Página 6 de 8 PrimeiroPrimeiro ... 2345678 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico

  1. Olá, amigo Rubem... as fontes desses dois links abaixo são fontes nobreak DC ou fonte de alimentação normal?

    http://www.cinestec.com.br/product_i...ducts_id=20542

    http://produto.mercadolivre.com.br/M...v-chip-pwm-_JM

    Obrigado.

  2. As 2 são fontes.

    Na Cinestec não tem nenhum nobreak DC.
    No ML tem um monte, e a maioria dos QUE PRESTAM tem "nobreak dc" no anúncio.

    Se alguém anuncia como "fonte nobreak" tem que apanhar, é muito nítido que no-break é uma solução que dá alimentação contínua com ou sem eletricidade, pode ter só 1 fonte dentro, ou pode ter 2, pode ter inversor ou conversor ou nada disso, enfim, o que importa é que no-break pressupõe algo que carrega uma bateria e quando acaba a eletricidade manda essa carga para a saída automaticamente, não faz o menor sentido chamar algo de "fonte nobreak" ou "nobreak carregador".

    Os mais baratos tem só 1 fonte alimentando o equipto e carregando bateria, não tem motivo pra custar mais que isso:
    http://produto.mercadolivre.com.br/M...ivolt-auto-_JM
    Tanto que a solução similar da Volt também é barata, é essa:
    http://www.volt.ind.br/minimax.php

    Pra correntes maiores é mais durável separar, uma fonte pro circuito e outra pra carga das baterias, mas a maioria dos produtos chamados "nobreak DC" já tem essas 2 fontes (VA, Fag, Volt, CCN).




  3. Obrigado pela explicações, amigo Rubens... a maior dúvida na hora de escolher uma fonte "nobreak DC" são os prolemas que começam a acontecer em um tempo relativamente curto uso... pelo custo, certos problemas deveriam ter sido eliminados desde o lançamento do produto, mas ainda persistem, causando dor de cabeça para o usuário, como as fontes da Volt... já li vários relatos de usuários que sofreram com fontes dessa marca e que apresentaram problemas pouco tempo depois de colocadas em uso, isso quando não vinham com defeitos de fabricação.

    O que você acha da fontes de 24Volts x 7Ah da FAG? Pode indicar outras marcas (nacionais ou importadas) seguras e confiáveis e que não dão aquelas dores de cabeça que já conhecemos, como por exemplo, a ventoinha começar a emperrar depois de um tempo de funcionamento?

    Abraço.

  4. Se há medo de fan roncando, e eu também não gosto disso, é só comprar da VA, essas tem ventilação natural, é toda aberta. Eu prefiro VA por isso, e porque tem componentes de marcas boas.

    Não conheço da da FAG de 7A, ela não é cara por causa do painel LCD que a de 10A tem? A de 10A custa uma fortuna por causa de um painel LCD que duvido que usamos mais que 0,0000001% do tempo, eu não pagaria o preço delas nunca, é uma feature que custa caro mas que não vejo lucro nela.

    A marca é boa, mas tem que ver o motivo do preço maior, se é por features que não necessariamente ajudam, se tiver por exemplo um fan 24V isso é um problema grande, já que fan 12V tem a venda em toda esquina mas fan 24V não. Se o preço é mais alto por causa um micro-controlador inteligente no circuito de carga eu entenderia, mas esses nobreaks DC nacionais não tem isso pelo visto (Eu ainda não vi). Se é mais caro, mas por dentro é igual, não vejo porque pagar mais caro.

    VA é mais barato mas os componentes tem marcas ok, tem filtragens e tal, e sem features de utilidade duvidosa (Um painel LCD eu chamo de firula, não de feature) nem tem como custar muito mais caro. O que mais me incomoda em Volt é justamente custa MAIS caro mas ter os MESMOS problemas eventuais com 10 a 20 meses de uso. Se é ambiente que pode ter problema então eu coloco logo controlador solar com fonte chaveada, sai tão mais barato que pode tranquilamente ter sempre uma fonte reserva pra trocar quando a principal pifar.

