Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Sistema para gerenciamento de rotedores

    Nas minhas andanças pelo mundão da internet me deparei com a seguinte ferramenta: http://flashbox.anlix.io/.
    Gostaria de saber se alguém conhece, utiliza, tem experiencia para compartilhar, se vale a pena.
    Tem algo simular que possa ser implementado.
    Pelo que vi, se cumprir o que promete seria uma mão na roda para provedores de internet.
    Caso conheçam outra ferramentas similares, que possam indicar, agradeço.

  2. #2

    Padrão Re: Sistema para gerenciamento de rotedores

    Muito bom, uso aqui e implementei em um provedor com mais de 500 clientes, melhor investimento que fiz, faço tudo remotamente, mesmo o cliente estando com ip invalido e eu fora da rede.
    Fora que não tenho mais problema de:
    * Vírus de DNS;
    * Cliente mexendo nas configurações;
    * tem um APP próprio para o cliente mesmo só mexer no nome do WI-Fi e Senha do Wi-Fi, mais nada.
    * No gerenciamento, eu vejo quantos estão conectado pelo o WI-FI e se estao com sinal bom ou ruim;
    Tem mais coisas que só você usando para ver



  3. #3
    Avatar de Nilton Nakao
    Ingresso
    Sep 2013
    Localização
    Carlos Chagas, Minas Gerais
    Posts
    1.157

    Padrão Re: Sistema para gerenciamento de rotedores

    Bom para os provedores, mas sou contra a menos que o modem e roteador seja do provedor de acesso e olhe lá.
    Internet brasileira é uma das mais liberais do mundo, controle sobre seus dispositivos pode ir contra a legislação brasileira.

    Os provedores que tive contrato, foram contra o uso de roteadores, ameaçando de cobrar multa e cancelar o serviço. Aleguei que assim como o telefone sem fio, o uso de dispositivos é de inteira responsabilidade do assinante que responderá por crime e dolo se for o caso.
    Falha sendo do cliente, que se cobre e cobre caro; todo o sistema de segurança do cliente é da responsabilidade deste; Se o vírus se espalha no servidor de acesso, culpado é o sistema de segurança deste.
    Se existe no mercado roteadores homologados, significa que podem ser usados pelos assinantes. Lembrando que qualquer roteador homologado em qualquer país que obedeça a OITT, órgão da ONU que regula o mercado de telecomunicações não pode receber nenhuma sanção por parte de governos ou empresas.

    Aqui todos os provedores faziam esse controle; após um dos clientes me consultar, obrigou o provedor de acesso a desabilitar esse recurso mas os roteadores da TP-Link os provedores conseguem entrar nele mesmo pela porta wan, Multilaser não, acho que Intelbrás também consegue entrar no firmiware

  4. #4

    Padrão Re: Sistema para gerenciamento de rotedores

    Citação Postado originalmente por Nilton Nakao Ver Post
    Bom para os provedores, mas sou contra a menos que o modem e roteador seja do provedor de acesso e olhe lá.
    Internet brasileira é uma das mais liberais do mundo, controle sobre seus dispositivos pode ir contra a legislação brasileira.

    Os provedores que tive contrato, foram contra o uso de roteadores, ameaçando de cobrar multa e cancelar o serviço. Aleguei que assim como o telefone sem fio, o uso de dispositivos é de inteira responsabilidade do assinante que responderá por crime e dolo se for o caso.
    Falha sendo do cliente, que se cobre e cobre caro; todo o sistema de segurança do cliente é da responsabilidade deste; Se o vírus se espalha no servidor de acesso, culpado é o sistema de segurança deste.
    Se existe no mercado roteadores homologados, significa que podem ser usados pelos assinantes. Lembrando que qualquer roteador homologado em qualquer país que obedeça a OITT, órgão da ONU que regula o mercado de telecomunicações não pode receber nenhuma sanção por parte de governos ou empresas.

    Aqui todos os provedores faziam esse controle; após um dos clientes me consultar, obrigou o provedor de acesso a desabilitar esse recurso mas os roteadores da TP-Link os provedores conseguem entrar nele mesmo pela porta wan, Multilaser não, acho que Intelbrás também consegue entrar no firmiware
    Entendi seu lado.
    O que eu me refiro sempre não é querer controlar o que o cliente faz com sua rede interna.
    Eu acho que se o equipamento for do provedor é até válido.
    Vou dar um exemplo que é muito comum de ocorrer: cliente que reseta o roteador e quer que você abra uma solicitação só para reconfigurar ou trocar senha. Quando os clientes então em um raio de atendimento relativamente pequeno e mais fácil de gerenciar. Agora tem casos, por exemplo, de clientes que ficam a quase 50 Km de distância (clientes residenciais), e que cai nessa situação.
    Acho que a ferramenta ajuda nesses casos. Mas é uma coisa ser analisado fazendo um contraponto de vantagens e desvantagens.



  5. #5

    Padrão Re: Sistema para gerenciamento de rotedores

    Esta e a vantagem do flashbox, resetou em menos de 5 minutos ele pega a ultima configuração salva e restaura, assim volta a navegar com o ultimo SID escolhido e senha.

  6. #6
    Avatar de Nilton Nakao
    Ingresso
    Sep 2013
    Localização
    Carlos Chagas, Minas Gerais
    Posts
    1.157

    Padrão Re: Sistema para gerenciamento de rotedores

    cleicimar boa tarde.
    Aqui os provedores de tanto fazerem viagem perdida ou inútil passaram a cobrar por que:
    1- Roteador desligado ou wi-fi do celular desligado
    2- Rouba a internet do vizinho, reclama se passando por ele; este mudou a SSID ou senha
    3- Pagamento em atraso, atualmente a maioria tolera 30 dias. Depois com velocidade reduzida.
    4- Comprou um novo dispositivo, mas não lembra da senha. Alguns nem sabe o nome de sua rede kkkk

    Yahoo a cada acesso, pede uma nova verificação
    Minha Claro não pode mais ter caracteres repetidos, Uma letra maiúscula, letra minúscula, numeral e símbolo
    Facebook pede para mudar senha constantemente
    Google manda conferir seus dispositivos

    Provedores cobram ou não de acordo com o perfil do cliente. Aqueles que nunca fez uma reclamação ou raramente o fez não cobram sendo na zona urbana; Zona rural dificilmente dá problema, quando acontece é energia.