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    2,4GHz tem frequencia usavel de 2401 a 2483MHz, são 82MHz disponíveis pra usar. São 13 canais de 20MHz cada, mas os canais se sobrepõe levemente, na prática tem só 3 canais sem sobreposição.
    Mas tem a vantagem de ser uma frequencia baixa o suficiente pra penetrar em paredes e objetos de densidade baixa.

    5GHz tem frequencia disponível praticamente de 5170 a 5835MHz, tem umas faixas no meio que não podem ser usadas mas ao todo a faixa disponível pra uso é de 480MHz de largura, são 25 canais de 20MHz, e os 25 canais não tem sobreposição.
    Em compensação a faixa dos 5GHz penetra menos nos obstaculos, pra uso indoor o alcance é menor.

    Quando fala "nem todos os aparelhos funcionam em 5,8GHz", você provavelmente está falando de equipamentos de uso indoor tipo smartphones, notebooks, adaptadores USB, e tablets. Mas não se provê internet diretamente da torre até o notebook do cliente, wifi é pra isso. Você coloca em cima do cliente uma CPE ou antena da frequencia usada na torre, se a torre usa 5GHz você coloca no cliente uma CPE 5GHz e tá tudo resolvido.

    Se a torre usar wimax de 3,5GHz você coloca no cliente uma CPE wimax de 3,5GHz, não faz conexão direta com dispositivo mobile do cliente, quem faz isso é operadora de telefonia, wifi não nasceu pra dispositívos móveis, nasceu pra dispositívos nômades (Que mudam de lugar, mas não que ficam se movimentando o tempo todo).

    Como na prática só tem 3 canais de 20MHz em 2,4GHz a POLUIÇÃO do espectro nessa faixa está enorme, não apenas por provedores, os roteadores domesticos atravessam muitas paredes e o roteador 2,4GHz do seu vizinho pode atrapalhar o seu. A uns 10 anos só existia equipamento wifi por preço acessível pra 2,4GHz, então provedores mais antigos ou que vendem planos menores ainda usam 2,4GHz, mas devido ao excesso de poluição (Excesso!) os provedores que querem vender planos maiores (Usando canais mais largos que 20MHz, ou com estabilidade maior) começaram a usar a faixa dos 5GHz nos últimos anos (Provavelmente desde 2008).

    Nem toda cidade tem tanta poluição na faixa dos 2,4GHz. Area de densidade maior tende a ter mais provedores e mais roteadores de mesa nas casas, nesses ambientes a poluição nessa faixa está grande.
    Nalgumas cidades maiores cheias de provedores via rádio até a faixa dos 5GHz já tem alguns canais cheios de SSID's aparecendo, então não dá pra dizer que SEMPRE o provedor 2,4GHz será ruim e o de 5GHz será bom, mas vai mais ou menos nessa lógica, provedor que usa 5GHz está focado mais em qualidade de conexão do que em baixo custo (Equipamento 2,4GHz tem preço menos em muitos casos).

    Como muita gente já tem antenas 2,4GHz, e querem planos baratos (Pode ser 500Kbps), você pode implementar uma rede 2,4GHz pra esses clientes, e pra novos clientes ou pra quem quer planos maiores tipo 2 a 10Mbps usando equipamentos de 5GHz.

    Na prática dá pra dizer que o problema é: 2,4GHz tem somente 3 canais isolados de 20MHz, e 5GHz tem 25 canais isolados de 20MHz. Mas 2,4GHz penetra mais em obstaculos (Não que um provedor deva instalar cliente sem visada).

    Tem outros detalhes derivados da baixa frequencia que dão vantagem pra 2,4GHz, mas o grande problema é a falta de canais limpos, e eles estão poluídos porque a frequencia vai mais longe com a mesma potencia e porque tem muito usuario e muito provedor burro usando equipamento de alta potencia pra tentar atravessar arvores ou paredes com potencia alta, esse a meu ver é o principal motivo da poluição: Usar alta potencia onde a lógica seria NÃO usar wifi já que tem obstaculos.

    rubem quai seria esses 25 canais em 5.8 que nao tem sobreposição ? e qual a faixa no meio que nao pode ser usada ?

  4. #4

    Padrão Re: Frequências 2.4 e 5.8

    Aqui tem tabela com os canais 2,4GHz lado-a-lado pra ver a sobreposição, e dos de 5GHz:
    http://labcisco.blogspot.com.br/2013...-wireless.html

    Quando você seleciona o país BRASIL no setup de um bom roteador, seja Ubnt, MK ou Intelbras, automaticamente eles limitam o uso apenas aos canais legais no brasil.
    Em 5GHz os bons setups também ativam automaticamente a feature DFS, que é pra evitar colisão com radares, isso mostra melhor onde isso fica:
    http://twimgs.com/networkcomputing/n...annels-all.png

    Pra não atrapalhar radar (Que é mais importante que wifi, wifi é pra baboseira tipo acessar inutilidade como facebook ou site de time de futebol) abaixo dos 5720MHz você tem que usar potencia bem baixa (Em UNII-1 e UNII-2 o limite legal é 1/4 do limite entre 5735 e 5835MHz), os bons firmwares limitam isso automaticamente quando você seleciona o país. Mas se não selecionar o país você pode usar potencia bem alta, acima do limite legal e em canais não-permitidos no país, muito provedor leigo tem feito isso então a faixa dos 5GHz já está bem poluída em varios locais do brasil.

