+ Responder ao Tópico



  1. #241

    Padrão

    Obrigado pelos esclarecimentos!

    A antena que está lá, é de 12 elementos, contando com o dipolo.
    A Foxtell tem um modelo específico para 700 Mhz. ANTENA 700 Mhz CONECTOR N - CABO 15mt / 24 dBi.
    Mas acho que vou mesmo de Aquário. Além de ser mais barato, tá comprovado o seu bom funcionamento.

    Mapa do direcionamento e distância.
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         sitio-vigia.png
Visualizações:	12
Tamanho: 	1,07 MB
ID:      	69418
    Última edição por sergios; 11-02-2019 às 14:21. Razão: inclusão mapa

  2. #242
    Avatar de Nilton Nakao
    Ingresso
    Sep 2013
    Localização
    Carlos Chagas, Minas Gerais
    Posts
    1.070

    Padrão Re: Por que o 4G B3 no smartphone só funciona perto das torres?

    Para que se tenha una comunicação segura, a antena precisa estar livre de obstáculos em direção à ERBs( torre da operadora). Atualmente ficamos como esses radio-amadores malucos que operam e ainda operam em 120, 90, 60, 49, 31, 22,, 19, 11( PX), 2( PY) metros; Para cada uma dessas faixas, os dipolos possuem um tamanho de seus irradiantes. Na faixa de celular 0,3, 0,2, 0,1 mt que para alguns consideram como micro-ondas( nossos mico-ondas funciona em 1,2 GHz) não é diferente, Cabos coaxiais mais adequados são cellflex ou guias de onda( impossível) mas levar o aparelhos mais próximo da antena é a solução mais plausível.
    Antenas tipo log-peródicas( 700 MHz a 2600 MHz) são as ideais, mas perde muito em seu rendimento real. Um sinal com uma antena exata no Fo a -90 dBm, deve chegar a -98 ou -100 mas tem a vantagem de não precisar ficar tocando a antena caso troque de operadora ou a ERB queime numa tempestade. Nesta cidade a Vivo funciona com 850 em 3G e na ligação por voz muda para 2G em 900, a Claro 2600 em 4G e 1800 em 3G ou GSM. Oi fica na mesma faixa de 1800 e Tim e mesma da Vivo. Pontos de cobertura em 3G da Claro é menor do que 4G e para completar desligando o serviço de dados fica uma sensação que o aparelho perde o desempenho qualquer que seja a operadora.

    ANATEL quer que todo município com população inferior a 30 mil habitantes, tenha pelo menos as 4 maiores operadoras. Possui um decreto presidencial feito pelo Temer e sem veto do Bolsonaro, nas comunidades que não tenham sinal de celular as operadoras precisam instalar antenas em 4G talvez até mesmo 3G em substituição ao orelhões que mais estão quebrados do que funcionando. Acredito que o seguro sobre os fretes tenderão a cair.
    Nesta região o monopólio é da Oi para voz em cidades da região, mas Vivo no caso de celulares e possuem um péssimo atendimento ao cliente, mas outras não ficam tão atrás se precisar de trocar o chip, validando o mesmo número; no meu caso 500 km entre ida e volta só para trocar por uma versão nova do chip, ou talvez até a capital( BH) que seria 1200 km affffff.
    São cerca de 1600 cidades que possuem apenas uma operadora, muitas só com GSM que no fim pode ser quase 5000 cidades se levar em conta povoados, distritos e comunidades indígenas, quirombolas, assentamentos e afins( imigrantes, religiosas etc).



  3. #243

    Padrão Re: Por que o 4G B3 no smartphone só funciona perto das torres?

    Citação Postado originalmente por sergios Ver Post
    Obrigado pelos esclarecimentos!

    A antena que está lá, é de 12 elementos, contando com o dipolo.
    A Foxtell tem um modelo específico para 700 Mhz. ANTENA 700 Mhz CONECTOR N - CABO 15mt / 24 dBi.
    Mas acho que vou mesmo de Aquário. Além de ser mais barato, tá comprovado o seu bom funcionamento.

    Mapa do direcionamento e distância.
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         sitio-vigia.png
Visualizações:	12
Tamanho: 	1,07 MB
ID:      	69418
    As antenas yagis da Aquário tem como característica também que, as de 850Mhz tem o tubinho plástico do dipolo curvado, de cor preta, a 900Mhz de cor laranja, e a 700Mhz foi lançada de cor azul.

  4. #244

    Padrão Re: Por que o 4G B3 no smartphone só funciona perto das torres?

    Experimente, quando tiver oportunidade, colocar o próprio amplimax no mastro onde está a antena e, pelo computador, fazer a busca cega.



  5. #245

    Padrão Re: Por que o 4G B3 no smartphone só funciona perto das torres?

    Citação Postado originalmente por JoaoBC Ver Post
    Experimente, quando tiver oportunidade, colocar o próprio amplimax no mastro onde está a antena e, pelo computador, fazer a busca cega.
    Eu fiz isso, só pegou 3G da Claro em 850 Mhz. Mas não registrava por seu um sinal muito fraco.
    Foi por isso que fiquei em dúvida e relação a antena. Pois ela pega 700 (TIM) e 850 Mhz (Claro). Isso, ela ligada no Amplimax.
    Quando ligada no celular de mesa, pega Oi e Vivo, que provavelmente são 1800 e 1900 MHZ.
    Até onde sei, a Aquário não tem antena que pega 700 Mhz, junto com outras frequências. Mas essa que está lá, pega, ainda bem!

