Página 2 de 8 PrimeiroPrimeiro 1234567 ... ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. 40W por 24h dá uns 960W por dia.
    Em 48V isso vem a ser 960/48 = 20 amperes.

    Aqui está "amper por dia" mas ignora o analfa que fez isso leia como amperes captados por dia (Média de 5h em captação total, normal no brasil, mais que isso só se for girando o painel como um girassol):
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         Painel.solar.PNG
Visualizações:	287
Tamanho: 	23,3 KB
ID:      	62000

    O painel de 65W capta menos de 20A por dia. O de 83W capta 25A por dia. Dá e sobra pra armazenar pra dias sem sol. E na verdade esses radios tem consumo de pico de 40W, em momentos de trafego menor como a madrugada vai pra menos de 35W, isso é uma queda de uns 40W ao dia pelo menos (Na verdade duvido que chegue a 900Wh.dia, acho que deve sim ficar nuns 850Wh.dia, foi o que ví em wi2be que também dizia consumir 40W (Quase todos dizem))

    O problema: 4 paineis desse fica caro! Seria 4 paineis 12V de uns 90W a 100W (Precisa ter mais folga pra armazenar pra dias sem sol), que estão uns R$ 600 cada!
    Fora que iriam 4 baterias, como elas teriam uma descarga por noite de uns 15Ah, pra que elas durem muitos anos (Mais de 4 ou 5) seriam bom que isso representasse uns 20% da capacidade. E 15Ah é 20% de baterias de uns 70Ah, mais uns R$ 350 cada.

    Então a solução lógica pra 48V seria algo que não recomendo pelo preço, seria:
    - 4 paineis desses: http://minhacasasolar.lojavirtualfc....-yl95p-17b-4-5
    - ligados num controlador solar 48V tipo esse: http://produto.mercadolivre.com.br/M...36v48v-45a-_JM (Esse tá caro porque é de 45A, serviria pro seu uso um de 10A, mas não é fácil achar modelos 48V)
    - e 4 baterias dessa: http://www.bateriaautomotiva.com.br/...0ah-70ah/10681

    Se colocar um controlador 12V por painel, você perde o controle o desligamento pra proteger a bateria de descarga profunda. Fora que se 1 das 4 baterias tiver problema em 2 celulas e cair demais a tensão, o controlador corta tudo e como está tudo em série (4x 12V = 48V) tudo desliga. Enquanto num controlador 48V metade de uma bateria pode estar podre que o troço ainda rodará.


    Uma solução que fica bem mais em conta e que sugiro é usar 24V e conversor dc-dc.
    1 painel 250W, que são 24V:
    http://produto.mercadolivre.com.br/M...36v48v-45a-_JM
    Notar que ele capta por dia normal uns 42A em 24V, 24 * 42 = 1008Wh.dia
    Se levar em conta que o equipto deve consumir na verdade no máximo uns 850Wh.dia, acho que tá bom. E um dia nublado ainda dá uns 30-40% de captação, então dia nublado ainda captaria provavelmente metade do que consome.

    O controlador 24V pra esse painel é mais em conta, eu evitaria um de 10A e usaria um de 14A pra cima, exemplo:
    http://minhacasasolar.lojavirtualfc....os---cml15-2-2
    Coloca ele junto com as baterias, do lado mesmo, colado com fita, que a compensação de temperatura dele vai dar um leve sobrevida pras baterias.

    Mas sendo 24V as baterias precisariam ser maiores. Uns 35Ah por dia, sendo que dias nublados ia ter captação de 1/3 ou quase metade do necessário, eu diria que 115Ah em baterias tá bom, seria 2 dessa:
    http://www.bateriaautomotiva.com.br/...ah-115ah/10682
    Se os painéis captarem 1/3 do consumo em dias nublados, isso aí aguenta a coisa por uns 4 dias nublados.

