Página 3 de 4 PrimeiroPrimeiro 1234 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico

  1. A Omnitik vai atender poucos clientes porque é um rádio só, e não é a coisa mais poderosa do mundo, é um hardware básico, é mais básico que uma RB911lite5, é coisa pra começo mesmo, pra 30 clientes pagantes.

    A SXT SA5 é um hardware um pouco mais parudo (Que a Omnitik), e por ter antena de 90° te obriga a usar 4 pra fechar a cobertura em 360°, o preço sobe mas a qualidade sobe junto pelas melhorias que um setorial dá (Com relação a um omnidirecional) mas também por ser um hardware melhor (O dobro de Ram que a Omnitik, um chipset bem mais moderno). A SXT SA5 em processamento tá no nível da RB912 mais barata. Só que elas não tem homologação da Anatel, e a antena de 90° dela é mais limitada, 13dBi, é de construção simples, não dá pra esperar dela o mesmo desempenho de uma solução com antena mais cara. Não sei arriscaria mais de 30 conexões simultâneas nela (120 simultâneos na torre (Mas na vida real os clientes não ficam igualmente distribuídos ao redor), seria algo tipo 200 a 2500 pagantes dependendo do perfil deles, tem quem use o dia todo, outros usam 10h por semana...).

    Tem muita opção porque cada uma atende um público. Eu sugiro muito a Omnitik pra aprender, pra pegar o hábito de caprichar em instalação (Equipto de R$ 3 mil porcamente instalado terá desempenho pior que um de R$ 300 bem instalado), pra ver como é o mundo real em matéria de visada e zona de Fresnel, essas coisas que influenciam MUITO mas que quem nunca instalou antena duvida que seja tão importante ("É rapidinho, é só jogar a antena em cima do telhado, passar o cabo de rede, e tá instalado").

  2. Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    A Omnitik vai atender poucos clientes porque é um rádio só, e não é a coisa mais poderosa do mundo, é um hardware básico, é mais básico que uma RB911lite5, é coisa pra começo mesmo, pra 30 clientes pagantes.

    A SXT SA5 é um hardware um pouco mais parudo (Que a Omnitik), e por ter antena de 90° te obriga a usar 4 pra fechar a cobertura em 360°, o preço sobe mas a qualidade sobe junto pelas melhorias que um setorial dá (Com relação a um omnidirecional) mas também por ser um hardware melhor (O dobro de Ram que a Omnitik, um chipset bem mais moderno). A SXT SA5 em processamento tá no nível da RB912 mais barata. Só que elas não tem homologação da Anatel, e a antena de 90° dela é mais limitada, 13dBi, é de construção simples, não dá pra esperar dela o mesmo desempenho de uma solução com antena mais cara. Não sei arriscaria mais de 30 conexões simultâneas nela (120 simultâneos na torre (Mas na vida real os clientes não ficam igualmente distribuídos ao redor), seria algo tipo 200 a 2500 pagantes dependendo do perfil deles, tem quem use o dia todo, outros usam 10h por semana...).

    Tem muita opção porque cada uma atende um público. Eu sugiro muito a Omnitik pra aprender, pra pegar o hábito de caprichar em instalação (Equipto de R$ 3 mil porcamente instalado terá desempenho pior que um de R$ 300 bem instalado), pra ver como é o mundo real em matéria de visada e zona de Fresnel, essas coisas que influenciam MUITO mas que quem nunca instalou antena duvida que seja tão importante ("É rapidinho, é só jogar a antena em cima do telhado, passar o cabo de rede, e tá instalado").

    rubem, obrigado pela sua colocação.

    Como é algo para poucos clientes, e de inicio não chegara a ter estes supostos 30 usuários conectados que a omni atende, estou considerando bastante essa ideia de começar com omni e sxt.

    Até para aprender melhor a configurar os equipamentos, e caso a aquisição de clientes aumente eu ja terei subsidio (R$) para melhorar os equipamentos e implementar as setoriais.

    Com o cenário da seguinte forma:
    - Clientes com SXT
    - Torre com OmniTik
    - Devo ter uma RB450G para autenticar os clientes ?
    - Preciso de um servidor fisico com mikrotik para cache, dns, etc ?

    Obrigado a todos que tem contribuído com respostas e dicas.



  3. Pode começar só coma a Omnitik no alto, e uma RB450G em baixo na autenticação e controle de velocidade.

    Cache só faz diferença com muitos clientes, com apenas 20 ou 30 clientes a chance de reuso de algum arquivo estático é muito pequeno. Com 100 clientes ainda acho que cache não compensa, as pessoas não acessam TODAS os mesmo conteúdo, se todos acessassem os mesmos vídeos do Youtube ou XVideos aí sim faria muita diferença. Economia sempre há, mas um server de cache ligado 24x7 gasta uns R$ 70 ou mais na conta de luz, fora custo inicial e manutenção, não compensa.