    A faixa exata que pode ser usada depende do país, aqui tem uma lista mais detalhada:
    http://en.wikipedia.org/wiki/List_of_WLAN_channels

    Pra não precisar decorar isso é só selecionar o país correto no setup dos roteadores. Se o sinal é insuficiente é porque o equipamento é inadequada, alterar país pra usar potencia maior é quebra-galho de leigo que não sabe escolher que equipamento comprar, por preguiça de se informar ANTES da compra.



  5. #5

    Padrão Re: Frequências 2.4 e 5.8

    É isso aí @rubem ... agora você pegou pesado.kkk Mas também o povo merece... estão arrebentando a faixa do 5.x com o mau uso..
    E isso acaba virando uma bola de neve pois como o sujeito não respeita e cria problema para os outros provedores, os outros acabam também entrando neste circulo vicioso realimentando os problemas.

    Pessoal, esqueçam 40mhz em 5.8 para uso em Ponto MultiPonto... E mesmo para link só usem 40 se for preciso realmente passar muita banda, o que não é a realidade da maioria dos pequenos provedores. Respeitem as sub-faixas e todos poderemos conviver em paz por algum tempo a mais.

  6. #6
    Avatar de Nilton Nakao
    Ingresso
    Sep 2013
    Localização
    Carlos Chagas, Minas Gerais
    Posts
    901

    Padrão Re: Frequências 2.4 e 5.8

    Particularmente acho que hoje a Anatel deveira por uma canalização específica para provedores(fora da faixa dos roteadores domésticos). Isso prejudica o próprio usuário, que ficamos sentados no PC ou dispositivos xingando, xingando até num poder mais.



  7. #7

    Padrão Re: Frequências 2.4 e 5.8

    Citação Postado originalmente por Nilton Nakao Ver Post
    Particularmente acho que hoje a Anatel deveira por uma canalização específica para provedores(fora da faixa dos roteadores domésticos). Isso prejudica o próprio usuário, que ficamos sentados no PC ou dispositivos xingando, xingando até num poder mais.
    Seria muito bom, mas tem um empecílho. O Brasil e signatário de um acordo internacional que regula o plano de frequencias. Se fizesse isso outros países iriam cair em cima, mesmo não fazendo a menor diferença para eles.

    Nestes acordos tem coisas muito estranhas. Por ex. estaçoes de radiodifusão em AM aqui pelo se tiverem mais potencia precisam colocar pelo menos duas antenas-torre em fase para direcional o feixe mais para o lado do Brasil. Estações nas cidades mais próximas de fronteiras não conseguem liberação de muita potencia para não entrar lá nos hermanos. Mas basta ligar um rádio do fim da tarde e noite que vai chover de estações platinas.

  8. #8

    Padrão Re: Frequências 2.4 e 5.8

    Acho que ainda vamos precisar criar algo tipo:
    http://www.radioamador.com/?p=1695
    Pra "limpar" os espectros emporcalhados por roteadores domesticos mal-configurados, mal-posicionado, por provedores querendo furar arvore ou morro com alta potencia... enfim, a migração pra outras faixas anda lenta demais, o que temos a disposição por enquanto é coisa tipo 24 ou 60GHz, complicados demais pra uso ptmp outdoor. De 400 a 900MHz temos previsão futura apenas pra canal tão estreito que mal deveria atender 20 clientes de 1Mbps em cada cidade.

    Já que a Anatel não fiscaliza nem atende denuncia de cidadão (Liga e diz que tem uma torre com sinal em 5180MHz tipo -30dBm a 500m da torre, o que claramente indica potencia muuuuito acima do limite legal, simplesmente nem aceitam anotar denúncia, que dirá fiscalizar), o jeito é campanha esclarecendo sobre os tiros nos pés que uns usuarios e provedores estão dando usando potencia ilegal, canal largo ou antenas baixas.

    Não sei se é justo comparar a Anatel com a FCC americana, mas nos EUA não só o orgão regulador/fiscalizador é diferente, os provedores wireless tem uma organização invejavel, até com padrões:
    http://www.wballiance.com/resource-c...ifications/#10

    E aparentemente tem funcionado, porque eles tem só 50MHz de espectro pra wimax 3,5GHz e tá cheeeeeeio de provedor operando com sucesso nessa estreita faixa! Por lá parece que a maioria desistiu de 2,4GHz e 4,9-5,8GHz. Não sei se o mérito é da organização dos provedores ou do padrão wimax.



  9. #9

    Padrão Re: Frequências 2.4 e 5.8

    Não me atiça, @rubem. Ando meio calmo no radioamadorismo. Mas neste quesito precisamos dar louvor a Labre.
    É uma entidade bem atuante e se levarmos em conta o carater totalmente pessoal que o radioamadorismo tem hoje, é realmente um exito ter uma entidade que luta pelo "prazer" dos radioamadores.

    Se tivessemos uma entidade com metade da atuação da Labre, no setor de provedores de internet a coisa já seria bem diferente.
    Reportando ao que você citou sobre a faixa de 3.5, aqui no Brasil parece que "encalhou". Se falava muito em wimax e 3.5 alguns anos atrás e de repente a coisa empacou. Mas mesmo que volte a tona o assunto perante a Anatel, ainda assim será por licitação pois por acordos internacionais esta é uma faixa licenciada. Mas pode ser uma saida honrosa para os provedores que permanecerem

  10. #10
    Avatar de Nilton Nakao
    Ingresso
    Sep 2013
    Localização
    Carlos Chagas, Minas Gerais
    Posts
    901

    Padrão Re: Frequências 2.4 e 5.8

    Seria adequado, que esse acordo mudasse pelo menos nessa parte. Nos roteadores domésticos vem com essas canalizações, não é justo que os provedores a utilizem mesmo nos ponto a ponto.