Página 2 de 2 PrimeiroPrimeiro 12
+ Responder ao Tópico



  1. Aqui só venda, quando o equipamento queima por raio não tem choro, só trocando, sempre oriento pra desligar quando dá temporais. Mas faz como foi sugerido, no cadastro do cara deve ter os dados dele, mete no spc, o sujeito vai perceber quando precisar crediário, vai te pagar ou aguardar 5 anos para limpar o nome.

  2. Aqui trabalhavamos no inicio com vendas dos kits, porém vendia, parcelava, o pessoal enrolava (cidade pequena já sabe), e depois que terminava de pagar do jeito que queria, ou os que pagavam a vista, no mês seguinte, um concorrente chegava de casa em casa oferecendo a internet por 10,00 a menos ae o cliente cancelava, a verdade eu que estamos servindo de instalador para o gatonet chegar e abocanhar os clientes...
    Passamos a oferecer no comodato, quebramos as pernas do concorrente desleal que não tinha sequer capital comprar antena para revender, muito menos para comodato, em comodato no início, nem cobrávamos instalação, ficamos alguns meses sem ter lucro algum, as mensalidades pagavam as despesas com kits para comodato e o link, não sobrava praticamente nada, meu nº de clientes dobrou pela facilidade de ter a internet, pois muitos imaginavam pagar antena parcelada ainda a mensalidade. Foi a melhor coisa que fiz na vida, alguns prejuízos sempre temos, mais na ponta do lápis compensou pois fidelizamos todos os clientes, e sempre trocamos o equipamento quando da algum defeito o resultado e cliente satisfeito.
    Passado algum tempo, resolvemos vender kits, vendíamos barato, instalávamos, resultado foi o concorrente novamente assediando o cliente dando mensalidade mais barata, perdemos alguns clientes, e os que não perdemos sempre tem valor de mensalidade bem a baixo dos comodatos.

    Hoje para se por um equipamento de qualidade, o custo é alto, os clientes não querem comprar, cobramos uma taxa de instalação pequena, e as vezes a primeira mensalidade no ato, já ajuda um pouco. Temendo equipamentos ficarem obsoletos, como muitos aki já estão, e sabendo que eles são na verdade lucro da empresa, que usados tem pouco valor, o que gastamos já teríamos cabeado a cidade inteira, por isso estamos querendo cabear, porém a dúvida é que a fibra sairia até mais barato do que o UTP, porém precisaria a ONU que seria um custo que continuaríamos a ter como na cpe, por isso estamos estudando uma forma híbrida entre fibra e UTP, porém pretendemos nos mesmos fazermos os pacpon.



  3. Realmente não é uma matemática muito exata.
    Cada tem que saber da sua realidade.
    No início cobrávamos o valor do aparelho para o cliente(ex:nanostation m5 350,00) e pagavam.Mas hoje está difícil.
    O que se deu melhor no provedor foi cobrar uma taxa de instalação(aparelho comodato).Paga-se 100 reais na instalação e quando o cliente não quer mais retirarmos o aparelho.






Tópicos Similares

  1. Respostas: 3
    Último Post: 23-10-2014, 20:59
  2. Kit cliente, comodato ou venda?
    Por marcelomg no fórum Redes
    Respostas: 19
    Último Post: 13-12-2013, 19:38
  3. Cliente em Bridge ou Roteado?
    Por wesleydialmeida no fórum Redes
    Respostas: 8
    Último Post: 17-04-2013, 08:23
  4. Kits em comodato
    Por onnet no fórum Redes
    Respostas: 22
    Último Post: 10-07-2009, 23:13
  5. Kit cliente, comodato ou venda?
    Por marcelomg no fórum Redes
    Respostas: 9
    Último Post: 22-02-2007, 18:47

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L