Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão MK AC ou UBNT AC

    Pessoal qual passa mais banda para quem já testou A linha Ac da Mikrotik ou a linha AC da UBNT?

  2. #2

    Padrão Re: MK AC ou UBNT AC

    também me interesso por esse assunto !



  3. #3

    Padrão Re: MK AC ou UBNT AC

    MK , não só mais estabilidade, mas queima menos porta lan, potencia de saída etc, software mais bem acabado, mais ágil e rápido.

  4. #4

    Padrão Re: MK AC ou UBNT AC

    Infelizmente a linha AC da MikroTik está parada no tempo, e até fez uma regressão comparado à linha N, por não ter Spectral Scan, ou seja, tem que sair chutando canal para sair da interferência. Não tem como usar um equipamento que não te dá uma função básica para definir o canal sem ficar derrubando seus clientes e degradando sua conexão por longos minutos ou horas de teste de canais. Em contrapartida, a linha AC da Ubiquiti tem um segundo rádio só para o AirView, para fazer a análise de espectro sem nem desconectar os rádios dos clientes.

    Mesmo ignorando essa questão, a Ubiquiti está muito além no desenvolvimento de seus equipamentos e protocolos wireless. Ela tem filtros dinâmicos (AirPrism), chip dedicado para o agendador TDMA do AirMax, chipset próprio (Invictus), e um protocolo bem mais estável, coisas que a MikroTik nem sonha ainda.

    Na geração dos equipamentos N, MikroTik seria a escolha sem nem pensar, mas, apesar de ainda ser mais configurável e ter um hardware de histórico de mais durabilidade, não vale a pena jogar dinheiro fora com ela se quer trabalhar com AC. O que salva e dá esperança à MikroTik na área wireless atualmente são apenas seus equipamentos de 60GHz, mas até a Ubiquiti já está trabalhando em soluções nessa frequência, com equipamentos já em teste beta.



  5. #5

    Padrão

    Citação Postado originalmente por TsouzaR Ver Post
    Infelizmente a linha AC da MikroTik está parada no tempo, e até fez uma regressão comparado à linha N, por não ter Spectral Scan, ou seja, tem que sair chutando canal para sair da interferência. Não tem como usar um equipamento que não te dá uma função básica para definir o canal sem ficar derrubando seus clientes e degradando sua conexão por longos minutos ou horas de teste de canais. Em contrapartida, a linha AC da Ubiquiti tem um segundo rádio só para o AirView, para fazer a análise de espectro sem nem desconectar os rádios dos clientes.

    Mesmo ignorando essa questão, a Ubiquiti está muito além no desenvolvimento de seus equipamentos e protocolos wireless. Ela tem filtros dinâmicos (AirPrism), chip dedicado para o agendador TDMA do AirMax, chipset próprio (Invictus), e um protocolo bem mais estável, coisas que a MikroTik nem sonha ainda.

    Na geração dos equipamentos N, MikroTik seria a escolha sem nem pensar, mas, apesar de ainda ser mais configurável e ter um hardware de histórico de mais durabilidade, não vale a pena jogar dinheiro fora com ela se quer trabalhar com AC. O que salva e dá esperança à MikroTik na área wireless atualmente são apenas seus equipamentos de 60GHz, mas até a Ubiquiti já está trabalhando em soluções nessa frequência, com equipamentos já em teste beta.
    Eu só uso ubnt em celulas ptmp e confesso que e mais por que o mercado me obriga pois a uma enxudada de equipamento ubnt, mais mais em ponto a ponto só mikrotik, se vc souber trabalhar com o ac reguladinho é top, e acho muito melhor que ubnt, tenho mais gerencia. Agora achar canal e facil com o frequenc usage da mikrotik o melhor na minha opniao. Dica coloca uma omni 5.8 com groove no meio das celulas e acima e faz um scan com frequenc usage acha o canal que melhor te conven e depois desliga o wifi do groove,otimo melhor que tem.

    print cartao 3 chainClique na imagem para uma versão maior

Nome:	         teste1.png
Visualizações:	32
Tamanho: 	199,9 KB
ID:      	69550

  6. #6

    Padrão Re: MK AC ou UBNT AC

    Citação Postado originalmente por TsouzaR Ver Post
    Infelizmente a linha AC da MikroTik está parada no tempo, e até fez uma regressão comparado à linha N, por não ter Spectral Scan, ou seja, tem que sair chutando canal para sair da interferência. Não tem como usar um equipamento que não te dá uma função básica para definir o canal sem ficar derrubando seus clientes e degradando sua conexão por longos minutos ou horas de teste de canais. Em contrapartida, a linha AC da Ubiquiti tem um segundo rádio só para o AirView, para fazer a análise de espectro sem nem desconectar os rádios dos clientes.

    Mesmo ignorando essa questão, a Ubiquiti está muito além no desenvolvimento de seus equipamentos e protocolos wireless. Ela tem filtros dinâmicos (AirPrism), chip dedicado para o agendador TDMA do AirMax, chipset próprio (Invictus), e um protocolo bem mais estável, coisas que a MikroTik nem sonha ainda.

    Na geração dos equipamentos N, MikroTik seria a escolha sem nem pensar, mas, apesar de ainda ser mais configurável e ter um hardware de histórico de mais durabilidade, não vale a pena jogar dinheiro fora com ela se quer trabalhar com AC. O que salva e dá esperança à MikroTik na área wireless atualmente são apenas seus equipamentos de 60GHz, mas até a Ubiquiti já está trabalhando em soluções nessa frequência, com equipamentos já em teste beta.
    vc sabe oque é q.o.s.. vc sabe oque é htb... vc sabe oque é burst time...vc sabe oque é servidor pppoe vc sabe que é hotspot etc...
    tem mais um monte de coisas que ubnt não tem..
    tenho provedor desde 2005.utilizo os 2 aqui.(não desmereço nem uma delas)
    sou grato ás duas...