-50 a -62dBm tá ótimo pra MCS7.

Acima de -40dBm é comum o CCQ começar a cair, por perda de pacote. A maioria dos AP's recebe tudo de forma ilegível acima de uns -30dBm, as vezes uns aguentam até -20dBm.

-65dBm é meio que pouco pra MCS7, é sinal baixo a meu ver, tem que ver no datasheet a sensibilidade do datarate, na maioria das CPE's é algo tipo -75dBm de SENSIBILIDADE, e é bom manter uma margem entre sensibilidade e sinal na casa dos 12dBm.

10dBm de margem (Sensibilidade a -75dBm, sinal a -65dBm) seria o mínimo pra ter perda tipo 10%.
Que alias é taxa de erros na sensibilidade nalguns datasheets, aqui de um TP-Link (Só posto esse porque a UBNT e MK não dizem a taxa de erros, mas se padroniza a informação com 10%):
Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         per.jpg
Visualizações:	28
Tamanho: 	37,3 KB
ID:      	62388

Convenhamos que 10% de erros é absurdo pra provedor, 1 ping perdido a cada 10 não dá.

O calculo de erro é meio controverso igual definir SNR mínimo, mas uma margem de 10dBm de qualquer forma seria o mínimo do mínimo pra conexão ficar em pé.
Eu vou com esse cara aqui e pego 12dBm como mínimo do mínimo em distância curta (Subindo 1dBm a cada X distância):
http://mayo.nuvisions.net/ubnt_link/
(Sina ruim fica vermelho, bom em verde)

No forum da UBNT dá trabalho fazer gringo entender (Ô povinho lerdo!), mas alguns falam até em 20dBm como margem decente (Ou seja, o sinal mínimo rumo a um Ubiquiti com MCS7 devia ser uns -54dBm (Já que a sensibilidade nesse datarate é de -74dBm).
https://community.ubnt.com/t5/Wirele...dB/td-p/464171

E também tem que ver o SNR, caso use sinais baixos em datarates altos.
EXemplo de uma tabela de SNR mínimo:
Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         SNR-table.jpg
Visualizações:	30
Tamanho: 	40,2 KB
ID:      	62389

Googlando por minimal SNR wireless vai achar um monte.
o maior datarate aí é MCS15, que dá na mesma que MCS7. O SNR recomendado é pelo menos 32dB.

Se o ruído de fundo (Noise floor) está em -92dBm (Normal em cidade é ver uns -95dBm), -92 + 32 = -60dBm.

Não é apenas SNR. Não é apenas margem sobre a sensibilidade. Tem que respeitar os 2.
(Senão poderia pegar um SXT com sensibilidade de -116dBm em MCS0, e usar esse SNR de 14dB, que conectaria mesmo com sinal -102dBm, mas não conecta, precisa lá pelos -85dbm mesmo no menor datarate. SNR é informação auxiliar, não dado único pra decisão)

Enfim, o limite superior de sinal (Sinal alto demais) vai de uns -20 a -40dBm.
E o limite inferior está no datasheet, é a sensibilidade. Mas respeitar só a sensibilidade só garante conexão em pé, a taxa de erros é enorme. Pra ter throughput decente precisa um sinal pelo menos 12dBm acima da sensibilidade. Se usar MCS7 eu diria que o range rumo a um equipto UBNT comum vai de -40dbm até -62dBm.
(Se baixar pra MCS4, vai de -40 até -73dBm. O limite superior não muda)


O problema é wifi não nasceu pro nosso uso, nasceu pra usar em casa, dados de relevância baixa, um bit error rate de 10% é perfeitamente aceitável nesse cenário, por isso os padrões do IEEE usam essas sensibilidades que parecem lindas, mas na prática pra gente não adianta só ter sinal suficiente pra conectar, precisa ter sinal suficiente pra ter ZERO perdas de pacotes.