+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por rubensk Ver Post
    É bom lembrar que há outras agrupamentos além da UNOTEL (que é citada como associação mas é uma empresa com forte ligação com a ABRAMULTI, essa sim uma associação), como a ANID e a Internetsul. A ANID é particularmente interessante para os pequenos pois não há no modelo dela um custo alto de abertura de POP como acontece com a UNOTEL.

    Mas os problemas já listados aqui com a UNOTEL (que não tem mais trânsito Global Crossing como se vê nas tabelas BGP, por motivos que cabe aos representantes da UNOTEL esclarecerem) sugerem que quem puder ter trânsito de mais de uma fonte (Unotel e Oi, ANID e Unotel, Telefonica e ANID, ou qualquer outra combinação que não use rede física ou lógica compartilhada), o faça.

    Há tanto instabilidades físicas (corte de fibras, problemas de roteamento) quanto contratuais (você paga ao prestador, mas ele está pagando os fornecedores dele ?) que podem ser mortais para quem é pequeno competindo com a BrOi, NET ou Telefónica. Ser um sistema autônomo e ter mais de um fornecedor ajuda a sobreviver a essas situações.
    Concordo com você. É impossível ser um verdadeiro concorrente se não houver uma possibilidade de redundância.
    Sobre esses problemas com a UNOTEL eu nunca tinha houvido falar nisso antes, aliás, se forem verdade isso é muito preocupante e carece de maiores pesquisas e pesquisas sérias, pois se trata de um ponto bem fráci: confiança de link!
    Eu também não tinha conhecimento de outras operadoras que vendessem link sem ser na condição de concorrência, o que é o meu problema e de quase todos os outros provedores no Brasil.
    Vou pesquisar sobre eles, se forem alternativa viável, está valendo.
    No caso da abertura do POP da UNOTEL, realmente acho muito caro mesmo, mas como disse antes, era a única outra alternativa.
    Mas não acho que nada disso que foi citado seja motivo de morte do projeto, sei que obstáculos surgirão, mas eles foram feitos para filtrar os vencedores dos outros "comuns".
    Sua posição sobre este assunto "UNOTEL" foi preciosa. Obrigado.

  2. Citação Postado originalmente por rubensk Ver Post
    É bom lembrar que há outras agrupamentos além da UNOTEL (que é citada como associação mas é uma empresa com forte ligação com a ABRAMULTI, essa sim uma associação), como a ANID e a Internetsul. A ANID é particularmente interessante para os pequenos pois não há no modelo dela um custo alto de abertura de POP como acontece com a UNOTEL.

    Mas os problemas já listados aqui com a UNOTEL (que não tem mais trânsito Global Crossing como se vê nas tabelas BGP, por motivos que cabe aos representantes da UNOTEL esclarecerem) sugerem que quem puder ter trânsito de mais de uma fonte (Unotel e Oi, ANID e Unotel, Telefonica e ANID, ou qualquer outra combinação que não use rede física ou lógica compartilhada), o faça.

    Há tanto instabilidades físicas (corte de fibras, problemas de roteamento) quanto contratuais (você paga ao prestador, mas ele está pagando os fornecedores dele ?) que podem ser mortais para quem é pequeno competindo com a BrOi, NET ou Telefónica. Ser um sistema autônomo e ter mais de um fornecedor ajuda a sobreviver a essas situações.
    Mais uma questão: Você já conseguiu contato com algum desses fornecedores e obteve alguma boa proposta?



  3. Citação Postado originalmente por rubensk Ver Post
    É bom lembrar que há outras agrupamentos além da UNOTEL (que é citada como associação mas é uma empresa com forte ligação com a ABRAMULTI, essa sim uma associação), como a ANID e a Internetsul. A ANID é particularmente interessante para os pequenos pois não há no modelo dela um custo alto de abertura de POP como acontece com a UNOTEL.

    Mas os problemas já listados aqui com a UNOTEL (que não tem mais trânsito Global Crossing como se vê nas tabelas BGP, por motivos que cabe aos representantes da UNOTEL esclarecerem) sugerem que quem puder ter trânsito de mais de uma fonte (Unotel e Oi, ANID e Unotel, Telefonica e ANID, ou qualquer outra combinação que não use rede física ou lógica compartilhada), o faça.