    Se achar uma bateria estacionária de 135Ah ou 150Ah por bom preço, elas dariam suporte a 5 e 6 dias nublados respectivamente.
    2 dessa daria uns 6 dias nessas condições: http://www.bateriaautomotiva.com.br/...ah-165ah/25445
    Mas veja que isso é R$ 500 a mais que a solução de 115Ah. Complicado saber o teor do nublado daí, já fui de BH até o ES e não vi um nublado maior que no resto do brasil, a captação dos paineis em dias nublados cai mas não zera, aqui no centro-oeste dá uns 40% do captado em dias de sol, no RS em POA lembro de ver uns 30%, veja que é uma diferença grande mas trabalhando com painel superdimensionado esses 30% da capacidade do painel vem a ser praticamente metade do que o equipto consome, de dia haveria carga na bateria e a queda seria lenta. Precisaria 4 dias totalmente nublados, fechados mesmo, acho que só ví isso em Curitiba.

    Mas dá pra gastar um pouco no controlador de carga pra economizar na bateria. Controlador de carga MPPT capta uns 10 a 30% a mais que controlador comum. Seria um controlador desse:
    http://produto.mercadolivre.com.br/M...s-com-mppt-_JM
    Esse permitiria captar mais em dias de menos sol, digamos que no mesmo nublado um controlador PWM passasse uns 100W pra bateria, esse MPPT passaria uns 130W, porque ele trabalha com tensão de entrada bem maior, ele começa a carregar a bateria logo que o sol nasce, mesmo em angulo ruim ele carrega, enquanto um controlador pwm precisa insolação mínima bem maior. No sol forte os 2 são quase iguais, a diferença está no amanhecer e entardecer, neles o MPPT ainda capta.

    Mas isso é solução 24V, pra passar pra 48V precisa um conversor DC-DC, eu tenho usado conversor dc-dc step-up com consumo até maior que 40W. Seria o segundo dessa lista:
    http://www.fabioconversoresdc.com/step-up/
    Tá como esgotado mas liga pra esse cara e veja quando chega, por acaso me parece que era pra essa semana.
    No ML não achei. Cuida que o primeiro não te serve, ele elevaria a tensão só até uns 34 ou 35V (A saída é ajustavel naquele trimpot azul), e radio digital 48V geralmente opera com 40 a 58V.

    Ou dá uma olhada no manual do radio, se lá disse que ele aguenta mais de 60V, tipo uns 65V, pode usar esse modelo:
    http://produto.mercadolivre.com.br/M...-60v-a-97v-_JM
    Me parece que já ví algum radio falando em suporte tipo 40-65V.
    (É que controlador solar de gente grande pra 48V faz equalização das baterias em 64V (A flutuação é em 54V), então o equipto deveria aguentar esses 64V)

    Enfim, tem solução 24V por uns R$ 2300 a 2600.

    A solução 48V vai pra mais de R$ 4 mil.

    Aerogerador sozinho custa esse preço (Nunca ví um abaixo de uns R$ 2,5 mil), mas precisa bateria também, provavelmente com aerogerador o custo iria pros R$ 6 mil ou mais.

    Ainda que opte por 2 paineis 12V 150W (Cuida que a maioria dos paineis de 200W pra cima é 24V e não 12V), e 2 baterias de 220Ah, não chega nos R$ 4 mil, e os conversores dc-dc step-up são confiáveis, eu coloco fan neles, mas passando pra uns 42V (Não há motivo pra passar pra 48V, o VRM é feito pra operar com bateria baixa, e bateria baixa significa até bem menos de 42V) com consumo nuns 40W não deve ter muito calor, vai ter perda de 10% na conversão mas é uma perda pequena comparado à economia na compra de apenas 1 painel 260W e apenas 1 controlador.

  2. Só pra exemplo, aerogerador insuficiente pro consumo:
    http://produto.mercadolivre.com.br/M...olador-12v-_JM
    E ia precisar mais uns R$ 1800 em baterias, fora que ia precisa igual um conversor dc-dc, mas passando de 12 pra 42V não ia perder só 10% e sim uns 20% da energia.

