Página 2 de 2 PrimeiroPrimeiro 12
+ Responder ao Tópico




  1. Existe coolers de 12 x 12 ou 15 x 15 até maiores ou menores que são utilizados para esse fim. Recomenda-se que use para exautão, é importante que o ar circule em seu ambiente interno.



  2. Esta pastilha termoelétrica é boa mas o consumo de energia é muito alta(4 pastilha são 4*5 Amperes(20 Amperes);( consumo por pastilha) * 24 Horas(se estiver no sensor de temperatura economiza um pouco = 480 Amperes(24 Horas) * 30 dias =14400 Amperes no mes * 12 Volts = 172800 Watts / 1000 = 172,8 Kw que o consumo de um ar inverter de 12.000 Btus em ambiente CPD.

    Para refrigerar o rack do amigo ou ranca as tampas e deixa o no sentido do fluxo de ar vindo do ar condicionado ou coloca uns coolers grandes de rolamento ,mas se tiver bandeja no rack ai não tem jeito tira as tampas.

  3. Pra mim o problema de ar-condicionado é resfriar o que não precisa.

    Servidor comum gera em calor uns 300 a 400 BTU's, alguns até informam na ficha técnica. Servidores decentes geram 200 a 300 BTU's em calor.

    E... uma pastilha Peltier de 60W tem capacidade de resfriamento de justamente uns 200 BTU's. (3,4 BTU's por Watt, seria essa a média, tanto pra cálculo de aquecimento de servidor como pra resfriamento por Peltier)

    Na prática a troca de calor depende da pasta térmica, dos dissipadores, dos fan's, mas é diferença de, quando muito, 10%. Fora que as pastilhas que tenho e que vejo a venda são de 65W, seria 224 BTU's, ainda que faça uma troca que perca 10%, ainda está no valor de um servidor eficiênte.


    Mas 200 BTU's realmente se troca com vento, não precisa resfriamento forçado. Só de puxar ar frio de fora, ou jogar o ar quente pra fora da sala, já vai ter troca que dê conta fácil de uns 500 BTU's de servidor.


    Peltier é ineficiente (BTU por watt consumido), mas ar-condicionado com compressor precisa ter tamanho enorme pra ser viável, não fabricam mais os modelos de 5500 BTU's então tem que partir pros de 7500, e... usar um produto que resfrie 7500 BTU's numa sala com servidor que aquece quando muito 400 BTu's é um desperdício enorme de energia.

    E servidor que PRECISA 20°C é coisa dos anos 90, data-center de alta temperatura já existe, opera na faixa dos 40 a 45°C, e data center comum não precisa ficar abaixo de 30°C, a troca de calor pelos dissipadores é eficiênte, geralmente se precisava ambiente a 20°C pros componentes toscamente ventilas ficar a 40°C mas hoje isso ocorre mesmo com o ambiente a 30°C,. Idem pra HDD, os componentes de proteção contra EMI e cia acabam fazendo uma troca interna de calor muito boa, com a carcaça a 40°C as partes internas estarão não muito além dos 45°C, e isso não dá uma vida útil de menos de 5 ou 6 anos (Gastar R$ 2 mil em eletricidade pro ar-condicionado por ano, pra diminuir essa temp. em 10°C, e aumentar a vida útil da peça pra 8 anos não tem utilidade já que nesses ambientes um hardware com 8 anos já está defasado faz 3 anos).

    Aqui um server ineficiênte de uns anos:
    http://www-01.ibm.com/common/ssi/cgi...97/ENUS113-153
    460 BTU's no uso mínimo.
    Em full vai realmente pra mais de 3000 BTu's, mas pra fazer isso chegar em full precisa muito uso, num uso comum em provedor isso fica quase em iddle, gerando em calor uns 500 BTU's.






Tópicos Similares

  1. Respostas: 7
    Último Post: 02-11-2013, 09:28
  2. Alguém tem ideia do que seja isso?
    Por hostjunior no fórum Sistemas Operacionais
    Respostas: 3
    Último Post: 09-07-2013, 09:22
  3. Organização do Rack de rede ?
    Por robsoncb no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 5
    Último Post: 14-12-2010, 19:12
  4. resfriamento do MK
    Por jhonnyp no fórum Redes
    Respostas: 4
    Último Post: 07-01-2008, 12:22
  5. Alguem tem ideia\ desse erro louco do squid?
    Por fisiconuclear18 no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 2
    Último Post: 28-12-2005, 08:14

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L