+ Responder ao Tópico



  1. #26
    Primo_USR9001
    Da uma olhada pra mim isso amigo... OK


    Brigado

  2. #27
    Avenger
    A minha concepção do que tá acontecendo com essa onda de DSL é o seguinte:

    Eu compro peixe da Telemar. Só ela e a Embratel pescam por aqui. Mas o peixe da embratel ainda é mais caro. Beleza. Então tou comprando 400Kg de peixe ao mês para vender para uma cidade E pagando 10 reais o quilo prá revender pro povo da cidade... Bom. Com uma cidade de clientes, vendo uma média de 10-15kg por dia, a uns 13 reais o quilo.. onze que seja... e tudo bem!..

    Aí um belo dia, a Telemar abre uma distribuidora de peixes aqui. Coloca um cartaszão, e promete: 7 reais o quilo de peixe. Assinatura por mês te da direito a 10Kg por mês. Você pega quando quiser até sua cota de 10Kg!... BUM! Quem é bem informado, vai lá comprar o peixe baratinho.
    E eu... Como vou entrar na concorrência, se eu pago 10 reais no quilo do bicho?.. Vou pagar prá ainda ter os clientes? Não. Ou eu compro do peixe da lojinha da Telemar, reduzindo minha cota direta com ela para 100Kg ao mês, mesmo assim ainda vou ter que fazer algo mais caro que ela prá poder ter alguma receita. E eis que vendo peixe a 8 reais o quilo.
    Mas vem mais problema. Eu tenho toda hora que mandar funcionário ir na lojinha da Telemar pegar peixe, e eles ficam aqui perdendo até chegarem os clientes prá comprar... se não der a receita de venda pro dia e o peixe ficar prá amanhã... já está velho, fedendo, é complicado usar o produto que a Telemar está vendendo baratinho pros clientes de forma a redistribuir como eu fazia com aquele produto que a Telemar me vende. Espera! Eu também sou cliente da Telemar! Porque ela não faz prá mim o serviço de peixes mais barato? Eu vou comprar todo aquele tantão de 400Kg de peixe do mesmo jeito!.. As vendas de peixe vão aumentar pelo fato de os clientes terem maior poder de compra, então... A Telemar também vai ganhar com isso, dessa forma eu vou contratar dela uma cota de 500, 700, 1000Kg de peixe por mês. Se ela tem condições de fornecer aquele tanto de peixe pros clientes a esse preço, porque ela não pode me fornecer um peixe 'distribuível' pelo menos a um preço compatível que ela, meu fornecedor, está vendendo pros... Meus clientes!..

    É isso que está acontecendo. Os backbones não têm tantos encargos para um link dedicado ser assim mais caro que o link DSL não. No máximo, uma implantação de fibra ótica, o que vem realmente a ser caro -- mas um investimento de uma-vez só, e que em dois ou três meses uma mensalidade de link dedicado paga -- e aí é só alegria nos lucros da prestadora. Apesar do ADSL usar as linhas telefonicas, o link dedicado passa por feixes de até 2Mbps, que passam também por linhas dedicadas, feixes caracterizados apenas por um Modem que nem é tão caro assim (mais barato que a mensalidade da prestadora!..).
    A solução para esse problema, seria se os provedores ganhassem preços mais módicos pelo link dedicado e -eles- os -provedores- pudessem comprar licensa para usar o DSLAM de Adsl assim como a Telemar faz. E com essa licensa poderem também usar a estrutura das linhas telefônicas, o que é o grande pulo do gato no adsl. Assim, exatamente como dialup (e não dialnet), os provedores estariam provendo acesso rápido aos clientes. O dialnet que Uol, Uai e outros provedores grandes vinham usando, é algo bem parecido. Ela não funciona bem para provedores pequenos (alguma dificuldade como 'conversar com a prestadora', ou controle de usuários online), mas é totalmente favorável pra os grandes. Os backbones, no que parece justo, não poderiam prover diretamente o serviço de ADSL, o que a ANATEL por algum motivo não conseguiu fazer. Seria possível assim, sem o BEDELHO dos Backbones, fornecermos um acesso rápido de preço e qualidade para a população, sem essa tão desleal concorrência esmagadora.

