+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por GuileW Ver Post
    Amigo,
    não é bem assim. Quer dizer que de 100 quadros enviados, 80% tiveram que ser retransmitidos (pela camada MAC 802.11). Nesse caso você pode não ter perdido nenhum pacote ou perdido muito pouco. A matemática está bem explicada nos testes dos cenários que iniciam na página 22.
    Não me leve como contrariando seu posicionamento. Só quero entender, se eu estiver pensando errado.

    Eu encaro a matemática como ela deve ser, uma ciência exata.
    Se enviou 100 e teve que retransmitir 80, então a eficiência fica em 20%.
    Se aplicar a formula publicada vai sim dar 20%.

    E esta fórmula pelo que sempre soube é a mesma aplicada em todos os firmwares, pela própria definicão de CCQ.

    Como já disse antes, eu não confio muito em CCQ. No caso de mikrotik como rádio, prefiro configurar para aparecer na aba registration tx/rx frame bytes e tx/rx hw frame bytes.
    Porque isso? Eu vejo seguidamente que usuário com 100% de CCQ não estão com toda esta eficiência. Segundo o manual do mikrotik é aceitável uma diferença entre estes dois parâmetros, desde que o tx/rx hw frame bytes não seja próximo ou maior do que o dobro.
    Então se estes dois parâmetros não são iguais, significa que está havendo perda de pacotes. Eu uso a comparação entre as duas colunas para analisar a conexão.
    E vejo também casos com CCQ mais baixo e uma diferença entre as colunas bem pequena e cliente navegando sem reclamações.

  2. Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post
    Não me leve como contrariando seu posicionamento. Só quero entender, se eu estiver pensando errado.

    Eu encaro a matemática como ela deve ser, uma ciência exata.
    Se enviou 100 e teve que retransmitir 80, então a eficiência fica em 20%.
    Se aplicar a formula publicada vai sim dar 20%.

    E esta fórmula pelo que sempre soube é a mesma aplicada em todos os firmwares, pela própria definicão de CCQ.

    Como já disse antes, eu não confio muito em CCQ. No caso de mikrotik como rádio, prefiro configurar para aparecer na aba registration tx/rx frame bytes e tx/rx hw frame bytes.
    Porque isso? Eu vejo seguidamente que usuário com 100% de CCQ não estão com toda esta eficiência. Segundo o manual do mikrotik é aceitável uma diferença entre estes dois parâmetros, desde que o tx/rx hw frame bytes não seja próximo ou maior do que o dobro.
    Então se estes dois parâmetros não são iguais, significa que está havendo perda de pacotes. Eu uso a comparação entre as duas colunas para analisar a conexão.
    E vejo também casos com CCQ mais baixo e uma diferença entre as colunas bem pequena e cliente navegando sem reclamações.
    Entendo perfeitamente seu ponto de vista e concordo com você. A matemática é exata sim, mas pode ser aplicada de muitas formas. O que eu quero apontar é justamente este equívoco cometido por você e a grande maioria das pessoas que utilizam estes equipamentos e acham que este cálculo do CCQ é igual ou que é calculado como achamos que deveria ser.

    Os testes do cenário 5, como comentei anteriormente, apontam justamente isso! A matemática está lá e os dados também. Fica claro que os 3 equipamentos testados calculam o CCQ de formas diferentes. Não precisa acreditar em mim ou no relatório. Basta fazer a prova real com qualquer cenário e comprovar isso.

    O seu exemplo também aparece explicado no cenário 5-3 do relatório, que é justamente a relação do Tx/Rx Frames com Tx/Rx Hw Frames. o Tx/Rx frames indicam os quadros que chegam para serem enviados. O Tx/Rx Hw Frames indicam a quantidade de quadros efetivamente enviada pelo hardware, ou seja, incluem as retransmissões da camada MAC 802.11 que não são percebidas pela rede ethernet.

    Só para reforçar também, se os valores do Tx/Rx frames estiverem diferentes do Hw frames, não significa que está havendo perda de pacotes (novamente, pacote = camada 3; Quadros = camada 2). Estarão tendo sim retransmissões na camada MAC 802.11 e pode ou não haver a perda de quadros realmente. Se a quantidade de retransmissões de um mesmo quadro ultrapassar o limite definido pelo Hardware/Driver, então o quadro realmente será perdido.

    Isso fica bem claro se você acompanhar os vídeos dos testes. Irá perceber que a máquina de um lado da rede sem fio está gerando os quadros UDP de forma constante (em torno de 100 PPS) e a máquina do outro lado está recebendo os mesmos 100 PPS. Ou seja: não existe perda de pacote mas existe retransmissão, somente no enlace de rádio. Para os dois computadores atrás dos rádios, não existe perda nenhuma.



  3. @GuileW te confesso que não li o pdf até o fim. Li até onde ia começar os vídeos. E como não tinha tempo para ve-los e compreende-los acabei não fazendo.
    E como a fórmula apresentada logo no início do artigo confirmava que se enviou 100 e retransmitiu 80 teria uma perda de 20% e também que este era o método usado no firmware da Intelbrás, eu fui tirando as conclusões que a pergunta do @VNInfo estavam corretas.

    Esta diferença de resultados entre camada 2 e camada 3 eu vou ter que ver os vídeos com calma.
    Mas em resumo, você não acha que se basear em tx/rx frame bytes é mais confiável, ou é a mesma coisa?

  4. @1929,
    sem dúvida entendo sua questão relacionada ao tempo para ler e ver os vídeos.

    Respondendo sua pergunta: Sim, é mais confiável pois você não ficaria na dúvida de como o cálculo é feito. Porém a análise não é tão amigável e rápida quanto um valor em %, como no caso do CCQ.



  5. @GuileW Então resumindo: Você quer dizer que a qualidade da conexão (CCQ) do Wom 5000 realmente cai mais do que os outros, mas o throughput no wom não cai tanto quanto os concorrentes, não é isso? Entendi assim.
    Vejo problema na questão do calculo que é passado para o tecnico na hora da instalação, por exemplo: O cara vai la instala o equipamento, faz teste de ping, teste de velocidade e verifica o CCQ, estando tudo em ordem o tecnico finaliza, mas sempre olha la o ccq em 100% e tem uma garantia que o cliente foi bem instalado, como nessa foto Anexo 60283 de um cliente que foi instalado a 500m da torre com wom mimo. 100% ccq mesmo em local com bastante interferência. Pergunto: como vou passar para um técnico de instalação que tudo que ele aprendeu no curso de wireless (ccq 100% significa instalação boa) tem que ser reaprendida? como ele vai fazer esse calculo na hora?






Tópicos Similares

  1. Respostas: 20
    Último Post: 12-06-2012, 01:23
  2. radio em baixo da torre
    Por marquinhoscx no fórum Redes
    Respostas: 8
    Último Post: 10-11-2005, 22:48
  3. Respostas: 14
    Último Post: 04-03-2005, 09:33
  4. O x não inicia, dá um erro de biblioteca.
    Por Erro Enlightenment Slack! no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 13
    Último Post: 21-05-2004, 17:34
  5. Eu instalei do modem lucent mais no final da um erro!!
    Por cr4sh no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 09-08-2003, 18:11

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L