  6. #246

    Padrão Re: Por que o 4G B3 no smartphone só funciona perto das torres?

    Citação Postado originalmente por sergios Ver Post
    Eu fiz isso, só pegou 3G da Claro em 850 Mhz. Mas não registrava por seu um sinal muito fraco.
    Foi por isso que fiquei em dúvida e relação a antena. Pois ela pega 700 (TIM) e 850 Mhz (Claro). Isso, ela ligada no Amplimax.
    Quando ligada no celular de mesa, pega Oi e Vivo, que provavelmente são 1800 e 1900 MHZ.
    Até onde sei, a Aquário não tem antena que pega 700 Mhz, junto com outras frequências. Mas essa que está lá, pega, ainda bem!
    Vamos lá. Vou explicar minha experiência de instalador sobre o assunto.

    Como você contou que é uma antena de 12 elementos, pode-se descartar a possibilidade do telefone interno estar captando sinais em 1800/1900Mhz. As antenas para essa faixa são de grade ou do tipo pirulito. Outro item que corrobora com o descarte dessas frequências é o fato de frequências altas não se propagarem muito mais do que 10Km da ERB. 1800Mhz poderia até captar acima, mas com parabólica de ganhos superiores a 30dBi e com visada livre. Não é o caso do seu cenário.

    Faço uma dedução que o celular de mesa instalado aí, deve ser modelo Aquário 2G antigo ou Intelbras (isso é uma dedução/exercício de vidência). Tendo em vista essa dedução, afirmo também dedutivamente que os sinais captados por esse equipamento são OI em 900Mhz e Vivo em 850Mhz. Tudo em 2G

    Se o Amplimax está captando Claro é porque é 3G em 850Mhz (enquanto a Vivo opera o 850Mhz para 2G). Deveria estar captando também a OI e a Vivo, entretanto deve ser alguma configuração interna do Amplimax que só está captando 3G/4G.

    Pergunta: Você tentou efetuar uma chamada com o Amplimax em 700Mhz? Verificou para qual frequência ele rebaixa durante a chamada? (Provavelmente 3G em 850Mhz da Tim também)

    Citação Postado originalmente por sergios Ver Post
    Até onde sei, a Aquário não tem antena que pega 700 Mhz,junto com outras frequências.
    Não tem realmente. E tenha isso em mente e leve para a vida: Nenhuma antena multibanda (2 ou mais bandas) será tão boa ou funcional quanto uma antena banda única.

    Citação Postado originalmente por sergios Ver Post
    Mas essa que está lá, pega, ainda bem!
    As antenas são projetadas para captar e transmitir em uma larga faixa do espectro, acima e abaixo da frequência central. Isso se deve por dois motivos essenciais.
    O primeiro é porque as operadoras, apesar de trabalharem na mesma banda, não operam na mesma frequência. Exemplo: A claro aó opera o 3G em 850Mhz e a Vivo opera o 2G em 850Mhz, entretanto em frequências diferentes dentro do mesmo espectro, Com saltos de 10Mhz a 50Mhz da faixa central.

    O segundo motivo é porque o downlink (sinal Torre>>Celular) e o uplink (sinal Celular>>Torre), são feitos em frequências diferentes dentro da mesma faixa. Digamos que a Claro opere o 3G de 850Mhz com downlink exato em 885Mhz (ainda dentro do espectro 3G 850Mhz) o uplink será obrigatoriamente feito na frequência de 840Mhz.
    Perceba a diferença entre as frequências de downlink e uplink para operação da torre.

    Por isso as antenas de 900Mhz, 850Mhz, 700Mhz tem um espectro amplo. Captam sinais emitidos pelas outras bandas/faixa de frequência, entretanto (frise bem o ENTRETANTO) o ganho direcional da antena não será o mesmo que uma antena projetada para a faixa.
    Ai no seu caso que você captou 4G em 700Mhz, provavelmente foi por uma antena de frequência maior. Ela capta o 700Mhz devido ao espectro superior dessa faixa, estar dentro do espetro inferior da antena, mas com ganho direcional menor. Poderia chutar que essa antena de 12 elementos tem um ganho direcional de 14dBi. Ela captaria portanto o 700Mhz com perda a uns 10dBi no downlink e devolveria na faixa baixa do 700Mhz somente uns 5~6dBi.
    Já uma antena de 700Mhz (CF 720 de 20dBi) faria essa captação e sinal de uplink com o mesmo ganho de 20dBi nas duas extremidades da faixa.

    Falando ainda sobre o Amplimax, com sua antena interna e colocado direto no mastro, tenha em mente que essa antena interna é multibanda e modelo setorial (de larga abertura), então ela até capta os sinais a grande distância, mas devido a sua larga abertura direcional, ela não consegue concentrar o feixe do sinal de retorno para ERB. Por isso a dificuldade de conexão.