    Idem pra servidor DNS, ou um serviço de email, esse tipo de coisa não tem necessidade, depois dos 200 ou 300 clientes um DNS local ajuda, mas antes disso o cache de DNS da RB450G já tá bom demais, ativa o server DNS dela que como server PPPoE e controle de banda ela vai te atender até uns 100 a 150 clientes, acima disso depende do consumo e do tipo de regra usado (Dá pra chegar a 180 ou 200 segundo alguns, não sei, configuração de roteamento não é comigo).



    Ah, falei uns 30 clientes pagantes pra Omnitik, é diferente ter 30 clientes conectados e navegando! Isso ela não aguenta, aguenta uns 15 navegando, se tiver meia duzia com a CPE ligada, mas sem navegar, não pesa nada, mas hora que for chegando nos 25 aparecendo conectados (Que deve significar uns 20 navegando as vezes (Smartphone consome a cada X segundos)) é hora de começar a estudar a troca/acréscimo. Pode colocar uma SXT SA5 abaixo da Omnitik (1,5m abaixo), virada pro lado com mais clientes (8 ou 9 já desafogam a Omnitik) e conectar esses clientes pra esse lado (1/4 de círculo, 90°) nela. Depois põe outra SA5 em outro lado com mais gente, e assim vai. Encher a torre com 4 setoriais 90° as vezes não é lucro, eu já tive 45 clientes numa setorial, e na outra nas costas dela tinha 2, e noutra torre com setoriais 120° uma delas passou 3 anos sem NENHUM cliente, nenhum morador naquela direção era meu cliente, comprei 3 rádio e antena a toa, podia ter comprado só 2.

    Dependendo da origem do link pode precisar mais equipto, mas digamos que o link chega e você tem ele num cabo ethernet, basicamente liga ele na RB450G, gerencia autenticação e controle de banda nela, manda por outro cabo pra Omnitik lá no alto da torre, e tá feito o começo.

    O que dá trabalho mesmo é subir em telhado, ver as árvores na frente, e explicar pro cliente que com as árvores no meio não tem como atender ele. Nessa hora muito iniciante sucumbe e topa fazer instalação sem visada, ai a qualidade geral até das outras conexões cai, mal tem 10 pessoas conectadas na Omnitik em planos de 1M, e a navegação está péssima!


    Ah, falei nuns 15 navegando na omnitik com planos tipo 1 ou 2M, todos usando dupla-polarização, com datarate tipo MCS12. Porque se usar polarização simples, um plano de 2M em polarização simples pesa por 4M em polarização dupla, consome muito recurso a toa. Com esse equipamento não tem como vender planos de 5 ou 10M pra mais de 10 clientes pagantes, só se for tudo dona-de-casa que só sabe usar Facebook e WhatsApp, porque se tiver 1 adolescente que passa o dia pendurado em p2p e jogos online ele consome recurso de 5 clientes pacatos.

  4. Senhores, dentro do assunto de equipamentos para provedores, me digam o que faço para corrigir um serio problema de interferncia que estamos enfrentando na nossa saída do link.
    Detalhes do sistema: Usamos um par de Rocket M5 com um par de Rocket dish de 30 dbi com radomes. Na rede usamos uma RB Mikrotik 920, 2 Rocket M5 com 2 Basestacion Am-5g 19dbi 90º.
    A interferência acontece na Torre de onde recebemos o link, acredito que pela quantidade de torres com dezenas de antenas ocupando todos os canais em 5.8.
    Nossa rede poderia operar sem problemas com até 150 clientes com o modelo de ilhas por pawer beam como stacion, e de 60 a 80 com o modelo convencional; estou certo?
    Nosso objetivo é alcançar 300 clientes com modelos de ilhas e acabar com essa interferência maldita que tem reduzido a nossa banda em até 60%; O que faço, podem me ajudar?
    Minha rede precisa de uma nova configuração?
    Que equipamento uso para corrigir a interferência na saída do link?
    Obs: O nosso PTP é de 28km.
    Os clientes estão até 5km da nossa torre.

  5. Olá @Danielcordeiro!
    Faça um teste com as nossas Parábolas Sólidas Blindadas (no PTP) e Setoriais Blindadas (no PMP) + Caixas Blindadas Fit (para as RBs).
    Se o problema for interferência, com certeza será resolvido.

    Uma antena com radome não garante maior nível de blindagem a ruído, somente proteção (e maior estabilidade) para dias chuvosos e intempéries.






Tags para este Tópico

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L