    (É que o vento aí deve ficar numa média abaixo de uns 2m/s, e nuns meses do ano será muito pequeno, exigindo muita bateria)

    A solução 48V que atenderia fácil nos 12 meses do ano com uns R$ 600 em bateria seria:
    http://produto.mercadolivre.com.br/M...ta-entrega-_JM


    Convenhamos que tá "um pouco" mais caro que painel 260W com controlador MPPT e 2 baterias de 165Ah, com conversor dc-dc step-up.

    Se ver os mapas de radiação solar verá que está numa região com muito sol boa parte do ano:
    http://pt.slideshare.net/ocionemacha...-solar-reduced
    (Os mapas sazonais ficam da pág. 34 em diante, tem sol suficiente o ano todo)

    E se olhas os mapas de ventos sazonais, não verá nada fantástico na sua região:
    http://www.cresesb.cepel.br/publicac...Brasileiro.pdf
    A partir da página 32. Veja que boa parte do brasil tem muito vento entre julho e agosto, mas agora em dezembro cai pra 1/3, uma coisa é 4 dias sem sol, pra isso existe bateria, mas 2 meses com pouco vento se resolve como? Só com aerogerador maior e mais caro. Veja a quantidade de energia produzida por aerogerador pequeno (500W. digamos), com apenas 2m/s digamos, porque vai ter semana onde o vento não vai passar disso, ter 12h de vento assim por dia fazendo o aerogerador captar só 100W é pior que ter só 5h de sol forte permitindo uns 260W saindo do painel.

    E cuida que os dados dos mapas são média prevista a 50m de altura. Se sobe muito em torre já deve ter notado que no chão ou a 10m mal tem vento comparado ao alto de uma torre de 40m, mas uma torre que suporte um aerogerador sai cara, na maioria das torres só é seguro colocar aerogerador de 500W lá pelos 10m de altura, aí tem pouco vento.
    (Enquanto painel fotovoltaico pode ficar a 10m de altura ou a 2m que nada muda)

    A não ser que o site fica em cima de um morro, não vejo muita vantagem na solução eólica já que fica tão mais cara.



  3. bela aula Rubem.

  4. @rubem muito obrigado pela explicação, bela aula mesmo, to pensando em o que vc falou mesmo, fazer um sistema 24v e colocar 2 bateria de 250A, e o conversor dc-dc, so me tira uma duvida o inversor de dc para ac ele consome muito mais né? que caso não consulma eu compraria uma retificadora para caso de estabilidade de energia, o que vc acha que eu precisaria para montar um sistema top que dure uns 10 dias sem sol e que não vai corre nenhum risco de queimar os meus radios, to pensando em gastar até uns 6 mil nisso sera que fica top, vc pode me ajudar em quais equipamentos utilizar?


    pensei outro dia no seguinte, inventar um sistema de colocar um inversor dc para ac e ligar um carregador de bateria, ai o proprio carregador vai se sustentar, sustentar o radio e as baterias, sera que tem algum modo de fazer isso?



  5. Inversor vai desperdiçar mais uns 20% a 30%. Se usar um nobreak como inversor, e for um comum de 600VA, com consumo de apenas 40W ele vai jogar no lixo uns 30%.