    Há tanto instabilidades físicas (corte de fibras, problemas de roteamento) quanto contratuais (você paga ao prestador, mas ele está pagando os fornecedores dele ?) que podem ser mortais para quem é pequeno competindo com a BrOi, NET ou Telefónica. Ser um sistema autônomo e ter mais de um fornecedor ajuda a sobreviver a essas situações.
    Faco de suas palavras, as minhas...

  4. Citação Postado originalmente por fssfilipe Ver Post
    Entendo, minha empresa não é um provedor de internet em si, tenho uma empresa de TI que presta serviços de TI em geral como hosts gerenciados, servidores dedicados, etc, vou entrar em contato amanha pela parte da manhã para conversarmos, te passarei meus dados por e-mail.
    Porém essa parte do SCM me interessa, como te falei pode ser uma alternativa para que possa expandir os nossos negócios caso o link saia mais em conta.
    O melhor que negociei foram 4Mbps por 18k com a Telemar em Manaus/AM.
    A UNOTEL trabalha com a Embratel ou por satélite em minha região? (Se souber ou levantar essa informação por favor me avise..)

    A unotel utiliza a infovia da eletronet, que também é utilizada por grandes empresas como telemar e embratel



  5. Citação Postado originalmente por armc_2003 Ver Post
    Mais uma questão: Você já conseguiu contato com algum desses fornecedores e obteve alguma boa proposta?
    Segue trecho de uma mensagem da lista da ANID:

    "O preço por MB na ANID é R$ 550,00 (sem taxa de transporte).
    Esses preços são APENAS PARA PROVEDORES ASSOCIADOS.
    Os locais disponiveis poderão ser consultados através dos e-mails abaixo:

    joaomeira em anid.com.br
    viviane em anid.com.br"

    (ref.: [Inclusaodigital: 3630] [Inclusaodigital] Re: [inclusaodigital] Novidades na Lista)

    Eu não sei se a UNOTEL tem preços publicados; eu já ouvi falar que é R$590/Mbps, e a diferença por si só não seria um bom motivo para escolher uma ou outra (e como eu disse na mensagem anterior, escolha duas...). O custo de abertura de POP é que é um fator a ser pesado com muita cautela.

    O interessante do modelo da ANID é a disposição deles de irem colocando infra-estrutura no país, usando infra-estrutura de outra operadora de fibras que não a Eletronet (que tem no custo de abertura do POP um desafio complicado para lidar) e colocando torres deles mesmos (agora eles tem uma fábrica de torres que ficam super em conta) para aumentar a rede além da capilaridade de fibras, que é baixa num país que busca a Inclusão Digital.

    Como toda associação, tem também inscrição e mensalidade/anuidade... R$150 de inscrição, R$40 de mensalidade. (vide http://www.anid.com.br/docs/rn022007.pdf)

    Quanto à associação do pessoal do Sul, não tenho muito contato com as ofertas deles, mas como eles compartilham com você a dor de ser da região da Brasil Telecom, pelo menos em estratégias de concorrência vocês teriam muito para conversar, mesmo que não role compartilhamento de link.

    Veja que com a compra da BrT pela Oi é bom também conversar com o pessoal de NE/MG/RJ, pois a Oi está colocando os diretores dela para cuidar da região da BrT e trazendo os diretores da BrT para a região dela. O estilo Oi logo deve "aflorar" nas regiões Centro-Oeste e Sul, e quem já lida com a "Telemau" não é muito fã.






Tópicos Similares

  1. Respostas: 5
    Último Post: 08-05-2016, 18:16
  2. Vamos criar uma Associação de Provedores via Rádio?
    Por GilsonBarbosa no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 30
    Último Post: 28-01-2015, 14:08
  3. associação de provedores
    Por andrecyber no fórum Redes
    Respostas: 1
    Último Post: 29-03-2012, 17:53
  4. Juntarmos para pagar menos em link
    Por Acronimo no fórum Redes
    Respostas: 11
    Último Post: 18-04-2009, 17:23
  5. Escolha de Provedor ???? Qual o menos restritivo ????
    Por mcorrea no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 0
    Último Post: 04-03-2005, 09:06

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L