    (Tá, aquela 24V 10A da FAG é online, ou seja, está sempre com alimentação passando por algum circuito, na hora de trocar a origem da alimentação não tem rele nem nada, isso é ótimo pra equipamento lixo que perde desempenho hora que tem uns spikes na alimentação. As soluções com controlador solar barato, ou fonte chaveada barata, tem um pouco de ripple, dá pra colocar um filtro LC no caminho (E isso custa R$ 2 ou 3 em componentes), mas isso exige um equipamento ok, precisa ser um UBNT ou MK, que toleram um range de tensão decente, e algum ripple do mundo real. Fonte de tensão limpa e perene é meio inútil igual nobreak AC senoidal que custa uma fortuna, a maioria das fontes passa pra DC logo na entrada então tanto faz se é onda quadrada, trapezoidal ou senoidal, não PRECISA senoidal perfeita nessas fontes então nobreak senoidal quase sempre é desperdício de dinheiro. Alimentação ultra-limpa em MK ou UBNT que tolera tranquila ripple de 50mW também é só perda de dinheiro, o VRM deles filtra isso, gastar R$ 600 a mais pra evitar esse ripple não aumenta a vida útil das RB's ou dos AP's UBNT de modo tão relevante. O circuito dessas FAG online de 10A é lindo, mas PRECISA mesmo de limpeza absoluta? Pra MK e UBNT não precisa, pode usar algo bem simples)

    Muito problema de fonte DC pifando é erro no dimensionamento, se o nobreak DC de 7A manda pras baterias cerca de 6A (Como os VA), isso é corrente pra bateria de menos de 60Ah (Capacidade é em Ah, corrente de consumo é em A porque está implícito que todo consumo é por hora). Se alguém for besta de colocar carregador de 6A em bateria de 150Ah o carregador vai ficar carregando por umas 35 horas, vai ficar quente pra caramba por 35h, enquanto carregando baterias de 50Ah vai ficar quente por apenas umas 12h. Circuito quente tem mais é que pifar! Por isso tem que planejar o ambiente e consumo de modo que não faça a fonte ficar quente o tempo todo. Se for pendurar um consumo de 6A numa fonte de 7A tem mais é que tomar na testa mesmo, consumo médio é uma coisa, mas sempre tem picos de até 50% a mais que o consumo médio (Não é porque alguém numa olimpíada levante 200kg que essa pessoa conseguiria trabalhar todo dia como saqueiro carregando 3 sacos somando 180kg, se fizer isso vai ter uma lesão na coluna depois de poucos dias, vai ter que carregar só 1 saco de 60kg igual todo mundo). Na dúvida, fique com a média abaixo de 50% do que a fonte promete, se promete 7A eu não colocaria consumo médio de mais de 3,5A, e se a fonte estiver esquentando eu colocaria ventilação externa (Um fan 12V de 80mm custa R$ 2 ou 3, uma fonte 12V 0,5A da Multitoc custa R$ 8, isso é uma mixaria frente ao que você perde quando uma fonte pixa).

  5. Amigo Rubem... estou indeciso entre esses dois tipos de fonte estabilizada:

    http://produto.mercadolivre.com.br/M...4v-10a-and-_JM

    http://produto.mercadolivre.com.br/M...w-110v220v-_JM

    A fonte do primeiro link é de uma empresa chamada Andeli e parece ter uma aparência muito bem acabada e robusta em relação a fonte do segundo link.

    Na foto da primeira fonte, eu reparei que ela deve ter um cooler interno... e o que me preocupa, é a ventoinha começar a emperrar depois de um tempo de funcionamento.

    Já segunda fonte, por ser do tipo fonte colmeia, dispensa o uso de cooler por ter uma caixa que permite uma melhor circulação de ar.

    Enfim, que o amigo pode dizer para me orientar nesse ponto?

    Abraço.







Tópicos Similares

  1. Respostas: 10
    Último Post: 05-02-2016, 10:38
  2. Respostas: 19
    Último Post: 04-05-2015, 17:55
  3. Quantos roteadores posso colocar na minha rede?
    Por Rogaciano no fórum Redes
    Respostas: 6
    Último Post: 23-12-2013, 01:26
  4. Quantos clientes posso cadastrar na rb 750
    Por Conectnet no fórum Redes
    Respostas: 6
    Último Post: 26-02-2012, 13:28
  5. Respostas: 2
    Último Post: 28-02-2008, 12:07

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L