    Agora sobre essa parte:
    Citação Postado originalmente por infor3 Ver Post
    pensei outro dia no seguinte, inventar um sistema de colocar um inversor dc para ac e ligar um carregador de bateria, ai o proprio carregador vai se sustentar, sustentar o radio e as baterias, sera que tem algum modo de fazer isso?
    Você diz usar painel pra alimentar um inversor sem ter um controlador no meio? N]ao vai dar, os paineis 12V tem tensão de 16 a 21V conforme o consumo, os inversores não aguentam isso.
    (E painel 24V vai de 30 a 55V! Com consumo a tensão cai, mas há picos de baixo consumo onde o inversor receberia tensão alta demais)

    A solução mais barata é painel solar > controlador solar > bateria, e usar direto das baterias, ou conversor dc-dc que não eleve muito a tensão (Passar de 24 pra 42V é tranquilo, mas de 12V pra 42V vai desperdiçar bastante. De 12V pra 115V AC vai desperdiçar ainda mais. Esse desperdício não só exige gastar mais com equipamento, como consome mais ciclos da bateria. Ter 10% a mais de consumo faz a bateria durar uns 300 ciclos a menos, isso é 1 ano a menos de durabilidade, a longo prazo o uso de inversor é um enorme desperdício de dinheiro e equipamento (Gera lixo pesado (Acido sulfurico, chumbo, plastico não-reciclavel) por pura firula).

    Pelo preço dos carregadores 48V (Que os vendedores noobs insistem em chamar de retificador, apesar do equipamento ser um carregador com fonte chaveada e não mais um autotrafo 2:1 (110>55V) com um diodo simples na saída flutuando 4 baterias como nos anos 70 se fazia e então fazia sentido chamar o equipto de apenas retificador, mas em 2015 se usa fonte chaveada), e o gasto extra em bateria pra compensar o desperdício com inversor, fora o preço do inversor, melhor comprar então 2 paineis 24V e um controlador de carga de gente grande, de marca de primeira, tipo Xantrex, Morning Star, ou memso viewStart, eles tem versões 48V de qualidade, por exemplo:
    http://www.neosolar.com.br/loja/cont...m-display.html

    2 paineis 24V: R$ 2 mil
    1 Controlador de carga 48V: R$ 1,4 mil
    4 baterias de 70Ah: R$ 1,5 mil

    Aí terá a mesma coisa que um carregador 48V de telecom (Que só noobs chamam de retificador. Retificador é diodo, o equipamento completo tem 1000 componentes e não só diodos), mas olha o preço.

    Minha sugestão de 1 painel 24V, controlador solar mppt 24V, 2 baterias razoáveis, e conversor dc-dc, é porque custa metade desse preço, e a perda no conversor dc-dc é mínima então o uptime com essa opção fica mínima coisa menor que a opção com 48V, e... se colocar bateria maior (250Ah pra mim é exagero, mas mal não faz, carregar vai, e vai durar 5 ou 6 anos no mínimo) é mais barato fazer isso com 24V (São 2 baterias) do que com 48V (São 4 baterias).

    Se tivesse um conversor dc-dc muito bom pra passar pra 42V com rendimento de uns 90%, e se tivesse painel solar 12V mais barato, eu sugeriria isso, mas o problema é que painel de mais de 200W é só 24V, e controlador 12V ou 24V custa o MESMO preço, e conversor dc-dc passando pra 42V tem rendimento melhor com entrada em 24V, então digamos que o único contra é precisar 2 bateria de 115Ah onde num sistema 12V iria 1 de 250Ah, mas... a bateria maior custa o dobro do preço, não iria economizar nada em bateria.

    Alias, seja 12V, 24V ou 48V, o custo das baterias seria o mesmo, diminuindo a tensão tem que aumentar a corrente (12V 240Ah, 24V 115Ah, 48V 50Ah, dá mais ou menos o mesmo preço nuns R$ 1100 a 1200), a grande diferença de preço vem da opção nos painéis ou aerogerador, controlador de carga, e conversor dc-dc ou inversor dc-ac.



