Página 2 de 4 PrimeiroPrimeiro 1234 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico

  1. Então pra fazer uma conexão ac igual a uma n terei que usar um equipamento mais robusto porém o resultado é uma conexão com mais banda. Algo que o n não iria alcançar nem mesmo melhorando o equipamento, certo?


  2.    Publicidade


  3. N poderia ter banda maior com equipamento melhorado.

    Mas... sai muito mais barato fazer um chipset AC mais moderno, que refazer um N antigo melhorando features. O custo dos chipsets não é falta de conhecimento de projetista, mas sim cortes de custos. Nossa industria automotiva SABE fazer uma Ferrari ou um RollsRoyce, mas... o que vende mesmo é o Palio pé-de-boi. Pra ser economicamente acessível tem que reduzir preço, e pra isso precisa reduzir custo, cortando feature, ou diminuindo encapsulamento (Que vai ter o mesmo calor, mas numa superfície dissipadora menor), enfim, fazendo algo inferior ao máximo que poderia fabricar.

    Vide os rádios licenciados, tráfego alto e estável na mesma largura de canal, mas custam 5 a 10x mais caros, porque tem um hardware MUITO mais parudo, não é só 1 chipset mais parudo mas sim mil detalhes a mais (Compara um Rolls Royce com um Palio, é a mesma dimensão, na quantidade e na qualidade das partes internas).

    Um chipset AC precisa ser um pouco mais parudo, já que AC com suas portadoras a mais, e mais banda passante, consome mais processamento, mas fazer um chipset AC de 720MHz custa o mesmo que fazer um chipset N com projeto de 2010, com 500MHz. Poderíamos fazer um novo projeto, uma nova família N com esses cores de 720MHz, mas... o custo do desenvolvimento seria o mesmo de um chipset AC, então já que existe um novo padrão é melhor investir em desenvolvimento pros novos padrões, não pra padrões velhos (Afinal a maioria dos consumidores é leigo e se deixa levar por noobices tipo ter estampado na caixa "Roteador 1900Mbps", vão comprar esse AC ao invés do outro N que está escrito "Roteador 600Mbps". Se não vender aos milhões pra milhões de trouxas early-adopters o custo de desenvolvimento não se paga).

    Dá pra resumir do jeito que você disse, e acrescentar: AC até certo ponto (MCS7) é N, só faz diferença se tiver sinal uns 10dBm maior e usar MCS8 e MCS9. Então AC tem o que N tem a mais um plus, mas exige sinal maior, e poder de processamento maior. Os chipsets mais novos tem poder de processamento maior, mas o instalador não pode fazer a cagada de tentar usar AC com sinais porcos tipo -60dBm, AC precisa mais sinal.

  4. Amigo o MCS da RB922 em -48 -49 qual devo usar para melhor banda? obrigado

  5. @rubem, excelente!

    Estava aqui na labuta mesmo para escolher um par ubiquiti nova para o enlace com uma filial.

    Facilitando, posso pegar a sensibilidade do aparelho no modo 8x, adiciono 20db. Esse sinal tem de ser maior ou igual ao que aparece na intensidade do sinal lá do simulador airlink?

  6. Outra dúvida, quando faço um Multi ponto, e algum client entra em 6x, os outros seguem trabalhando em 8x com o AP ou cai tudo para 6x?




Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L