    Eis aí a minha opinião. Não precisaria ser mais caro nem pior prá ninguém, só a coisa certa deveria ser feita. Se os backbones se baseiam nos links dedicados que fornecem... eles estão os perdendo aos poucos, então?..

    Uma dica prá quem tem internet a rádio e quer ainda se dar bem, seria fornecer links de rádio não a cliente final, mas sim fornecer a prédios, condomínios ou vizinhanças inteiras com apenas um rádio muito bem configurado (taxa máxima possível) e distribuindo o local com cabos-de-rede; viabilizando assim redução do preço do serviço fornecido ao cliente -- mesmo assim fica inviável fazer preço mais barato do que o preço-por-kbit cobrado pelos dsl's das telcos.



  3. predio e condominios ate q vai com cabos proprios mais distribuir isso por cabos proprios atravez de postes em ruas eh furada pois basta alguem denunciar e la vai a compahia de energia arrancar tudo e lhe da uma multa ehehehehe fizeram por aqui e foram denunciados e deu nisso nao aconselho mesmo.......

  4. #29
    Avenger
    Aqui na frente de casa passa um cabo RJ45 preto beem na frente da sacada. Juntinho com os fios da Telemar. É do provedor concorrente! :X
    Na verdade quando pensei em vizinhança, eu pensei em ir passando o cabo pelos fundos das casas, atravessar a rua seria um problema... Que tal ser de um prédio ao outro sem passar pelas coisas da Telemar? Até de uma casa prá a outra pode ser feito, colocando umas roldaninhas. Acho que se não usar as estruturas da Cemig tá OK né? Desde que tome-se o cuidado de deixar os fios que atravessam a rua mais altos do que algum automóvel possa atingir e 'cortar'...
    Apesar de que outra vez um cabo de internet que atravessava a rua foi quebrado.. adivinhem por que? Caiu um balde de construção, cheio de cimento, de cima do prédio. Ao invés de acertar a cabeça de alguém lá embaixo, acertou em cheio o pobre cabinho coaxial!! Que bom, heim! Se fosse na cabeça de alguém seria pior!..



  5. #30
    Primo_USR9001
    Citação Postado originalmente por Avenger
    Uma dica prá quem tem internet a rádio e quer ainda se dar bem, seria fornecer links de rádio não a cliente final, mas sim fornecer a prédios, condomínios ou vizinhanças inteiras com apenas um rádio muito bem configurado (taxa máxima possível) e distribuindo o local com cabos-de-rede; viabilizando assim redução do preço do serviço fornecido ao cliente -- mesmo assim fica inviável fazer preço mais barato do que o preço-por-kbit cobrado pelos dsl's das telcos.
    Olha Amigo conheso um Provedor de um Cliente meu (Sou da Industria Gráfica Também)

    Eles so fornecem para grandes empresas... predios e hoteis... entederam...

    So que eles são grandes... tem Capital e sabem da onde vender... eles vendem para os clintes nos prédios... So que no predio da frente da minha casa... eles envistiram num ponto a ponto de 25 Kl... e tem um cliente só.... R$ 30,00... Cade a vantagem nisso... mais eles tão indo bem... tem dim dim... trabalham com sites na internet... te coloation... taum xeio do dim dim... rs rs rs

    Um Abraço






Tópicos Similares

  1. ADSL Velox no RedHat 8.0
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 4
    Último Post: 28-11-2002, 17:52
  2. ADSL - Ligar no linux ou no HUB?
    Por gholtz no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 7
    Último Post: 20-11-2002, 12:27
  3. Distribuir ADSL para estações Windows
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 06-11-2002, 22:50
  4. ADSL VELOX (Telemar) - Rio de Janeiro
    Por vflaminio no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 4
    Último Post: 17-09-2002, 09:01
  5. ADSL SPEEDY HOME (PPPOE) NO RED HAD 7.3
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 3
    Último Post: 15-09-2002, 18:58

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L