    Se for usar inversor 12V (Vai precisar uns 3 paineis 140W, custo maior que 2 de 24V 250W), um inversor razoável de 250W dá, um decente deve estar uns R$ 400 (Por R$ 100 só tem lixinho chines, equivale a usar controlador solar de R$ 19,90), pra carga do banco de baterias 48V só vale a pena se usar fonte de gente, tipo Montel ou Proteco, nada de lixinhos baratos de R$ 500, tem que pegar carregador de telecom muito bom, de uns R$ 2 mil, se usar carregador barato vai ter qualidade 10x pior que o uso do conversor dc-dc 24>42V), a iria igual uns R$ 2 mil em bateria. Então isso, além de desperdiçar uns 20 a 40% da energia (20 a 30% no inversor, 10 a 20% no carregador) sai bem caro.

    E não adianta ligar uma bateria 12V 40Ah em 3 paineis 140W em paralelo, pra ter 12V pro inversor, porque essa bateria seria 80% descarregada todo dia (A proteção do controlador atua e impede descarga total), ou seja, teria 1 ciclo sendo comido cada noite, e a bateria vai durar uns 100 a 150 ciclos se for 80% descarregada:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         Baterias_Freedom_Ciclos_de_Vida_02.jpg
Visualizações:	78
Tamanho: 	104,3 KB
ID:      	62003
    Se isso ocorrer toda noite, será 1 ciclo por dia, então em 100 a 150 dias essa bateria vai ter metade da capacidade, e em mais 100 a 150 dias vira sucata, fica inútil.

    Ou seja, essa solução com inversor alimentando carregador 48V é péssima a partir de painel solar por isso, painel não tem tensão fixa, a tensão varia muito.
    (E por isso controlador de carga MPPT é muito melhor, ele aproveita melhor as tensões baixas, coisas que controlador tipo PWM não consegue)

    Pra não comer ciclos profundos é bom ter bateria maior, 24V 115Ah como sugeri vai comer 1 ciclo de 80% por semana sem sol, se tiver umas 10 dessa no ano ainda deve durar 5 anos, o resto do tempo vai ter descarga de apenas uns 15%, onde deve durar 2000 ciclos, ou 2000 dias, que dá mais de 5 anos igual (Na prática quem vai matar as baterias depois de uns anos é o esquenta e esfria, a variação entre dia e noite passa fácil dos 20°C, isso é suficiente pra comer 1/3 da vida da bateria, isso ocorreria em uso outdoor seja 12, 24 ou 48V, com essa variação é quase impossível chegar em 6 a 8 anos que o uso indoor consegue. Se somar descarga tipo 30% por dia (E inversor gastando mais ia dar descarga um pouco maior) e bateria esquentando demais por sol de dia, e pegando vento gelado de madrugada, aí é difícil chegar em 4 anos, se não tiver um local bom pras baterias é melhor não investir numas muito caras.

    115Ah na verdade não ficar ideal pro seu uso, bom seria algo que em C100 tem uns 140Ah, mas a Freedom não tem, ela tem 115Ah e depois pula pra 165Ah, pula pra DF2000 pra DF2500. Se tiver dinheiro claro que 2 de 165Ah, ou 2 de 185Ah, vai servir bem.

    E outra coisa que só me toquei agora: Cada par onu/odu consome 40W. Mas... onde esse radio vai estar ligado? Se for um ponto intermediário num PTP terá 2 rádios desses, não é esse o caso?
    Se for, seria 80W ao todo, aí realmente fica mais em conta 2 paineis 48V, controlador 48V, e 4 baterias 12V.






Tópicos Similares

  1. Enlace com radio Ceragon com energia solar
    Por kacco no fórum Redes
    Respostas: 17
    Último Post: 02-05-2017, 14:55
  2. Enlace com radio digital
    Por alexssinal no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 6
    Último Post: 23-02-2016, 09:17
  3. Respostas: 7
    Último Post: 28-03-2007, 10:07
  4. Torre Wirelless com emergia solar
    Por evertonfritz no fórum Redes
    Respostas: 4
    Último Post: 28-06-2006, 20:15
  5. Radio WL-102 com firmware do Ovislink WL5460
    Por Good_speed no fórum Redes
    Respostas: 4
    Último Post: 12-06-2006, 15:00

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L